Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
CIÊNCIAS SOCIAIS EM DESENVOLVIMENTO, AGRICULTURA E SOCIEDADE (31002013007P9)
Processos de territorialização, circulação e mobilização étnico-política dos Guarani (Mbya) do litoral da Costa Verde.
LUIZ CARLOS DE OLIVEIRA LOPES
TESE
08/05/2019

O termo Guarani é uma categoria que engloba muitas singularidades étnicas, a exemplo dos Mbya, os Ava, os Nhandeva, os Tupi e os Kaiowa, ocupando territórios diversos no Brasil, Argentina, Paraguai e Uruguai. Este trabalho dedica-se ao estudo dos Mbya residentes nas aldeias localizadas no litoral Sul do Estado do Rio de Janeiro e em uma aldeia no litoral Norte de São Paulo. O foco dapesquisa são os processos de territorialização empreendidos ao longo das décadas de 70, 80 e 90 pelo grupo mencionado. O palco para tais processos foram as profundas mudanças políticas, econômicas, culturais e sociais ocorridas na região da chamada Costa Verde e no Norte Paulista, especialmente com a construção da rodovia Rio-Santos na década 70. O processo de territorialização em curso nas décadas seguintes a 1970 é o ponto de partida para a reflexão desenvolvida. O trabalho aponta que é na luta pelo território que os Guarani constroem suas redes de alianças com os brancos e com outros indígenas em situação semelhante de litígio por terras nos cobiçados domínios da Mata Atlântica. Na atualidade, a mobilização dos Guarani é marcada pela circulação e acionamento de redes interétnicas, protagonizando lutas políticas por terra, saúde, educação, saneamento, etc. seja enquanto grupo étnico indígena, seja enquanto comunidade tradicional no âmbito do Fórum das Comunidades Tradicionais –FCT. Este trabalho demonstraque as caminhadas pelo litoral se tornaram a força motriz das mobilizações étnico-políticas e através delas se constituem vetores para promoção de trocas diversas e da intensificação das relações de parentesco.

mobilidade;Guarani-Mbya;espacialidade;territorialização;associativismo.
The term Guarani is a category that encompasses many ethnic singularities, such as the Mbya, the Ava, the Nhandeva, the Tupi and the Kaiowa, occupying various territories in Brazil, Argentina, Paraguay and Uruguay. This work is dedicated to the study of the Mbya, residents in the villages located on the Southern coast of the State of Rio de Janeiro and in a village on the North coast of São Paulo. The focus of the research is the territorialization processes undertaken over the decades of 70, 80 and 90 by the mentioned group. The stage for such processes were the profound political, economic, cultural and social changes that occurred in the Costa Verde and North Paulista regions, especially with the construction of the Rio-Santos highway in the 1970s. The process of territorializationongoing through the decades that followed 1970 is the starting point for the developed reflection. Its pointed out that throughout the struggle for the territory the Guarani build their networks of alliances with white people and with other indigenous people, in a similar situation of litigation for land in the coveted areas of the Atlantic Forest. Nowadays, the mobilization of the Guarani is marked by the circulation and activation of interethnic networks, leading the way in political struggles for land, health, education, sanitation, etc., as an indigenous ethnic group, or as a traditional community at The framework of the Forum of Traditional Indigenous Communities –FCT. This work demonstrates that coastal walks have become the driving force of ethnic-political mobilizations and through them constitute themselves as vectors for the promotion of diverse exchanges and for the intensification of kinship relations.
mobility;Guarani-Mbya, spatiality;territorialization;associativism.
0
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

DESENVOLVIMENTO, AGRICULTURA E SOCIEDADE
ESTUDOS DE CULTURA E MUNDO RURAL
Mercado de terras e desterritorialização: novas dinâmicas de expropriação de recursos comunais na Amazônia

Banca Examinadora

THEREZA CRISTINA CARDOSO MENEZES
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
LEONILDE SERVOLO DE MEDEIROS Docente - PERMANENTE
THEREZA CRISTINA CARDOSO MENEZES Docente - PERMANENTE
DEBORA FRANCO LERRER Docente - PERMANENTE
JOAO PACHECO DE OLIVEIRA FILHO Participante Externo
SIDNEI CLEMENTE PERES Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
CONS NAC DE DESENVOLVIMENTO CIENTIFICO E TECNOLOGICO - Bolsa de Doutorado no País GD 48

Vínculo

Servidor Público
Empresa Pública ou Estatal
Ensino e Pesquisa
Sim