Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA
LETRAS (40002012012P8)
Representações da solidão em Até o dia em que o cão morreu, de Daniel Galera.
CAROLINE RODOVALHO
DISSERTAÇÃO
25/04/2017

Até o dia em que o cão morreu, primeiro romance do escritor Daniel Galera, foi lançado inicialmente pela editora independente Livros do mal em 2003 e, posteriormente, editado pela Companhia das Letras, em 2007. A obra é narrada em primeira pessoa a partir da visão do personagem central, um jovem recém-graduado em Letras, desempregado e sustentado pelos pais. Vivendo sozinho em um pequeno apartamento alugado no centro de Porto Alegre e afundado em uma realidade sem perspectivas, o personagem se isola cada vez mais dos amigos e da família, tendo como companhias apenas um cão vira-lata e uma jovem modelo em início de carreira, com quem mantém um relacionamento sem nenhuma pretensão de compromisso. As situações de solidão e a evidência de uma visão individualista em relação a si mesmo e aos outros, experimentadas pelo personagem, são explicitadas em diversos trechos do romance. Nosso objetivo neste estudo é investigar como se dá a representação da solidão no romance de Galera, considerando seus indícios estético-discursivos.

Solidão. Romance brasileiro contemporâneo. Daniel Galera. Até o dia em que o cão morreu.
Até o dia em que o cão morreu (2007), the first novel by Daniel Galera, was initially launched by the publishing house Livros do mal in 2003 and later published by Companhia das Letras in 2007. The work is narrated in first person at the point of view of the central character, a young formed graduated in Literature, unemployed and supported by his parents. Living alone in a small rented apartment in the center of Porto Alegre and sunk into a reality without prospects, the character is increasingly isolated from his friends and his family, and his only companies are a dog and a young model in early career, which keeps a relationship with no commitment pretension. The situations of loneliness and the evidence of an individualistic view of himself and the others, experienced by the character are established in many parts of the novel. The goal in this study is to investigate the representation of solitude in Galera's novel, considering its aesthetic discursive indications.
Loneliness. Brazilian contemporary novel. Daniel Galera. Até o dia em que o cão morreu.
1
80
PORTUGUES
UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA
O trabalho não possui divulgação autorizada

Contexto

LITERATURA BRASILEIRA E OUTRAS LITERATURAS VERNÁCULAS
PRODUÇÕES LITERÁRIAS MODERNAS E CONTEMPORÂNEAS
A minificção brasileira contemporânea

Banca Examinadora

MIGUEL HEITOR BRAGA VIEIRA
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
TELMA MACIEL DA SILVA Docente - PERMANENTE

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Programa de Demanda Social 11

Vínculo

-
-
-
Não