Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
MEDICINA (UROLOGIA) (33009015021P1)
REDUÇÃO RENAL INTRACORPÓREA COM SOLUÇÃO SALINA HIPERTÔNICA EM SUÍNOS SUBMETIDOS À NEFRECTOMIA POR PORTAL ÚNICO E SEU IMPACTO NA INCISÃO PARA RETIRADA DO ÓRGÃO
HOMAR SALIM ELIAS
TESE
31/08/2018

Introdução: A utilização de acesso único laparoscópico tem emergido com entusiasmo e a possibilidade de se reduzir órgãos intracavitários a fim de obter incisões menores se apresenta como uma inovação técnica atraente. Objetivo: Avaliar a viabilidade de se realizar a perfusão intracorpórea com solução salina hipertônica por laparoscopia utilizando portal único, culminando na diminuição do comprimento da incisão cirúrgica necessária para extração renal. Materiais e método: Estudo experimental com 20 suínos machos pesando cerca de 30 Kg, que foram submetidos à nefrectomia videolaparoscópica bilateral com portal único. Alternadamente, de um lado o rim foi perfundido com solução salina 5% e do outro o rim não foi submetido a qualquer técnica de perfusão intracorpórea. Para cada nefrectomia foi inserido trocáter único permanente na linha axilar ipsilateral, e dimensionado o tamanho da incisão necessária para remoção completa do órgão. Ainda, foram avaliados os volumes renais e tempo necessário para o início e término do procedimento. As variáveis foram expressas através da média ± erro padrão e foi ajustado um modelo de análise de variância (ANOVA) com medida repetida. O nível de significância foi estabelecido como de 5%. Resultados: Seis porcos foram excluídos por intercorrências anestésicas e cirúrgicas. Diante dos 14 porcos, inicialmente verificou-se que não houve efeito estatisticamente significante da interação entre lado e perfusão e ainda não foi observado efeito estatisticamente significante entre lado esquerdo e direito. A média do volume dos rins com perfusão presente, 59,3±2,3 ml, foi estatisticamente menor do que a obtida nos rins com perfusão ausente, 74,2±2,2 ml, (p<0,001). A média da incisão para retirada do rim quando se utilizou a perfusão foi de 33,9±0,9 mm, e esta se mostrou estatisticamente menor comparados com não perfundidos, 48,3±0,9 mm, (p<0,001). Ou seja, a perfusão diminuiu o volume renal em 20% e a incisão em 30%. O tempo operatório foi significantemente maior na técnica de perfusão, 72,2±6,1 min vs 26,4±6,1 min (p<0,001). Conclusão: O procedimento se mostrou tecnicamente factível, promovendo diminuição da incisão, o que possibilitaria a amplificação dos benefícios da cirurgia minimamente invasiva em estudos clínicos.

X
Indroduction: Laparoscopic single site surgery has been enthusiastically emerged and the possibility of shrinking organs in order to obtain smaller incisions presents itself as a attractive technical inovation. Objective: To evaluate the feasibility of intracorporeal perfusion with hypertonic saline by laparoscopy using a single port, culminating in a reduction in the length of the surgical incision required for renal extraction. Materials and methods: Experimental study with 20 male pigs weighing about 30 kg, who underwent bilateral videolaparoscopic nephrectomy with a single port. Alternately, on one side the kidney was perfused with 5% saline solution and on the other the kidney was not subjected to any intracorporeal infusion technique. For each nephrectomy, a single permanent trocar was inserted in the ipsilateral axillary line, and the size of the incision required for complete removal of the organ was dimensioned. Renal volumes and time to start and end the procedure were also evaluated. The variables were expressed through the mean ± standard error and analysis of variance model (ANOVA) was adjusted with repeated measures. The level of significance was set at 5%. Results: Six pigs were excluded because of anesthetic and surgical complications. Before the 14 pigs, it was initially found that there was no statistically significant effect of the interaction between side and perfusion, and no statistically significant effect was observed between left and right side. The mean volume of the kidneys with perfusion present, 59.3 ± 2.3 ml, was statistically lower than that obtained in the kidneys with absent perfusion, 74.2 ± 2.2 ml, (p <0.001). The mean of the incision for removal of the kidney when using the infusion was 33.9 ± 0.9 mm, and this was statistically smaller compared to nonperfused, 48.3 ± 0.9 mm, (p <0.001). In another way, the infusion decreased renal volume by 20% and the incision by 30%. The operative time was significantly higher in the perfusion technique, 72.2 ± 6.1 min vs 26.4 ± 6.1 min (p <0.001). Conclusion: The procedure was technically feasible, promoting reduction of the incision, which would allow the amplification of the benefits of minimally invasive surgery in clinical studies.
X
0
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

DESENVOLVIMENTO MORFO-FUNCIONAL E BIOTECNOLÓGICO URO-GENITAL
INOVAÇÕES TERAPÊUTICAS E TECNOLÓGICAS NO TRANSPLANTE RENAL.
Aspectos prognósticos e complicações cirúrgicas em transplante renal.

Banca Examinadora

CASSIO ANDREONI RIBEIRO
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
OSKAR GRAU KAUFMANN Participante Externo
CRISTIANO SILVEIRA PAIVA Participante Externo
RICARDO JORDAO DUARTE Participante Externo
CASSIO ANDREONI RIBEIRO Docente - PERMANENTE

Vínculo

CLT
Empresa Privada
Profissional Autônomo
Não