Governo Federal

Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL
EDUCAÇÃO (42019010009P2)
Literatura digital infantil : práticas de leitura no contexto familiar
ROBERTA GERLING MORO
DISSERTAÇÃO
12/04/2018

O objetivo desta dissertação é analisar como crianças de 3 a 10 anos de idade leem app books literários (livros literários digitais) no contexto familiar. Para tanto, foi realizada, inicialmente, uma pesquisa de campo com três grupos de leitores – Grupo 1: Gabriel, 3 anos; Grupo 2: Elena, 4 anos e Isabella, 7 anos; Grupo 3: Ana Paula, 8 anos e Rafael, 10 anos. Previamente aos encontros, além de entrevistas com os pais, também foram selecionados e analisados oito app books e preparados roteiros de leitura a serem executados junto às crianças. Os encontros foram realizados na residência de cada família, onde foram gravados vídeos dos leitores em interação com as obras literárias digitais. O referencial teórico utilizado para fundamentar esta pesquisa é composto a partir de três principais áreas, a saber, Estudos Culturais e Educação, Estudos da Literatura Infantil, Estudos sobre obras literárias digitais (para adultos e crianças), sendo que os principais pesquisadores utilizados são Stuart Hall, Raymond Williams, David Buckingham, Frank Serafini, Danielle Kachorsky, Earl Aguilera, William Teale, Junko Yokota, Eliseo Verón, Marisa Lajolo, Regina Zilberman, Cristina Correro e Neus Real. A metodologia empregada para a realização da pesquisa consistiu em pesquisa bibliográfica relacionada, principalmente, à literatura digital infantil, análise de conteúdo dos app books, dos dados coletados a partir de gravações audiovisuais produzidas com as crianças a partir da leitura das obras, bem como das anotações em um caderno de pesquisa. Os principais resultados da pesquisa apontam para quatro tipos predominantes de reações, por parte dos leitores infantis: a) o zappeamento e o reconhecimento dos aplicativos literários como “jogos digitais”; b) insegurança para explorar os recursos dos aplicativos; c) engajamento espontâneo e; d) prazer estético-literário durante a leitura dos textos visuais e das animações. Na primeira reação verificada (a), constatou-se que o Grupo 1, principalmente, tentou acessar outros aplicativos de jogos ou partes dos app books que proporcionavam um maior nível de entretenimento. Por outro lado, o Grupo 2 manifestou insegurança (b) diante das possibilidades interativas dos app books, permanecendo imóveis em alguns momentos das práticas de leitura. Das reações observadas, quatro aspectos garantiram o engajamento espontâneo (c) e envolvimento durante a leitura nos três grupos de leitores, os quais são: a tatilidade dos dispositivos, os recursos de interação, as ilustrações e a ludicidade. Por último, em relação aos elementos estéticos-literários dos aplicativos, foi possível concluir que os desenhos e ilustrações criadas, principalmente para os aplicativos Spot, Mini Zoo e Chomp, chamaram a atenção das crianças durante a leitura. Uma das principais conclusões a que se pode alcançar com este estudo está relacionada com a presença de um mediador adulto durante a prática da leitura literária digital. Embora não tenham sido previstas atividades com uma mediação mais diretiva, tal fato permitiu verificar que o próprio dispositivo (tablet, ipad) exerce o papel do mediado

Estudos Culturais;Educação;Literatura digital infantil;app books;aplicativos literários;tablets;ipads.
The purpose of this research is to analyze how 3 to 10 year old children read literary app books in Brazilian family contexts. In order to achieve this goal, I conducted a field research with three groups of readers - Group 1: Gabriel, 3 years old; Group 2: Elena, 4 years old and Isabella, 7 years old; Group 3: Ana Paula, 8 years old and Rafael, 10 years old. Previously to the reading sections, besides interviewing the parents, I also selected and analyzed eight literary app books, on the one hand, and planed the reading activities, on the other hand. The meetings took place at the residences of each family and were recorded on home videos for further analysis. The theoretical foundation of the research is based on three different fields: Cultural Studies and Education, Children Literature Studies, Digital (Electronic) Literature Studies (for adults and children), and some of the main researchers I drew on are as follows: Stuart Hall, Raymond Williams, David Buckingham, Frank Serafini, Danielle Kachorsky, Earl Aguilera, William Teale, Junko Yokota, Eliseo Verón, Marisa Lajolo, Regina Zilberman, Cristina Correro and Neus Real. The methodology consists of bibliographical research on digital literature for children, content analysis of app books, analysis of the piece of data collected from the video recordings and from the notes I made on a research notebook during the meetings. Based on these analysis I argue that children interact with literary book apps mainly in four different ways: a) by zapping and playing with literary apps as if they were “games”; b) by showing insecurity to explore the app’s affordances; c) by engaging spontaneously with the apps; d) by showing literary aesthetic pleasure during the interaction. Regarding the first way, (a) I noticed that especially Group 1 tried to access games or parts of app books that provided a higher level of entertainment. On the other hand, Group 2 expressed insecurity (b) when exploring the affordances of the app books, and some children even preferred not to interact at all. Some of the affordances that led to a spontaneous engagement and a significant interaction during the reading sections are as follows: touch screen, interaction features, illustrations and playfulness. Finally, regarding the literary and aesthetic features of the apps, it was possible to conclude that the images and illustrations in apps such as Spot, Petting Zoo and Chomp drew the attention of the children in very significant ways.
Cultural Studies;Education;Digital literature for children;app books;literary apps;tablets;ipads.
1
248
PORTUGUES
UNIVERSIDADE LUTERANA DO BRASIL

Contexto

ESTUDOS CULTURAIS EM EDUCAÇÃO
CURRÍCULO, CIÊNCIAS E TECNOLOGIAS
A LITERATURA INFANTO-JUVENIL NA ERA DIGITAL: MERCADO EDITORIAL, VALOR LITERÁRIO E LETRAMENTO DIGITAL

Banca Examinadora

EDGAR ROBERTO KIRCHOF
Sim
Nome Categoria
IARA TATIANA BONIN Docente
RENATA SOARES JUNQUEIRA Participante Externo
ROSA MARIA HESSEL SILVEIRA Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUNDACAO DE AMPARO A PESQUISA DO ESTADO DO RIO GRANDE DO SUL - Edital FAPERGS/CAPES 14/2013 - Programa de Bolsas de Mestrado 24

Vínculo

-
-
-
Não