Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA
ENSINO DE CIÊNCIAS, MATEMÁTICA E TECNOLOGIAS (41002016161P6)
MODELIZAÇÃO, EXPERIMENTAÇÃO E RECURSOS COMPUTACIONAIS: POSSÍVEIS ARTICULAÇÕES PARA O ESTUDO DE MOVIMENTOS EM AULAS DE FÍSICA
GEORGE LUIS AZEVEDO
DISSERTAÇÃO
23/10/2017

Tendo em vista as inúmeras dificuldades enfrentadas pelo sistema educacional brasileiro, em especial o ensino de Física, vivenciada por mim como professor e também descrita na literatura especializada, propomos como produto educacional deste mestrado profissional uma sequência de aulas para o estudo de movimentos, afim de superar, em parte, a ineficiência no Ensino de Física. Para isso elaboramos e implementamos, em contexto real de sala de aula, um Conjunto de Ações de Ensino que articula: Modelização, Experimentação e Recursos Computacionais. Este Conjunto de Ações de Ensino é composto por uma sequência de dez aulas que contemplam assuntos tradicionalmente trabalhados no primeiro ano do Ensino Médio, a saber, movimento uniforme, movimento uniformemente variado e lançamento oblíquo. A elaboração desta sequência foi baseada na proposta dos Ciclos de Modelagem de Hestenes. A partir desta implementação buscou-se tecer uma análise motivada pelo seguinte problema de pesquisa: “Qual a viabilidade didático-pedagógica para se ensinar Física no Ensino Médio por meio da modelização de fenômenos utilizando experimentos e recursos computacionais? ” Para responder ao problema proposto, elencamos os seguintes objetivos de pesquisa: i. Explorar a modelização enquanto perspectiva didático-pedagógica para o ensino de física; ii. Investigar possibilidades didático-pedagógicas na articulação entre experimentos e recursos computacionais para a modelização de fenômenos no ensino de física; iii. Identificar e analisar possíveis desafios pedagógicos para uma efetiva utilização conjunta de experimentos e recursos computacionais para descrever e explicar de fenômenos físicos no ensino de física; iv. Constatar e avaliar aspectos relativos ao interesse dos estudantes em ações didático-pedagógicas típicas de modelização. Adiantamos aqui, que a viabilidade didático-pedagógica do produto educacional elaborado com base na proposta do Ciclo de Modelagem de Hestenes, ficou evidenciada ao longo do processo de sua elaboração e implementação, na qual a experimentação e os recursos computacionais surgiram naturalmente como uma ferramenta de modelagem, sendo que a experimentação possibilitou o contato com o mundo real, enquanto os recursos computacionais facilitam a aquisição de dados e também a análise/validação dos modelos, fazendo os estudantes se sentissem parte integrante do processo ensino-aprendizagem e não somente agentes passivos do mesmo.

Modelização;Experimentação;Recursos Computacionais;Ensino de Física
In view of the numerous difficulties faced by the Brazilian educational system, in particular the teaching of Physics, lived by me as a teacher and also described in the specialized literature, we propose as an educational product of this professional master a sequence of classes for the study of movements, in order to overcome, in part, the inefficiency in Physics Teaching. For this, we elaborate and implement, in a real classroom context, a Teaching Action Set that articulates: Modeling, Experimentation and Computational Resources. This Set of Teaching Actions is composed of a sequence of ten classes that contemplate subjects traditionally worked in the first year of High School, namely uniform movement, uniformly varied movement and oblique throwing. The elaboration of this sequence was based on the proposal of Hestenes Modeling Cycles. From this implementation we attempted to weave an analysis motivated by the following research problem: "What is the didactic-pedagogical feasibility to teach Physics in High School through the modeling of phenomena using experiments and computational resources? "In order to respond to the proposed problem, we set out the following research objectives: i. Explore modeling as a didactic-pedagogical perspective for physics teaching; ii. To investigate didactic-pedagogical possibilities in the articulation between experiments and computational resources for the modeling of phenomena in physics teaching; iii. Identify and analyze possible pedagogical challenges for an effective joint use of experiments and computational resources to describe and explain physical phenomena in physics teaching; iv. To verify and evaluate aspects related to students' interest in didactic-pedagogical actions typical of modeling. We suggest here that the didactic-pedagogical feasibility of the educational product elaborated based on the proposal of the Hestenes Modeling Cycle was evidenced throughout the process of its elaboration and implementation, in which experimentation and computational resources appeared naturally as a tool of modeling, where experimentation enabled contact to the real world, while the computational resources facilitate data acquisition and also the analysis/validation of the models, making the students feel part of the teaching-learning process and not only passive agents of the same.
Modeling;Experimentation;Computational Resources;Physics Teaching
1
177
PORTUGUES
UNIVERSIDADE DO ESTADO DE SANTA CATARINA
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

ENSINO DE CIÊNCIAS, MATEMÁTICA E TECNOLOGIAS
ENSINO-APRENDIZAGEM E FORMAÇÃO DE PROFESSORES
Práticas educativas em ciências, matemática e tecnologias: teorias, estratégias e recursos didático-pedagógicos para a formação de professores.

Banca Examinadora

LUIZ CLEMENT
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
JOSE FRANCISCO CUSTODIO FILHO Participante Externo
ALEX BELLUCCO DO CARMO Participante Externo

Vínculo

-
-
-
Não

Produções Intelectuais Associadas

Nome Tipo da Produção Subtipo da Produção
FÍSICA... MOVIMENTO... MODELIZAÇÃO... TÉCNICA DESENVOLVIMENTO DE PRODUTO