Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO ( BOTUCATU )
ZOOTECNIA (33004064048P2)
CONSUMO ALIMENTAR RESIDUAL (CAR) E DIGESTIBILIDADE DA DIETA DE BUBALINOS DE TRÊS GRUPOS GENÉTICOS NA FASE DE CRESCIMENTO EM CONFINAMENTO
FABIOLA MARTINEZ DA SILVA
DISSERTAÇÃO
19/01/2017

Objetivou-se com este estudo avaliar a associação de medidas de eficiência, desempenho e digestibilidade de nutrientes de três grupos genéticos de bubalinos. Foram utilizados 75 machos não-castrados (25 de cada raça: Jafarabadi, Mediterrânea e Murrah), com peso e idade média de 314 ± 117 kg e 390 ± 58 dias, respectivamente. Os animais foram confinados em baias coletivas e alimentados de forma ad libitum utilizando sistema automático para determinação do consumo de alimento e água durante 112 dias (28 dias de adaptação e 84 dias de coleta de dados). No início e ao término do experimento foram realizadas avaliações de ultrassonografia (AOL, EGS e EGG) e a cada 28 dias pesagens e determinação da altura da garupa (AG). Foram avaliadas: conversão alimentar (CA), eficiência alimentar (EA), consumo alimentar residual (CAR), ganho residual (GR) e consumo ganho residual (CGR). Amostras de fezes foram coletadas para o cálculo da excreção fecal a partir do marcador interno de fibra em detergente neutro indigestível (FDNi) e posterior determinação da digestibilidade aparente dos nutrientes da dieta. Os dados foram analisados pelos procedimentos MIXED e CORR (SAS Inst. Inc., Cary, NC). O grupo Jafarabadi obteve valor superiores para PVF (P = 0,03), GMD (P < 0,01) e AG (P < 0,01), enquanto que os grupos Mediterrâneo e Murrah não diferiram. Não houve efeito do grupo genético para as variáveis relacionadas ao consumo de alimentos (CMS; CMS kg/d; CMS %PV; CMS g/kg0,75; P > 0,28) e água (P = 0,53). Os grupos Jafarabadi e Murrah apresentaram valores superiores para AOL e EGG (P < 0,03) e não diferiram para EGS (P = 0,14) quando comparados ao grupo Mediterrâneo. O grupo Jafarabadi apresentou os melhores valores para todas as medidas de eficiência avaliadas (CA, EA, CAR, GR, CGR; P = 0,01) quando comparado aos demais grupos, que não diferiram entre si. Não houve interação entre os grupos genéticos e as classes de CAR (P > 0,12) para a digestibilidade dos nutrientes. O grupo Murrah apresentou os menores valores para todas as variáveis de digestibilidade (P < 0,01) quando comparados aos demais grupos, com exceção da digestibilidade para fibra em detergente ácido (FDA), que diferiu para os três grupos. Houve correlação negativa entre CAR e a digestibilidade da FDA (P = 0,04) e tendência de correlação negativa entre o CAR e digestibilidade da proteína bruta (PB; P = 0,08). Ainda sobre a digestibilidade da FDA, houve correlação positiva do GR (P = 0,02) e do CGR (P = 0,02) com a variável. Os resultados desse estudo indicam que o grupo genético Jafarabadi obteve os melhores resultados para desempenho e medidas de eficiência, e que há associação favorável da digestibilidade da FDA com as medidas de eficiência CAR, GR e CGR.

búfalos de rio;consumo alimentar residual;FDNi;desempenho
The aim of the study was to evaluate associations of feed efficiency measures, performance and nutrient digestibility of three water buffalo genetic groups. Seventyfive steers (25 of each breed: Jafarabadi, Mediterranean and Murrah), non-castrated, average initial weight 314 ± 117 kg and 390 ± 58 days were used. They were housed in breed groups and feed ad libitum. Pens contained automated feeding stations and automated water fountain (Intergado®) to determine the intakes during 112 days (adaptation = 28 days; trial period = 84 days). Ultrasound measures (longissimus muscle area - LMA, 12th-rib fat thickness - BF and rump fat thickness - RMFT) were taken in the beginning and in the end of the trial, and the animals were weighted and the rump height (RH) were measured each 28 days. Feed conversion ratio (FCR), feed efficiency (FE), residual feed intake (RFI), residual gain (RG) and residual intake and gain (RIG) were evaluated. Feces samples were collected to determine the nutrient apparent digestibility of the diet by indigestible neutral detergent fiber (iNDF). For statistical analysis were used the MIXED and CORR procedures (SAS Inst. Inc., Cary, NC). Final body weight (FBW; P = 0.03), average daily gain (ADG; P < 0.01) and RH (P < 0.01) were greater for Jafarabadi group, no difference were observed for Mediterranean and Murrah. No group effect were found for feed intake (DMI; DMI kg/d; DMI %PV; DMI g/kg0,75; P > 0.28) and water (P = 0.53). Greater values of LMA and RMFT (P < 0.03) were observed for Jafarabadi and Murrah, but no difference were detected among groups for BF (P = 0.14). Jafarabadi had greater feed efficiency values (FCR, FE, RFI, 27 RG, RIG) than the others groups, however, no effect was found between Mediterranean and Murrah. There was no interaction between genetic groups and RFI classification (P > 0.12) to nutrient digestibility. Smaller values for nutrient digestibility were observed for Murrah compared to the others, nevertheless, group effect were observed for acid detergent fiber (ADF) digestibility. There was negative correlation between RFI and ADF digestibility (P = 0.04) and trend to negative correlation between RFI and crude protein (CP; P = 0.08). Positive correlation were observed between ADF digestibility and RG (P = 0.02), and RIG (P = 0.02). The results indicate that Jafarabadi group had greater results for performance and feed efficiency measures, and correlation existed between ADF digestibility and RFI, RG and RIG. Key Words: residual feed intake, iNDF, water buffaloes, performance.
residual feed intake;iNDF;water buffaloes;performance
01
53
PORTUGUES
UNIVERSIDADE ESTADUAL PAULISTA JÚLIO DE MESQUITA FILHO ( BOTUCATU )
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

NUTRICAO E PRODUCAO ANIMAL
DESEMPENHO ANIMAL E SUSTENTABILIDADE
AVALIAÇÃO DAS CARACTERÍSTICAS DA CARCAÇA E DA CARNE DE BOVINOS, BUBALINOS E OVINOS

Banca Examinadora

ANDRE MENDES JORGE
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
CRISTIANA ANDRIGHETTO Participante Externo
PAULO ROBERTO DE LIMA MEIRELLES Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUNDACAO DE AMPARO A PESQUISA DO ESTADO DE SAO PAULO - Bolsa de Mestrado 9
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Programa de Demanda Social 15

Vínculo

CLT
Outros
Profissional Autônomo
Sim