Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ
Ensino na Saúde (22003010023P5)
ANÁLISE DOS PRINCÍPIOS DA EDUCAÇÃO A DISTANCIA E DA TEORIA ANDRAGÓGICA EM UM CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO SOBRE GESTÃO EM SAÚDE NA MODALIDADE A DISTÂNCIA ONLINE
FLAVIA VIANA DE PAULA
DISSERTAÇÃO
06/12/2013

Objetivou-se verificar se os princípios da educação a distância e da teoria andragógica estão sendo aplicados em curso de pós-graduação lato sensu em gestão em saúde, na modalidade a distancia online, desenvolvido pela UECE em parceria com a CAPES, SEED/MEC, ENAP e Ministério da Saúde. Trata-se de um estudo descritivo e exploratório, com abordagem quanti-qualitativa. Optou-se por uma amostragem não probabilística escolhida de acordo com os objetivos do estudo. Este ensaio contou com o preenchimento de 82 questionários, representando um total de 68,33% da população. A coleta de dados teve início no dia 5 de julho de 2013 e encerramento no dia 5 de setembro de 2013. A primeira parte do questionário foi elaborada pela autora com questões objetivas referentes aos dados de identificação e profissionais dos alunos; a segunda parte abordou itens sobre os princípios da educação a distancia, também foram elaborados pela autora; e a terceira parte, conteve uma sessão adaptada de um questionário criado e validado por Wilson (2005). Os dados foram organizados em tabelas/gráficos e os cruzamentos foram feitos por meio do software estatístico Excel. Para analisar os itens com a escala de Likert, foi utilizado o cálculo do Ranking Médio. Dentre as técnicas qualitativas, optou-se pelo Discurso do Sujeito Coletivo. Após a análise dos resultados, observou-se que a maioria dos participantes do estudo demonstram satisfação com relação aos princípios da EaD. Quando questionados, porém, sobre sugestões para a melhoria do curso reforçaram a importância do material impresso, bem como a organização e funcionamento do AVA. Questionaram o baixo grau de interação dos alunos e sugeriram estratégias para a melhoria, como, por exemplo, o emprego da comunicação síncrona. Relataram necessidade de melhorias na interação tutor e aluno, bem como no papel pedagógico do tutor. Além disso, sugeriram estratégias para melhoria da autoaprendizagem e a necessidade de seleção dos alunos com perfil para a EaD. O instrumento referente aos princípios andragógicos utilizados possibilitou encontrar uma percepção satisfatória dos alunos quanto à sua aplicação. Existem, porém, questionamentos quanto ao entendimento dos itens, já que poucos alunos trabalham diretamente na gestão em saúde e os itens do instrumento associam a aplicação imediata dos conhecimentos adquiridos à motivação. Por fim, em razão dos resultados expressados neste estudo, cabe lembrar que não se deve esperar uma transformação radical e abrupta da educação permanente em saúde. O caminho da mudança deverá se constituir com a capacitação dos envolvidos, para que haja uma transição, cada vez maior, de um modelo em decadência a outro que se revela mais enriquecedor e coerente com as atuais demandas da sociedade. Finalmente, espera-se que esta pesquisa possa contribuir para a compreensão do uso da andragogia no campo EaD e, desta maneira, colaborar para a qualidade do ensino na saúde.

Adulto. Educação a Distância. Gestão em Saúde.
The purpose is to verify whether the principles of distance education and andragogical theory are being applied in the latu sensu post graduate health management courses, in online distance mode, developed by UECE in partnership with CAPES, SEED / MEC, ENAP and Ministry of Health. This is a descriptive and exploratory study with a quantitative and qualitative approach. A no probabilistic sample was chosen according to the objectives of the study. This experiment included the filling out of 82 questionnaires, representing 68.33% of all population. Data collection began on July 5, 2013 and finished on September 5, 2013. The first part of the questionnaire was developed by the author based on objective questions regarding identification data of the students and professionals, the second part, which addressed items about the principles of distance education, was developed by the author and the third part included an adapted session of a questionnaire developed and validated by Wilson (2005). The data were organized in tables / graphics and the crossings were made using the statistical software Excel. To analyze Likert items, mean rank method was used. Among the qualitative techniques, Collective Subject Discourse was choosen. After the analysis of results, it was observed that the majority of study participants were satisfied with the principles of distance education. However, when questioned on suggestions for improving the course, they demonstrated dissatisfaction. They reinforced the importance of printed material, as well as organization and operation of the AVA. They questioned the low level of student interaction and suggested strategies for improvement, for instance, the use of synchronous communication. They reported the need for improving the interaction between tutor and student, as well as the pedagogical role of the tutor. They also suggested strategies for improving the self-learning and the necessity of selecting students with profile for DE. The tool related to the andragogical principles allowed to find a satisfactory perception of students regarding their application. However, there are questions about the understanding of the items, as few students work directly in healthcare management and the items associate immediate application of acquired knowledge to motivation. Finally, in consequence of the results expressed in this study, it should be noticed that one should not expect a radical and abrupt transformation in permanent health education. The path of change should happen with the training of those involved, so there is a transition, increasingly, of a decay model to another one which reveals itself richer and more consistent with current needs of society. Finally, it is expected that this research will contribute to the understanding of the use of andragogy and distance learning in DE and, in this way, contribute to the quality of health education.
Adult. Education Distance. Health Management.
1
120
PORTUGUES
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CEARÁ
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

FORMAÇÃO E DESENVOLVIMENTO DOCENTE NA SAÚDE
-
-

Banca Examinadora

MARIA SONIA FELICIO MAGALHAES
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
ANDREA SOARES ROCHA DA SILVA Participante Externo
ANTONIO GERMANO MAGALHAES JUNIOR Docente - PERMANENTE

Vínculo

CLT
Empresa Pública ou Estatal
Ensino e Pesquisa
Não

Produções Intelectuais Associadas

Não existem produções associadas ao trabalho de conclusão.