Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE
Ensino (23002018009P9)
A PRODUÇÃO TEXTUAL EM PERSPECTIVA SOCIODISCURSIVA: UMA ANÁLISE DE PLANOS DE AULA DO SITE NOVA ESCOLA
WANDERLEYA MAGNA ALVES
DISSERTAÇÃO
24/04/2019

Esta dissertação parte do princípio de que a linguagem é elemento social, histórico, dialógico e ideológico. Dessa forma, não deve ser estudada, compreendida e/ou produzida considerando apenas seu material repetível, um lugar social único ou qualquer aspecto que se dissocie do todo constituinte de um enunciado. Compreende-se que estudar e ensinar uma língua, neste caso, uma língua adicional, requer dos sujeitos envolvidos neste ensino e nesta aprendizagem diversos aspectos de âmbito contextual, discursivo e linguístico, elementos fundamentais para a construção dos sentidos. Alinhados a este pensamento, propomos investigar como os planos de aula de língua inglesa do site da Revista Nova Escola orientam o trabalho com a produção textual. A discussão tem como ancoragem teórica pressupostos dos estudos da linguagem que concebem a língua e a linguagem constituídas sócio ideologicamente (BAKHTIN, 2016; VOLÓCHINOV, 2017). Nessa acepção, as ideias manifestadas neste trabalho convergem para se pensar um ensino de produção textual enquanto atividade discursiva, dependente de um contexto e de interlocutores, elementos que ajudam a constituir o caráter social inerente à produção de enunciados. Além disso, embasamo-nos em trabalhos de Rocha (2009), Szundy (2014), Donato (2017), Ribas (2018), entre outros. Quanto à forma de orientação metodológica, esta pesquisa se desenvolve no âmbito das investigações em ciências humanas, se configurando como uma pesquisa bibliográfica, de natureza qualitativa e de cunho interpretativo. Nossas análises se constituíram de um corpus com quatro planos de aula que propunham como atividade de produção algum gênero discursivo. Os referidos planos retirados do site da Revista Nova Escola, foram coletados no período de setembro a dezembro de 2018. Ao analisar o corpus selecionado, fica evidente que os planos tentam trabalhar com uma variedade de gêneros discursivos, especialmente em relação às leituras que antecedem os procedimentos de produção dos textos. Contudo, não parece fazer parte de seus objetivos o desenvolvimento de capacidades linguístico-discursivas que possibilitem aos alunos agirem com protagonismo nas mais diversas instâncias sociais, das quais eles participam, haja vista a ênfase na atividade de produção recair sobre aspectos estruturais e gramaticais dos textos. Os resultados destacados sinalizam a necessidade de uma formação teoricamente bem fundamentada do professor, tendo em vista que, consciente de seus objetivos de aprendizagem, provavelmente, não será levado a reproduzir práticas pedagógicas sem nenhuma reflexão crítica.

Ensino de Língua inglesa em perspectiva sociodiscursiva;Planos de aula de Língua Inglesa;Produção textual;Site da Revista Nova Escola
This Master’s dissertation assumes that language is a social, historical, dialogical and ideological element. Thus, it should not be studied, understood and/or produced considering only its repeatable material, a single social place or any aspect dissociated from the whole constituent of a statement. It is understood that studying and teaching a language, in this case, an additional language, requires of the subjects involved in this teaching and in this learning several aspects of contextual, discursive and linguistic scope, fundamental elements for the construction of the senses. According to this thought, we propose to investigate how the English-language lesson plans of the Nova Escola Magazine Website guide the work with textual production. The discussion has as theoretical anchorage presuppositions of the studies of the language that conceive the language constituted partner ideologically (BAKHTIN, 2016, VOLÓCHINOV, 2017). In this sense, the ideas expressed in this work converge to consider the textual production as a discursive activity, dependent on a context and interlocutors, elements that help to constitute the social character inherent in the production of statements. In addition, we base ourselves on works by Rocha (2009), Szundy (2014), Donato (2017), Ribas (2018), among others. As to the methodological orientation, this research is carried out within the scope of human sciences research, it is configured as a bibliographical research, of a qualitative and interpretive nature. Our analyzes consisted of a corpus with four lesson plans that proposed as a production activity some discursive genre. The plans were taken from the Nova Escola Magazine website and collected from September to December in 2018. Analyzing the selected corpus, it is evident that the plans try working with a variety of discursive genres, especially in relation to the readings that precede procedures for the text production. However, it does not seem to be part of their objectives to develop linguistic-discursive abilities that allow students to play a leading role in the most diverse social instances of which they participate, given the emphasis on production activity on structural and grammatical aspects of texts . The results highlight the need for a theoretically well-founded teacher training, considering that, conscious of his / her learning objectives, probably, he/she will not be led to reproduce pedagogical practices without any critical reflection.
English language teaching in sociodiscursive perspective;English Language lesson plans;Text production;Nova Escola Magazine website
1
180
PORTUGUES
UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

EDUCAÇÃO BÁSICA
ENSINO DE LÍNGUAS
Os gêneros do discurso e suas contribuições para o ensino de língua materna: um estudo em perspectiva dialógica

Banca Examinadora

JOSE CEZINALDO ROCHA BESSA
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
MARIA ZENAIDE VALDIVINO DA SILVA Docente - PERMANENTE
JOSE CEZINALDO ROCHA BESSA Docente - PERMANENTE
MARIA IRISDENE BATISTA BARRETO Participante Externo

Vínculo

Servidor Público
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Sim