Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
CIÊNCIAS SOCIAIS EM DESENVOLVIMENTO, AGRICULTURA E SOCIEDADE (31002013007P9)
A métrica do carbono e as novas equações coloniais
CAMILA CUNHA MORENO
TESE
07/12/2018

Este trabalho toma como ponto de partida a contestação da narrativa universalizante do clima e a premissa de que a incorporação da métrica do carbono é inevitável e irreversível. No sentido de que esta métrica vem se constituindo comoum vetor transversal de normatização política e tecnológica em larga escala e escopo, a esta normatização corresponde o forjar-se de uma mentalidade específica. Aplicada sobre os territórios, a métrica do carbono engendra novas relações de propriedade e novas equações de poder. Este movimento depende da construção de esquemas de legitimação social e operacionalização relacionados à novas lógicas e linguagens de valoração e da universalização da métrica do carbono como uma nova abstração global. Sob o discurso do Antropoceno a métrica do carbono vem servindo para fundamentar um universalismo climático, subestimado em seus supostos ideológicos, enquanto parte integral de um projeto político, econômico e tecnológico: o neoliberalismo e a transformação digital.

digital - clima - financeirização - imaginários
This work departure’s point is the content of the universalist climate narrative and the premise that the carbon metrics is inevitable and irreversible. In the sense that this metric has been acting as a political and technological transversal normative vector, in broad scale and scope, to its normative order corresponds the making of a specific mentality. Applied over the territories, the carbon metrics engenders new property relations and new power equations.This movement relies on the construction of social legitimization and operationalization schemes related to new logics and languages of valuation, as well as the universalization of carbon metrics as a new global abstraction. Under the anthropocene discourse, the carbon metrics has been serving to ground a climate universalism which is subestimated in its ideological supposes and as an integral part of a political, economic and technological project: neoliberalism and the digital transformation.
climate
0
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

DESENVOLVIMENTO, AGRICULTURA E SOCIEDADE
NATUREZA, CIÊNCIA E SABERES
ECOLOGIA CULTURAL E POLÍTICA DA ENERGIA: CONFLITOS SOCIOAMBIENTAIS, NATUREZA E IMPERIALISMO

Banca Examinadora

ELI DE FATIMA NAPOLEAO DE LIMA
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
MARIA VERONICA SECRETO DE FERRERAS Participante Externo
ANTONADIA MONTEIRO BORGES Participante Externo
LIA CORREA DE OLIVEIRA GUARINO Participante Externo
LUIZ FELIPE BRANDAO OSORIO Participante Externo
ELI DE FATIMA NAPOLEAO DE LIMA Docente - PERMANENTE
LEONARDO MARQUES Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO - UFRRJ 48

Vínculo

Colaborador
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Sim