Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO ( ARAÇATUBA )
CIÊNCIA ANIMAL (33004021075P8)
INVESTIGAÇÃO DA OCORRÊNCIA DE Cryptosporidium spp. EM ESPÉCIES DE QUIRÓPTEROS DA CIDADE DE MARINGÁ, PARANÁ
LUCIANA PRANDO
TESE
20/06/2018

Este estudo foi elaborado com o objetivo de investigar a ocorrência de Cryptosporidium spp. em quirópteros da região sul do Brasil. Cento e quarenta e sete amostras fecais de morcegos foram colhidas na cidade de Maringá (PR) e submetidas aos processos de purificação para a microscopia e extração de DNA genômico. A microscopia óptica de luz convencional foi utilizada com o uso da coloração negativa de verde malaquita para pesquisa de oocistos de Cryptosporidium spp. e a PCR foi utilizada para a amplificação de fragmentos do gene da subunidade 18S do rRNA na detecção de Cryptosporidium spp. A presença de Cryptosporidium spp. não foi constatada nas amostras fecais dos morcegos. Esse resultado pode ser considerado bom no aspecto que os morcegos são possíveis reservatórios e consequentemente, dispersores deste patógeno, sendo estes parques visitados diariamente por um grande número de pessoas. Esta é a primeira investigação do referido protozoário em morcegos nesta região.

criptosporidiose;microscopia;oocisto;quirópteros;reação em cadeia da polimerase
This study was elaborated with the objective to investigate the occurrence of Cryptosporidium spp. in chiroptera of southern Brazil. One hundred and forty-seven fecal samples of bats were collected in the city of Maringá (PR) and submitted to purification processes for microscopy and extraction of genomic DNA. Optical microscopy of conventional light with negative malachite green staining was performed to investigate oocysts of Cryptosporidium spp. and PCR for the amplification of fragments of the 18S rRNA subunit gene in the detection of Cryptosporidium spp. This coccidium was not found in faecal samples of bats. This result can be considered good in the aspect that bats are possible reservoirs and consequently dispersers of this pathogen, being these parks visited daily by a large number of people. It is the first investigation of this protozoan into bats in this region.
chiroptera;cryptosporidiosis;microscopy;oocyst;polymerase chain reaction
1
58
PORTUGUES
UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO ( ARAÇATUBA )
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

MEDICINA VETERINÁRIA PREVENTIVA E PRODUÇÃO ANIMAL
EPIDEMIOLOGIA, ETIOPATOGENIA, DIAGNÓSTICO E CONTROLE DAS ENFERMIDADES DOS ANIMAIS
EPIDEMIOLOGIA MOLECULAR DA INFECÇÃO POR Cryptosporidium spp. EM HUMANOS E ANIMAIS DOMÉSTICOS

Banca Examinadora

KATIA DENISE SARAIVA BRESCIANI
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
LUIZ EDUARDO CORREA FONSECA Participante Externo
LUIZ DA SILVEIRA NETO Participante Externo
ALEX AKIRA NAKAMURA Participante Externo
JANCARLO FERREIRA GOMES Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Programa de Demanda Social 30

Vínculo

-
-
-
Não