Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA
LETRAS (40002012012P8)
Os tempos da lavoura.
JULIANA DA SILVA BELLO
DISSERTAÇÃO
23/04/2018

Este trabalho propõe uma leitura crítica da obra Lavoura Arcaica (1975), de Raduan Nassar, sob a ótica do Tempo. A dissertação organiza-se a partir de três eixos considerados primordiais para este estudo. Inicia-se pelo tempo enquanto categoria narrativa, depois, analisar-se-á o tempo no contexto religioso, para, por fim, deter-se nele enquanto perspectiva filosófica. Esta composição torna-se necessária para, no primeiro momento, compreender a versátil ordem do tempo na narrativa que, por sua vez, é acionada pelo processo da memória do narrador-personagem de modo não linear, atrelada à linguagem poética. Considera-se, além disso, o tempo na esfera do mito, tendo em vista a força cíclica da narrativa fundamentada em conceitos religiosos que a permeiam. Ao final, volta-se para o tempo conjecturando-o no contexto filosófico que estreita no romance uma profunda reflexão sobre o tema. Neste sentido, verifica-se que o Tempo, na obra, atinge o estatuto de personagem, pois presume uma narrativa a seu respeito ao marcar uma consciência e consideração, tornando-o visível. Selecionou-se como fundamental suporte teórico Gérard Genette (1995), Benedito Nunes (1995), Mircea Eliade (1992), Santo Agostinho (2001), Paul Ricoeur (1995), Jean Pouillon (1974), dentre outros.

Raduan Nassar. Lavoura Arcaica. Tempo.
This work proposes a critical reading of Raduan Nassar’s novel Lavoura Arcaica (1975), from the standpoint of Time. The dissertation is organized in three nuclei that are considered crucial for this study. First, time will be analyzed as a narrative. Secondly, it will be analyzed within the religious context. Finally, it will be addressed in its phylosophical perspective. This configuration is required in a first stage to enable the understanding of the versatile order of time in the narrative which, in turn, is activated by the memory of the first-person narrator in a non-linear way, connected to the poetic language. Time is also considered in the sphere of the myth, in view of the cyclical force of the narrative based on the religious concepts that permeate it. Finally, time is conjectured in the philosophical context which strengthens in the novel a deep reflection upon the subject. In this sense, it is acknowledged that Time, in the novel, reaches the status of a character, because it predicates a narrative about itself when it becomes visible by tracing a conscience and a consideration. It was selected as a fundamental theoretical framework Gérard Genette (1995), Benedito Nunes (1995), Mircea Eliade (1992), Santo Agostinho (2001), Paul Ricoeur (1995), Jean Pouillon (1974), among others.
Raduan Nassar. Lavoura Arcaica. Time.
1
79
PORTUGUES
UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA
O trabalho não possui divulgação autorizada

Contexto

LITERATURA BRASILEIRA E OUTRAS LITERATURAS VERNÁCULAS
PRODUÇÕES LITERÁRIAS MODERNAS E CONTEMPORÂNEAS
A minificção brasileira contemporânea

Banca Examinadora

MIGUEL HEITOR BRAGA VIEIRA
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
LUIZ CARLOS SANTOS SIMON Docente - PERMANENTE

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
CONS NAC DE DESENVOLVIMENTO CIENTIFICO E TECNOLOGICO - Bolsa de Mestrado GM e Doutorado GD 20

Vínculo

-
-
-
Não