Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO
CIÊNCIAS VETERINÁRIAS (30001013033P0)
EXISTE CONCORDÂNCIA ENTRE O NESTED PCR E O 4DX® PLUS NO DIAGNÓSTICO DE ERLIQUIOSE CANINA?
BRENDA FAYLA SECO DE OLIVEIRA
DISSERTAÇÃO
27/02/2019

A erliquiose monocítica canina é uma hemoparasitose causada pela bactéria intracelular Ehrlichia canis, que apresenta distribuição mundial, embora tenha maior ocorrência em regiões com climas tropicais e temperados, devido à alta prevalência do seu vetor biológico, o Rhipicephalus sanguineus. Em decorrência da alta prevalência da erliquiose em cães, da gravidade dessa enfermidade e da necessidade de um diagnóstico mais preciso, objetivou-se avaliar o valor diagnóstico do teste sorológico (4Dx® Plus) com relação ao nested PCR e correlacionar os achados hematológicos com o nested PCR no diagnóstico de erliquiose monocítica canina. Foram selecionados 83 cães, apresentando suspeita clínica de erliquiose, não podendo ter histórico de hemoparasitoses, há menos de 9 meses. Foi realizada coleta de sangue para realização do hemograma, esfregaço sanguíneo (pesquisa de mórulas de Ehrlichia), teste de ELISA (4Dx® Plus) e nested PCR. Das 83 amostras de cães suspeitos, o nested PCR foi positivo para Ehrlichia canis em 26 cães (31,33%). A avaliação pelo teste 4Dx® Plus mostrou que 39 cães eram positivos (46,99%) para Ehrlichia sp. Observou-se que somente 15 cães (18,07%) apresentaram resultados positivos, tanto no nested PCR quanto no teste 4Dx® Plus. De acordo com a análise de distribuição de probabilidades, observou-se que teste 4Dx® Plus apresentou uma sensibilidade do 57,69%, especificidade de 57,89% com acurácia de 57,83%. Considerando apenas os cães positivos no nested PCR, não houve correlação entre a presença de nenhum parâmetro para Ehrlichia canis.

Ehrlichia canis, erliquiose monocítica canina, ELISA, sensibilidade, especificidade.
Canine monocytic ehrlichiosis is a hemoparasitosis caused by the intracellular bacterium Ehrlichia canis, which has a worldwide distribution, although it occurs more frequently in regions with tropical and temperate climates due to the high prevalence of its biological vector, the Rhipicephalus sanguineus. Due to the high prevalence of ehrlichiosis in dogs, the severity of this disease and the need for a more precise diagnosis, the aim of this study was to evaluate the diagnostic value of the serological test (4Dx® Plus) in relation to the nested PCR and to correlate the hematological findings with the nested PCR in the diagnosis of ehrlichiosis. Eighty-three suspected dogs were selected, without history of previous hemoparasitosis. Hemogram, blood smear (detection of Ehrlichia morulae), ELISA test (4Dx® Plus) and nested PCR were performed. Among 83 samples, nested PCR was positive for Ehrlichia canis in 26 dogs (31.33%). Evaluation by the 4Dx® Plus test showed that 39 dogs were positive (46.99%) for Ehrlichia sp. It was observed that only 15 dogs (18.07%) presented positive results, both in nested PCR and 4Dx® Plus test, presenting a poor agreement. It was observed that 4Dx® Plus test presented a sensitivity of 57.69%, specificity of 57.89%, with an accuracy of 57.83%. There was no correlation between the hematological parameters with the presence of Ehrlichia canis diagnosed in the nested PCR. It is concluded that there is a great disagreement between the results obtained in the nested PCR and the 4Dx® Plus and, considering the nested PCR as the gold standard for the diagnosis of ehrlichiosis, a low accuracy, sensitivity and specificity of 4Dx® Plus.
Ehrlichia canis, canine monocytic ehrlichiosis, ELISA, sensitivity, specificity.
01
40
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO
O trabalho não possui divulgação autorizada

Contexto

CIÊNCIAS VETERINÁRIAS
DIAGNÓSTICO E TERAPÊUTICA DAS ENFERMIDADES CLÍNICO-CIRÚRGICAS
-

Banca Examinadora

KARINA PREISING APTEKMANN
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
DIRLEI MOLINARI DONATELE Participante Externo

Vínculo

CLT
Outros
Outros
Sim