Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL
ZOOTECNIA (42001013036P3)
USO DE LASALOCIDA NO CRESCIMENTO DE BOVINOS DE CORTE EM PASTAGENS:UMA REVISÃO SISTEMÁTICA – META-ANÁLISE
NAIANE TEIXEIRA DE ANDRADE
DISSERTAÇÃO
22/03/2017

Lasalocida é um aditivo nutricional que melhora o desempenho e a eficiência alimentar de bovinos de corte, atua sobre as bactérias ruminais, com maior efetividade sob as bactérias gram-positivas, e com pouca ou quase nenhuma ação sobre as bactérias gram-negativas, resultando em melhor aproveitamento do alimento consumido pelo animal. O objetivo deste estudo foi avaliar o uso do lasalocida no crescimento de bovinos de corte em pastagem através de uma revisão sistemática-metanálise. Foram utilizadas três bases de dados eletrônicas (Scopus, Science Direct e ISI Web of Knowledge). Os critérios para inclusão foram estudos completos, conduzidos em bovinos de corte, com o uso da suplementação com lasalocida e que avaliassem medidas de desempenho animal (ganho médio diário de peso (GMD), escore de condição corporal (ECC) e circunferência escrotal (CE). A extração de dados das publicações foi realizada com o uso de um protocolo pré-definido. Foi conduzida uma metanálise para efeitos aleatórios para cada indicador separadamente com as médias dos grupos controle e tratado. Foram incluídos na análise quatro publicações, que relataram cinco estudos e 16 ensaios conduzidos em 284 bovinos. Não foram obtidos dados suficientes para realização da metanálise (MA) para ECC e CE. Os níveis de heterogeneidade entre estudos foram considerados de baixo a moderado, variando entre 0 e 50,2%. O fornecimento de lasalocida na suplementação energética mostrou tendência em alterar o GMD dos bovinos (DM= -0,288 kg/dia; P= 0,084; IC 95%: -0,615, 0,039; n= 10 ensaios). A comparação entre animais que receberam lasalocida nas concentrações 200 e 300 mg/cabeça/dia, em pastagem natural, mostrou que aqueles que receberam a maior concentração tiveram um menor GMD (DM= -0,474 kg/dia; IC 95%: -0,868, -0,080; P=0,018; n= 2 ensaios). Quando a comparação foi de 0 e 200 mg/cabeça/dia, bovinos com acesso ao ionóforo tiveram um desempenho inferior (DM= -0,599 kg/dia; IC 95%: -1,144, -0,053; p= 0,032; n= 3 ensaios). Por outro lado, quando o controle recebeu 0 mg/cabeça/dia e o tratado 100 mg/cabeça/dia de lasalocida na dieta, não foi encontrada diferença estatística. Assim, a suplementação de bovinos de corte com lasalocida em pastagem não apresentou efeitos sobre o ganho médio diário dos bovinos mantidos em pastagens.

Consumo;desempenho;nutrição;Streptomy ceslasaliensis
Lasalocid is a nutritional additive that improves the performance and feed efficiency of beef cattle, acts on ruminal bacterium, is more effective under gram-positive bacterium, and with little or no action on gram-negative bacterium, resulting in better use of the food consumed by the animal.The aim of this study was to evaluate the use of lasalocid in the growth of beef cattle on pasture through a systematic review meta-analysis.We searched on three electronic databases (Scopus, Science Direct, and ISI Web of Knowledge), as well as we checked references of relevant review papers.Inclusion criteria were complete studies using beef cattle on pasture receiving lasalocid supplementation that evaluate animal performance (average dalily gain (ADG), body composition score (BCS), and scrotal circumference (SC). Data were extracted using pre-defined protocols. Random effect meta-analyses were conducted for each indicator separately with the mean of control and treated group. We included in the analysis four publications, reporting 5 studies, 16 trials in 284 bovines. There are no data available to analyse BCS and SC using MA procedure.The levels of heterogeneity between studies were considered low to moderate, varying between 0 and 50.2%.Thelasalocid additionin energy supplementation showed a tendency to change GMD (DM = -0.288 kg/day; P= 0.084; 95% CI: -0.615, 0.039; n= 10 trials). Comparison between animals receiving lasalocid at 200 and 300 mg/head/day in natural pasture showed that the highest concentration had lower ADG (DM= -0.474 kg/day; 95% CI: -0.868, -0.080; P= 0.018; n = 2 trials). When the comparison was between 0 and 200 mg/head/day, cattle that received the ionophore showed lower performance (DM= -0.599 kg/day; 95% CI: -1.144, -0.053, p = 0.032; n= 3trials). Alternatively, when the control group did not receivedlasalocid and the treatment received 100mg/head/day in the diet, no statistical difference was found. Our study demonstrate that the supplementation with lasalocid to beef cattle in pasture did not change the average daily gain.
Performance;nutrition;ionophore;Streptomyces lasaliensis
1
74
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

ZOOTECNIA
SISTEMAS DE PRODUÇÃO DE RUMINANTES
DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS DE PRODUÇÃO DE BOVINOS DE CORTE

Banca Examinadora

JULIO OTAVIO JARDIM BARCELLOS
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
VANESSA PERIPOLLI Participante Externo
MAITE DE MORAES VIEIRA Docente - PERMANENTE
ELISA CRISTINA MODESTO Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Programa de Demanda Social 24

Vínculo

Bolsa de Fixação
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Sim