Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO ( BOTUCATU )
MEDICINA VETERINÁRIA (33004064022P3)
CAMPANHA DE VACINAÇÃO CONTRA CINOMOSE COMO FERRAMENTA DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA. RESPOSTA IMUNE HUMORAL PARA PARVOVIRUS CANINO E EVENTOS ADVERSOS PÓS VACINAIS EM CÃES NO DISTRITO DE RUBIÃO JÚNIOR, BOTUCATU- SP
CAMILA FERNANDA DOS SANTOS SANTANA
DISSERTAÇÃO
15/06/2018

Foi realizada uma campanha de vacinação contra a cinomose no período de 2013 a 2014, em bairros periféricos da região de Botucatu, SP, a fim de imunizar os cães contra cinomose devido às elevadas taxas de morbimortalidade, ampla disseminação e prognóstico reservado da enfermidade. O objetivo do presente estudo foi analisar a situação de saúde dos cães por meio da avaliação da soropositividade para agentes infecciosos, verificar a proteção induzida contra parvovirus canino pela vacina comercial utilizada e o perfil de práticas de guarda responsável dos tutores.Foram realizados os testes sorológicos de reação de imunofluorescência indireta, soroaglutinação microscópica, soroneutralização e inibição da hemaglutinação, respectivamente, para: Toxoplama gondii e Ehrichia canis; Leptospira spp.; Virus Canino da Cinomose (CDV) e Parvovirus canino (CPV). A avaliação da parasitemia por E. canis foi realizada por meio da PCR. A proteção vacinal induzida contra parvovirose foi avaliada por meio da soroconversão de anticorpos anti- CPV. Foi observada sororreatividade nos testes sorológicos para Lepstospira spp. (43,33%), T.gondii (52,97%), E. canis (72,14%), CDV (17,24%) e CPV (91,86%). A parasitemia por Ehrlichia canis foi confirmada em 13,33% das amostras. O aumento percentual médio da soroconversão foi de 1545,65%. Maior percentual de práticas de guarda responsável foi observada entre os tutores que afirmaram conhecer a cinomose e entre os que confirmaram realização de vacina antirrábica. Os dados encontrados poderão auxiliar no planejamento de condutas multidisciplinares entre setores públicos e sociedade para promover ações voltadas para melhor qualidade de vida dos animais e da população.

epidemiologia;doenças infecciosas em cães;guarda responsável;medicina veterinária preventiva
A vaccination campaign against canine distemper was carried out between 2013 and 2014, in peripheral districts of the Botucatu region, SP, aiming to immunize dogs against distemper due to the high rates of morbidity and mortality, widespread dissemination and reserved prognosis of the disease. The objective of the present study was to analyze the participating dogs health status by seropositivity evaluation for infectious agents, to verify the induced protection against Canine Parvovirus by the commercial vaccine used during the campaign and the profile of responsible pet ownership practices of the tutors. The following tests of indirect immunofluorescence, microscopic sero-agglutination, seroneutralization and haemagglutination inhibition were performed for: Toxoplasma gondii, Leptospira spp., Canine Canine Virus (CDV) and Canine Parvovirus (CDV). Indirect immunofluorescence reaction and PCR were performed for ehrlichiosis. . Vaccine protection induced against parvoviruses was evaluated by seroconversion of antibodies to Canine Parvovirus. Seroreactivity was observed in the serological tests performed with the following percent of positivity: Leptospira spp. (43.33%), T. gondii, (52.97%), E. canis (72.14%), CDV (17.24%%) and CPV (91.86%%). Ehrlichia canis was detected in 13.33% (28/210) of the samples by PCR in blood. The mean percentage variation of seroconversion was 1545.65%. A higher proportion of responsible pet ownership practices was observed among the tutors who confirmed knowledge about the distemper and who confirmed the accomplishment of anti-rabies vaccine. The data found could help to plan multidisciplinary actions between public sectors and civil societies aimed to improve the animal and human’s life quality.
epidemiologia;doenças infecciosas em cães;guarda responsável;medicina veterinária preventiva
1
124
PORTUGUES
UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO ( BOTUCATU )
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

SAÚDE ANIMAL, SAÚDE PÚBL. VETERINÁRIA E SEGURANÇA ALIMENTAR
ENFERMIDADES INFECCIOSAS
EPIDEMIOLOGIA, IMUNOPATOGENIA E EFICÁCIA VACINAL E DIAGNOSTICO DE ENFERMIDADES INFECCIOSAS DOS ANIMAIS

Banca Examinadora

JANE MEGID
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
JOSE CARLOS DE FIGUEIREDO PANTOJA Docente - PERMANENTE
CARLOS MAGNO CASTELO BRANCO FORTALEZA Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Programa de Demanda Social 24

Vínculo

-
-
-
Não