Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
Filosofia (31002013031P7)
OS FUNDAMENTOS DA JUSTIÇA: A ORIGEM DO GOVERNO, O CONTRATO ORIGINAL E O UTILITARISMO EM DAVID HUME
MICHEL VICENTE PASSOS FRANCO
DISSERTAÇÃO
28/08/2018

A presente dissertação tem por intenção demonstrar os principais aspectos da filosofia política de David Hume. Para isso, analisaremos suas obras e ensaios mais famosos como o Tratado da Natureza Humana, Investigação Sobre os Princípios da Moral além dos Ensaios Morais Políticos e Literários. Essas três obras serviram como pilares para tentar compreendermos, usando a filosofia moral humeana como marco inicial, as bases utilizadas por Hume para indicar alguns elementos que demonstrarão a impossibilidade de reduzir a sua teoria ao direito natural, ao utilitarismo e ao contratualismo. Para isso, iremos explicar a origem da justiça, com participação inegável dos sentimentos, e como uma virtude artificial e não natural; do governo como sendo estabelecido através da guerra ou da usurpação e não por consentimento popular; o direito à propriedade privada com base em regras e leis civis úteis e benéficas a sociedade. Além disso, analisaremos brevemente algumas teorias contratualistas em contraponto com a teoria política de Hume que busca entender os homens em convívio social, considerando seus interesses egoístas e suas realizações através do artifício da justiça. Será avaliado, ao final, se, de fato, David Hume era um utilitarista ou apenas um precursor do utilitarismo, posição essa que segundo essa dissertação demonstra-se mais adequada as suas obras.

Justiça;Utilitarismo;governo;Estado;moral;política;contratualismo
The present dissertation aims to demonstrate the main aspects of the political philosophy of David Hume. For this, we will analyze his most famous works and essays, such as the Treatise of Human Nature, An Enquiry Concerning the Principles of Morals, and the Essays, Moral, Political, and Literary. These three works served as pillars to try to understand, using Humean moral philosophy as the starting point, the bases used by Hume to indicate some elements that will demonstrate the impossibility of reducing his theory to natural law, utilitarianism and contractualism. For this, we will explain the origin of justice, with undeniable participation of feelings, and as an artificial and unnatural virtue; of government as being established through war or usurpation and not by popular consent; the right to private property based on rules and civil laws useful and beneficial to society. In addition, we will briefly review some contractualist theories in counterpoint to Hume's political theory that seeks to understand men in social life, considering their selfish interests and their achievements through the device of justice. It will be evaluated, in the end, if, in fact, David Hume was a utilitarian or just a precursor of utilitarianism, a position that according to this dissertation is more adequate his works.
justice;utilitarianism;government;state;moral;politics;contractualism
1
102
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

FILOSOFIA
SUBJETIVIDADE, ÉTICA E POLÍTICA
Levando o pluralismo a sério: a teoria ética nas democracias contemporâneas

Banca Examinadora

WALTER VALDEVINO OLIVEIRA SILVA
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
MARCOS FANTON Participante Externo
LEANDRO PINHEIRO CHEVITARESE Docente - PERMANENTE

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO - UFRRJ 24

Vínculo

-
-
-
Não