Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA
ARQUITETURA E URBANISMO (53001010042P8)
Arquitetura Potencial. Nonato Veloso, Concursos de Projeto
PAULO VICTOR BORGES RIBEIRO
DISSERTAÇÃO
18/07/2017

Há muitos anos, os concursos de arquitetura no Brasil têm sido cenário propício onde arquitetos têm a oportunidade de expressar ideias e conceitos que o mercado de trabalho não proporciona. Esse tipo de licitação tem colaborado para o debate das diretrizes da profissão. À época de cada um, os pavilhões de Osaka (1970) e de Sevilha (1992) geraram um debate significativo sobre a produção arquitetônica. Nomes mais expressivos da arquitetura brasileira, como Paulo Mendes da Rocha, Eduardo de Almeida, Pedro Paulo de Melo Saraiva, Rubens Vianna, Ricardo Sievers até gerações mais recentes, como Hector Vigliecca, Angelo Bucci e Álvaro Puntoni, obtiveram notoriedade através de projetos apresentados em concursos. Em Brasília, Nonato Veloso – formado na Universidade Federal de Minas Gerais e professor da Universidade de Brasília por 38 anos - é um desses profissionais premiados, tendo um histórico vasto nessas confrontações de arquiteturas. São 25 premiações em 65 participações. O acervo por ele elaborado ao longo de quase quatro décadas é pouco conhecido, não só do público em geral, como da crítica especializada. Nessa trajetória é possível analisarmos momentos e linguagens distintas quanto às estratégias projetuais que utiliza para responder aos mais variados programas de necessidade. O presente trabalho tem o propósito de sistematizar informações sobre a obra de Nonato Veloso, além de colaborar para a disseminação da produção de arquitetos que ajudam a formar gerações de profissionais, em especial em Brasília.

Nonato Veloso;arquitetura potencial;concursos de projeto;projeto arquitetônico
For many years, architectural competitions in Brazil have been a propitious scenario where architects have the opportunity to express ideas and concepts that the labor market does not provide. This type of bidding has contributed to the discussion of the guidelines of the profession. At the time of each one, the pavilions of Osaka (1970) and Seville (1992) generated a significant debate on the architectural production. More expressive names of Brazilian architecture, such as Paulo Mendes da Rocha, Eduardo de Almeida, Pedro Paulo de Melo Saraiva, Jorge Wilheim, Rubens Vianna, Ricardo Sievers to more recent generations, such as Hector Vigliecca, Angelo Bucci and Álvaro Puntoni, obtained notoriety through Projects submitted in contests. In Brasília, Nonato Veloso - a graduate of the Federal University of Minas Gerais and a professor at the University of Brasília for 38 years - is one of these award-winning professionals, with a vast history in these architectural confrontations. There are 25 awards in 65 appearances. The collection he has produced over almost four decades is little known, not only by general public, but also by the specialized critics. In this trajectory it is possible to analyze different moments and languages regarding the project strategies that it uses to respond to the most varied need programs. The present work has the purpose of systematizing information about the work of Nonato Veloso, besides collaborating for the dissemination of the production of architects that help to form generations of professionals, especially in Brasilia.
Nonato Veloso;potential architecture;architectural competitions;architectural design.
1
416
PORTUGUES
UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

TEORIA, HISTÓRIA E CRÍTICA
HISTÓRIA E TEORIA DA CIDADE E DO URBANISMO
Brasília, DF e Entorno: história urbana de uma jovem metrópole

Banca Examinadora

SYLVIA FICHER
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
EDUARDO PIERROTTI ROSSETTI Docente - PERMANENTE
SYLVIA FICHER Docente - PERMANENTE
CESAR SHUNDI IWAMIZU Participante Externo

Vínculo

CLT
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Sim