Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
Filosofia (31002013031P7)
A metafísica de Bergson no Ensaio sobre os dados imediatos da consciência
CESAR CIPRIANO DE SENA
DISSERTAÇÃO
07/07/2017

O objeto a ser estudado em nosso trabalho, ora apresentado, é a metafísica de Bergson tal como ela surge em sua primeira obra: "Ensaio sobre os dados imediatos da consciência". Para a exposição deste tema, nós subdividimos este trabalho em duas partes: primeiro e segundo capítulos. No primeiro, o objetivo maior é a apresentação do princípio mais importante da filosofia de Bergson e como ela soluciona a questão da liberdade: a Duração (Durée). Por isso mesmo, após tratarmos da intuição da Duração como ponto de partida do pensamento bergsoniano, optamos pela apresentação das teorias e conceitos fundamentais para a compreensão de sua metafísica, seguindo a ordem pela qual eles aparecem no interior da sequência original do texto. Desta forma, no primeiro capítulo estudamos a natureza das intensidades enquanto dados imediatos da consciência e, através de suas aplicações à vida mental, como elas se convertem em provas psicológicas da Duração. Logo em seguida, acompanhamos a argumentação de Bergson, através da qual ele faz a distinção formal e metafísica das duas partes constitutivas do real: a multiplicidade numérica e a qualitativa. Sendo esta última, a responsável lógica pelo surgimento da Duração, como ideia e fundamento real desta mesma multiplicidade. Por último, tratamos de mostrar à luz da temporalidade específica da Duração, a aplicação que dela faz Bergson, na resolução do problema metafísico da liberdade. Já, no segundo capítulo, fazemos um aprofundamento nos aspectos mais relevantes da metafísica inaugurada no Ensaio. Uma caracterização dela a partir de seus elementos conceituais constitutivos, e principais teses. Assim, começamos pelo rebatimento dos conceitos originais da metafísica bergsoniana, como os de Ser e realidade, com suas versões nas teorias tradicionais. Passamos em seguida, para uma demostração de sua metodologia original a partir da distinção entre intuição e inteligência, em sua aplicação à teoria numérica, e da aplicação do ideal da precisão em relação ao espaço. Também foi indispensável relevar a metafísica de Bergson não somente como um trabalho teórico, mas, principalmente, como uma experiência de pensamento e de escolha de um modo de vida integral no tempo. E, finalmente, como a metafísica deve representar uma vida superior, pela experiência humana de liberdade vivida na temporalidade da Duração.

metafísica;duração;liberdade
The object to be studied in our work, presented here, is Bergson's metaphysics as it appears in his first work: "Essay on the Immediate Data of Consciousness." For the presentation of this theme, we subdivided this work into two parts: first and second chapters. In the first, the major objective is the presentation of the most important principle of Bergson's philosophy and how it solves the issue of freedom: Duration (Durée). For this reason, after treating the intuition of Duration as the starting point of Bergsonian thought, we chose to present theories and concepts fundamental to the understanding of its metaphysics, following the order in which they appear inside the original sequence of the text. Thus, in the first chapter we study the nature of intensities as immediates datas of consciousness and, through their applications to mental life, how they become psychological proofs of Duration. then, we follow Bergson's argument, through which he makes the formal and metaphysical distinction of the two constituents parts of the real: numerical and qualitative multiplicity. Being the latter, the logical responsible for the emergence of Duration, as an idea and real foundation of this same multiplicity. Finally, we try to show in the light of the specific temporality of Duration, Bergson's application of it in solving the metaphysical problem of freedom. Already, in the second chapter, we make a deepening in the most relevant aspects of the metaphysics inaugurated in the Essay. A characterization of it from their constitutives conceptuals elements, and main theses. Thus, we begin confronting the original concepts of Bergsonian metaphysics, such as those of Being and reality, with their versions in the traditional theories. We then turn to a demonstration of its original methodology from the distinction between intuition and intelligence, in its application to numerical theory and the application of the ideal of precision in relation to space. It was also indispensable to emphasize Bergson's metaphysics not only as a theoretical work, but mainly as an experience of thinking and of choosing an integral way of life in time. And finally, how metaphysics should represent a higher life, by the human experience of freedom lived in the temporality of Duration.
metaphysics;duration;freedom
1
89
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

FILOSOFIA
ONTOLOGIA, CONHECIMENTO E LINGUAGEM
Educação, filosofia e linguagem: Em torno da experiência do deserto

Banca Examinadora

AFFONSO HENRIQUE VIEIRA DA COSTA
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
ECIO ELVIS PISETTA Participante Externo
FRANCISCO JOSE DIAS DE MORAES Docente - PERMANENTE

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO - UFRRJ 24

Vínculo

-
-
-
Sim