Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
CIÊNCIAS SOCIAIS EM DESENVOLVIMENTO, AGRICULTURA E SOCIEDADE (31002013007P9)
EM ÁGUAS TURVAS: HOMENS LIVRES POBRES NO VALE DO MACACU OITOCENTISTA
AILTON FERNANDES DA ROSA JUNIOR
DISSERTAÇÃO
20/03/2014

A presente pesquisa buscou identificar e analisar os fatores sociais e econômicos inerentes à relação entre lavradores pobres e seu ambiente ecossistêmico, especialmente no que diz respeito à retirada das matas e de seus usos, para fins extrativistas e para o posterior cultivo de gêneros alimentícios. Procuramos, para tal, resgatar o conturbado período da história brasileira, desde o chamado colonial tardio, em finais do século XVIII, atravessando parte do século XIX, marcado transformações substanciais que vão desde a promulgação Lei de Terras até a gradual eliminação da mão-de-obra escrava. Além disso, utilizamos como recorte geográfico a Vila de Santo Antônio de Sá, na microrregião da Bacia dos rios Guapi-Macacu (interior do Rio de Janeiro), a escolha se dá principalmente pelas características produtivas da região, particularmente voltada para a produção de alimentos e para a pequena lavoura voltada ao mercado interno, distanciando-se do macro modelo escravista baseado na grande lavoura de exportação.

Santo Antônio de Sá – Homens Livres Pobres – Produção de Alimentos – Desflorestamento;
The purpose of this research is to identify and analyze the social and economic factors which are inherently linked to the relationship between poor farmer workers and their ecosystemic environment. This has been done by examining events such as the suppression and cleaning of vegetation for reasons of extractivism and food cultivation, among others. For such a task, we attempted to rescue the historical memory of Brazil, from the end of its colonial period, in the late 18th century, to part of its 19th century, when significant changes happened, such as the enactment of Lei de Terras (Land Law) and the gradual end of slavery. Moreover, we chose the Santo Antônio de Sá village, a microregion in the Guapi-Macacu river complex (interior of Rio de Janeiro), for our analysis due to its agroecological characteristics, which include food cultivation and farming devoted to the domestic market, and, thus, abandoning the slavery model based on the export agriculture.
Santo Antônio de Sá – Poor Farmer Workers – Food Cultivation – Deforestation;
1
128
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

DESENVOLVIMENTO, AGRICULTURA E SOCIEDADE
ESTUDOS DE CULTURA E MUNDO RURAL
SABERES SUBALTERNOS, INSURGENTES E DESCOLONIAIS

Banca Examinadora

SUSANA CESCO
DOCENTE - COLABORADOR
Sim
Nome Categoria
SUSANA CESCO Docente - COLABORADOR
ELI DE FATIMA NAPOLEAO DE LIMA Docente - PERMANENTE
FRANCISCO CARLOS TEIXEIRA DA SILVA Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Programa de Demanda Social 24

Vínculo

Colaborador
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Sim