Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
Práticas em Desenvolvimento Sustentável (31002013024P0)
GESTÃO DE PARQUES NACIONAIS NO BRASIL E NA COLÔMBIA
SOFIA FRANCA SOBRAL
DISSERTAÇÃO
20/12/2019

Os Parques Nacionais são áreas protegidas onde é permito apenas o uso indireto dos bens naturais, ou seja, aquele que não envolve consumo, coleta ou dano aos recursos naturais. O alcance dos objetivos destas áreas depende da efetividade das suas estratégias de gestão, especialmente as que tratam da interface homem e meio ambiente. Este estudo teve como objetivo analisar a gestão dos Parques Nacionais do Brasil e da Colômbia, afim de conhecer, a partir da perspectiva dos gestores, a efetividade das estratégias de gestão socioambientais presentes nestes países ricos em diversidade biológica e cultural. Para a amostra foi selecionado o total de dez parques nacionais, cinco em cada país. A principal metodologia adotada foi a Avaliação Rápida e a Priorização do Manejo de Unidades de conservação (RAPPAM), desenvolvida pelo Fundo Mundial para a Vida Selvagem (WWF), da qual foi adicionada um modulo temático sobre turismo e mais um questionário socioambiental complementar. Os resultados classificaram o Brasil e a Colômbia com alta efetividade de gestão. A caça e captura de animais, as espécies exóticas e grandes empreendimentos foram as três pressões e ameaças com os maiores graus de impacto para o Brasil, enquanto para a Colômbia foram a mineração, as espécies exóticas e a criação de animais. Foram identificadas quatro pressões e três ameaças em comum para estes países, sendo o turismo não regulado o único considerado pressão e ameaça à ambos. O fácil acesso para atividades ilegais foi considerado a maior vulnerabilidade para os parques estudados nos dois países. No módulo de importância socioeconômica os dois países também foram classificados com alta efetividade, enquanto no módulo socioambiental o Brasil obteve 61%, um alto índice de efetividade de gestão, e a Colômbia ficou com 51%, índice considerado mediano. As disputas mal resolvidas com relação à posse de terra ou direito de uso foi o único ponto fraco em comum para os dois países, sendo encontrado em 80% dos parques. Observou-se a relação das pressões e ameaças entre si e com as vulnerabilidades destas áreas, o que demanda estratégias sistêmicas para tratar a complexidade destes problemas. Constatou-se a importância do desenvolvimento de alternativas e estratégias de gestão socioambiental que visem a conciliação da conservação da natureza com atividades das comunidades de dentro e do entorno dos parques para o alcance dos objetivos destas áreas protegidas.

RAPPAM, áreas protegidas, comunidades locais.
National Parks are protected areas where only the indirect use of natural assets is allowed. The presence of these parks in areas where communities live can generate conflicting situations that directly interfere in the achievement of the objectives of these areas, being a great challenge for those responsible for their management. National Parks of the two most megadiverse countries of the world, Brazil and Colombia, were studied in order to analyze the management strategies, in order to know, from the perspective of the managers, the effectiveness of social and environmental management strategies towards the local communities of the National Parks of Brazil and Colombia. For the sample, five national parks were selected in each country. The methodology adopted was the Rapid Assessment and Prioritization of Management of Conservation Units (RAPPAM), developed by the World Wildlife Fund (WWF), from which a module and a further socio-environmental questionnaire. Brazil obtained a general management effectiveness index of 63% and Colombia 66%, both of which were classified as high management effectiveness. In the module of socioeconomic importance the two countries were classified with high effectiveness, Colombia scored 70% while Brazil 69%, while in the socio-environmental module Brazil obtained 61%, a high management effectiveness index, and Colombia was 51% , considered median index. 90% of the module of socioeconomic importance was considered as a strength for the management of the two countries, while in the module of social and environmental importance, 80% of the points are considered strong for Brazil and for Colombia only 60%. Unresolved disputes with regard to land tenure or right of use are the only weak point that occurs simultaneously in both countries, and can be found in 80% of the parks.
RAPPAM, protected areas, local communities.
1
94
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

PRÁTICAS EM DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL
LINHA 2: POLÍTICAS PÚBLICAS, GOVERNANÇA E CONFLITOS SOCIOAMBIENTAIS
Novos olhares sobre o meio ambiente, cultura e a sociedade através da educação ambiental

Banca Examinadora

LEANDRO MARTINS FONTOURA
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
ANDRE FELIPPE NUNES DE FREITAS Docente - PERMANENTE
LEANDRO MARTINS FONTOURA Docente - PERMANENTE
CEZAR HENRIQUE BARRA ROCHA Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO - UFRRJ 24

Vínculo

CLT
Empresa Privada
Empresas
Não

Produções Intelectuais Associadas

Não existem produções associadas ao trabalho de conclusão.