Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE METROPOLITANA DE SANTOS
MEDICINA VETERINÁRIA NO MEIO AMBIENTE LITORANEO (33103011004P9)
Pesquisa de cistos de Giardia spp. em amostras fecais de psitaciformes cativos em cidades da região litorânea do estado de São Paulo
ANDRE LUIS PAES GOMES DA CUNHA ANDRADE
DISSERTAÇÃO
09/08/2019

A giardíase é uma zoonose de distribuição cosmopolita causada por protozoários flagelados pertencentes ao gênero Giardia. O parasita pode se apresentar de duas formas durante o seu ciclo de vida, trofozoíto e cisto. Ambos podem ser encontrados nas fezes, porém apenas os cistos conseguem sobreviver sob condições ambientais, sendo facilmente transmitido aos animais e seres humanos. A maioria das pessoas infectadas não apresenta sintomas, porém, pode ocorrer diarreia, dor abdominal, desidratação, perda de peso, entre outros. Em aves, os principais sintomas são emagrecimento, diarreia, desidratação e anorexia. Também pode causar ressecamento da pele e bicamento de penas. A doença pode provocar óbito nas aves e o agravamento do quadro está relacionado à superlotação, estresse e desnutrição. Psitacídeos (arara, calopsita, papagaio, periquito, etc.) são aves caracterizadas pelo bico curvo, zigodactilia (dois dedos dos pés para frente e dois para trás), maxila móvel e capacidade de imitar voz humana. São inteligentes e interagem bem com seres humanos, por esses motivos são muito utilizados como aves de companhia. Devido a desinformação dos proprietários, essas aves sofrem com manejo nutricional e ambiental equivocados, tornando-as suscetíveis a diversas enfermidades, como a giardíase. O presente trabalho tem como objetivo determinar a frequência de ocorrência de cistos de Giardia em fezes de psitacídeos cativos em municípios da Baixada Santista através do método de Sheather modificado, que consiste em uma técnica de flutuação em sacarose e também, o método de Ritchie modificado, que consiste em técnica de centrífugo-sedimentação utilizando água e éter. Foram analisadas 130 amostras fecais, sendo 58 positivas para Giardia spp. (46,6%). Ambas as técnicas utilizadas tiveram a mesma eficácia. Esses resultados demonstram elevada frequência de cistos de Giardia em fezes de psitacídeos de companhia em região litorânea.

Giardíase;Giardia;Aves;Psitacídeo;Baixada Santista
Giardiasis is a cosmopolitan distribution zoonosis caused by flagellated protozoa belonging to the Giardia's genus. The parasite can present itself in two forms during its life cycle, trophozoite and cyst. Both forms can be found in feces, but only cysts can survive under environmental conditions and are easily transmitted to animals and humans. Clinical manifestations caused by giardiasis vary individually depending on the host. Most infected people have no symptoms, but diarrhea, abdominal pain, dehydration, weight loss, and others may occur. The main manifestations in birds are weight loss, diarrhea, dehydration, anorexia and weight loss. It can also cause skin dryness and self mutilation. The disease can cause death in birds and the worsening of the condition is related to overcrowding, stress and malnutrition. Psittacine (macaw, cockatiel, parrot, parakeet, etc.) are birds characterized by curved beak, zygodactyly (two toes forward and two back), movable jaw, and ability to mimic human voice. They are intelligent and interact well with humans, so they are widely used as companion birds. Due to misinformation of the owners, these birds suffer from mistaken nutritional and environmental management, making them susceptible to various diseases, such as giardiasis. The present work aims to determine the frequency of occurrence of Giardia cysts in captive parrot feces in municipalities of Baixada Santista through the modified Sheather method, which consists of a sucrose flotation technique and also the modified Ritchie method which consists of a centrifugal-sedimentation technique using water and ether. To date, 130 samples have been analyzed, 58 positive for Giardia (46.6%). Both techniques have been equally effective. These results demonstrate a high frequency of Giardia cysts in companion psittacine feces in littoral.
Giardiasis;Birds;Psittacine;Baixada Santista
33
PORTUGUES
UNIVERSIDADE METROPOLITANA DE SANTOS
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

Medicina Veterinária no Meio Ambiente Litorâneo
PECULIARIDADES DAS ENFERMIDADES DE ANIMAIS NO MEIO AMBIENTE LITORÂNEO
Aspectos epidemiológicos de enfermidades infecto-contagiosas de animais domésticos no meio ambiente litorâneo

Banca Examinadora

JULIANA MARTINS AGUIAR
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
JULIANA MARTINS AGUIAR Docente - PERMANENTE
FABIOLA ELOISA SETIM PRIOSTE Participante Externo
GIULIANA PETRI Docente - PERMANENTE

Vínculo

Colaborador
Empresa Privada
Profissional Autônomo
Sim