Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ
Ensino na Saúde (22003010023P5)
MUDANÇAS CURRICULARES NA FORMAÇÃO EM ODONTOLOGIA NO BRASIL: REALIDADE OU INTENÇÃO?
LIVIA LOPES FONTELES SERRANO DANTAS
DISSERTAÇÃO
18/12/2013

Historicamente, a formação em Odontologia no Brasil baseou-se em um modelo autossuficiente, de transmissão de conteúdos e práticas, sem interlocução com as necessidades da sociedade. Como consequência, os cirurgiões-dentistas são formados com uma visão frágil para legitimar conflitos pessoais e situações sociais. A crise no mercado liberal e a inclusão deste profissional na Estratégia de Saúde da Família fez surgir um novo mercado de trabalho na realidade do Sistema Único de Saúde (SUS). Nesse sentido, as Diretrizes Curriculares Nacionais (DCN) para o curso de Odontologia, implantadas em 2002, vieram propor mudanças no perfil de formação deste profissional, visando a uma ressignificação de sua atuação e ao desenvolvimento e melhor resolubilidade do SUS. Esta pesquisa, portanto, consistiu em compreender as mudanças na formação em Odontologia advindas das inovações curriculares à luz da produção científica sobre o tema e das DCN. Trata-se de um estudo exploratório, descritivo, numa abordagem qualitativa. Quanto ao seu delineamento, caracteriza-se como Revisão Integrativa. A coleta de dados aconteceu por meio da Biblioteca Virtual em Saúde, do Portal da CAPES e da base de dados Scielo, com origem nos quais 44 artigos foram selecionados para compor a amostra do estudo. A Análise de Conteúdo foi utilizada para a organização dos dados e, desta forma, categorias de análise foram identificadas com suporte nas ideias-chaves da amostra. Os achados mostraram que mudanças curriculares têm acontecido na formação em Odontologia. As mudanças mencionadas foram de várias naturezas, a saber: com foco no perfil do egresso para atuação no SUS; referentes à capacitação docente; de fortalecimento do componente ético no ensino; de estímulo ao ensino pela pesquisa; curriculares; relativas à integração ensino-serviço; e relativas ao aspecto pedagógico do processo de ensino-aprendizagem. Avanços também foram mencionados, embora de forma ainda pouco expressiva, verificou-se referência à satisfação dos estudantes; à sua mudança de postura a partir das práticas clínicas na realidade do SUS e das transformações do processo de ensino-aprendizagem em saúde; e à mudança na conduta dos docentes diante das transformações curriculares. Outro aspecto evidenciado no estudo se refere aos desafios para a efetivação das mudanças curriculares, os resultados apontaram para questões amplas, como a orientação pedagógica consequente do paradigma biomédico; a falta de capacitação pedagógica dos docentes; a presença incipiente da ética na graduação; a força do modelo técnico-científico, pouco comprometido com as questões sociais e com o sistema público de saúde; a falta de apoio das políticas universitárias; e a falta de incentivo às práticas de pesquisa. A partir dos resultados, o estudo indica que mudanças têm ocorrido na formação dos cirurgiões-dentistas, no entanto, carecem de tempo, forte apoio reflexivo, acompanhamento e avaliação, pois muitas se contrapõem à política de formação tradicional. Aponta-se como contribuição deste estudo a reflexão produzida acerca da formação em Odontologia no Brasil, considerando que este tema tem sido foco de discussão e que tem influência nas políticas de saúde.

Currículo. Odontologia. Educação Superior. Diretrizes Curriculares Nacionais.
Historically , dentistry training in Brazil is based on a self-sufficient model of content delivery and practices, without dialoguing about the needs of society. As a result, dentists are formed with a fragile vision to legitimize personal conflicts and social situations. The crisis in liberal market and the inclusion of this professional in the Family Health Strategy has created a new labor market reality arise in the Unified Health System (SUS). Accordingly, the National Curriculum Guidelines (DCN) to the dental clinic, established in 2002, came to propose changes in the formation of the profile of this kind of professional, seeking for the redefinition of their role and development and better solvability of SUS. This research, therefore, was focused in understanding the changes in dentistry training curriculum stemming from the light of scientific literature on the subject and DCN innovations. This is an exploratory, descriptive study and a qualitative approach. As for your design, it features as an Integrative Review. Data collection occurred through the Virtual Health Library, CAPES Portal and Scielo scientific paper database. In which 44 articles were selected for the study sample . The content analysis was used to organize the data and thus categories were identified supporting the key ideas of the sample. The findings showed that curricular changes have happened in dentistry training. The changes mentioned were of various kinds, like: focusing on the egress for actuation profile SUS regarding teacher training, strengthening the ethical component in teaching, to stimulate education through research, curriculum, concerning the teaching-service integration and on the teaching aspect of the teaching-learning process. Advances have also been mentioned in the studies, even though not significantly, there was reference to student satisfaction, their change of stance from the reality of clinical practice in the SUS and the transformations of the teaching-learning processes and change in conduct of teachers on the curriculum changes. Another aspect highlighted in the study refers to the challenges to apply the curriculum changes, the results pointed to broad issues such as the consequent mentoring the biomedical paradigm, the lack of pedagogical training of teachers, the incipient presence of ethics in undergraduate; strength the little committed to social issues and the public health system technical- scientific model, the lack of support from the university policies, and the lack of incentive to research practices. From the results, the study indicates that changes have occurred in the training of dentists, however, lack of time, strong reflexive support, monitoring and evaluation, as many are opposed to the traditional training policy. It is pointed out as a contribution of this study produced the reflection about dentistry teaching in Brazil, considering that this topic has been the focus of discussion and that influences health policy.
Curriculum. Dentistry. Higher Education. National Curriculum Guidelines
01
117
PORTUGUES
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

FORMAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DOCENTE NA SAÚDE
-
-

Banca Examinadora

MARIA DE FATIMA ANTERO SOUSA MACHADO
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
CLEIDE CARNEIRO Docente - PERMANENTE
REGINA GLAUCIA LUCENA AGUIAR FERREIRA Participante Externo

Vínculo

Servidor Público
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Não

Produções Intelectuais Associadas

Não existem produções associadas ao trabalho de conclusão.