Dados do Trabalhos de Conclusão

CENTRO DE PESQUISA EM SAÚDE ANIMAL
SAÚDE ANIMAL (43043003001P2)
Caracterização da suscetibilidade acaricida e resistência colateral entre lactonas macrocíclicas em isolados de Rhipicephalus microplus da Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul
MARCELO BECKER
DISSERTAÇÃO
14/06/2018

A Macrorregião da Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul (RS) tem um papel fundamental no cenário da pecuária gaúcha, concentrando grande parte do rebanho de bovinos de corte do estado. O carrapato Rhipicephalus microplus acarreta grandes prejuízos econômicos aos produtores, tanto por danos diretos quanto indiretos aos animais, sendo de fundamental importância o monitoramento da resistência das populações de carrapatos de cada propriedade a fim de minimizar os prejuízos causados e otimizar o método de controle químico. No RS muitas propriedades já apresentam populações de carrapatos multirresistentes aos acaricidas disponíveis no mercado. Essa situação é alarmante e muitos produtores a desconhecem. A resistência de R. microplus aos fármacos da classe das lactonas macrocíclicas já é detectada há pelo menos 17 anos no RS e a resistência colateral entre as drogas dessa classe é um ponto importante a ser considerado no manejo da resistência e nas estratégias de controle do carrapato utilizando estes acaricidas. Os objetivos desse trabalho foram: i) diagnosticar a resistência acaricida em populações de carrapatos da Fronteira Oeste e, ii) avaliar a ocorrência de resistência colateral entre avermectinas (ivermectina - IVM e doramectina - DRM) e milbemicinas (moxidectina - MXD) em R. microplus. Visando o diagnóstico de resistência acaricida, carrapatos (fêmeas ingurgitadas) foram coletados diretamente dos animais parasitados em 58 propriedades. Estas amostras foram submetidas a testes laboratoriais com adultos e/ou larvas contra os principais acaricidas disponíveis no mercado: cipermetrina, clorpirifós, amitraz, fipronil, fluazuron, ivermectina e uma associação de organofosforado com piretróide. Os resultados obtidos demonstraram que a situação da multirresistência (resistência a três ou mais acaricidas) está presente em ao menos 75% das propriedades avaliadas. A resistência à acaricidas a base de cipermetrina e amitraz foi detectada em todas as populações analisadas. Este é o primeiro estudo a demonstrar a resistência colateral entre diferentes fármacos da família das avermectinas em populações de campo de R. microplus. Os resultados aqui obtidos impactam diretamente no estabelecimento de estratégias de controle do carrapato bovino, já que a resistência entre as avermectinas limita a disponibilidade dos acaricidas a serem utilizados. Por outro lado, produtos à base de moxidectina ainda podem ser utilizados como medida de controle de forma racional. Mais estudos devem ser realizados para elucidar os mecanismos de resistência às diferentes lactonas macrocíclicas, bem como a possível resistência colateral entre os demais fármacos da mesma classe.

carrapato;multirresistência;bioensaios
The Western Border region of Rio Grande do Sul (RS) state, Southern Brazil, plays a major role in the local livestock industry, concentrating large part of the state's herd of beef cattle. The parasitism of cattle by the common cattle tick, Rhipicephalus microplus, causes great economic losses to the producers in the area. In order to minimize damage and optimize the control with chemical acaricides, it is fundamental to monitor the acaricide resistance status. In our state, many ranches are already infested with multidrug-resistant tick populations. This situation is alarming, and many producers are not aware of the problem. The resistance of R. microplus to drugs of the macrocyclic lactones class has been detected in RS for, at least, 17 years. The collateral resistance among the drugs of this class is an important condition, considering its implications in resistance management and cattle tick control strategies using these acaricides. The objectives of this study were: i) diagnose acaricide resistance in cattle tick isolates from the western border of Rio Grande do Sul and, ii) to evaluate the occurrence of collateral resistance among avermectins (ivermectin - IVM and doramectin - DRM) and milbemycins (moxidectin - MXD) in R. microplus. Aiming the diagnosis of acaricide resistance, engorged female ticks were sampled in 58 different locations. The tick samples were submitted to laboratory tests with its adult and / or larval stages against the main acaricides available in the market: cypermethrin, chlorpyrifos, amitraz, fipronil, fluazuron, ivermectin and a mixture of a organophosphate with pyrethroid. The results showed that multi-drug resistance (i.e. resistance to three or more acaricides) is present in at least 75% of the evaluated populations. Resistance to cypermethrin and amitraz is widespread and was detected in all populations tested. This is the first study to demonstrate collateral resistance among drugs of the avermectin family of anti-parasitic drugs in R. microplus field populations. The results obtained here have an impact on cattle tick control strategies, since the collateral resistance between avermectins limit the availability of drugs to be used. On the other hand, moxidectin-based products can still be rationally used as a control measure. Further studies should be performed to elucidate the mechanisms of resistance to different macrocyclic lactones, as well as a collateral resistance among the other drugs of the same class.
tick;multiresistance;bioassay
único
65
PORTUGUES
CENTRO DE PESQUISA EM SAÚDE ANIMAL
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

PATOLOGIA VETERINÁRIA
VETORES E DOENÇAS VETORIAIS
Caracterização de mecanismos de resistência em isolados de Rhipicephalus microplus multirresistentes à acaricidas

Banca Examinadora

GUILHERME MARCONDES KLAFKE
DOCENTE - PERMANENTE
Não
Nome Categoria
ANELISE WEBSTER DE MOURA VIEIRA ARAUJO Pós-Doc
JOAO RICARDO DE SOUZA MARTINS Docente - PERMANENTE

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
CONS NAC DE DESENVOLVIMENTO CIENTIFICO E TECNOLOGICO - CHAMADA UNIVERSAL– MCTI/CNPq Nº 14/2014 36

Vínculo

Bolsa de Fixação
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Sim