Governo Federal

Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO
COMUNICAÇÃO (25001019054P3)
TRAJETÓRIA DO CINEMA DE ANIMAÇÃO EM PERNAMBUCO
MARCOS BUCCINI PIO RIBEIRO
TESE
30/06/2016

O cinema de animação pernambucano é recente, o primeiro filme data de 1968, enquanto que o primeiro filme brasileiro já tinha sido realizado 51 anos antes, em 1917. Mas, mesmo sendo tão recente, esta história ainda é desconhecida, tanto dos estudiosos do cinema pernambucano, quanto das pessoas que fazem o cinema de animação no estado. Assim, o objetivo principal desta tese foi resgatar a trajetória do cinema de animação pernambucanoatravés de seus autores e suas obras. Esta pesquisa, inédita, fez um levantamento catalográfico de todas as animações pernambucanas, desde a primeira que foi possível relacionar, até maio de 2016. Durante estes anos de trabalho, 168 animações foram listadas e mais de 50 realizadores foram entrevistados. Com isso, foi possível criar um panorama da trajetória da animação pernambucana. Observando questões como a influência da tecnologia, o contexto cultural, a profissionalização, o crescimento de um mercado, a participação de editais de fomento, festivais e instituições de formação profissional e acadêmica e, finalmente, a estética usada nessas animações. Devido ao contexto periférico dessa produção, e sua posição em relação a cinemas maiores, autores que tratam de identidade cultural foram convocados para dialogar com autores que tratam de quesitos estéticos, especialmente os conceitos de ortodoxia e experimental de Paul Wells (1998). Desta forma, esta pesquisa parte da afirmação de que: uma produção periférica, como a animação pernambucana, que não obedece às regras e normas de uma indústria, acaba por gerar outras ansiedades, outros motivos e, consequentemente, outras dicotomias, em relação a uma produção industrial e comercial.

1. Cinema de animação;2. Animação Pernambucana;3. Cinema Pernambucano;4. História da animação.;5. Comunicação
The history of the animated film in Pernambuco is very new. The first movie was released in 1968, 51 years after the Brazilian film had been made. However, even been so new, the story of this filmography is still unknown. In this way, this thesis’s main objective was to rescue the history of animated film in Pernambuco throught it’s authors and their works. This unprecedented research did a profound investigation and cataloged all animated films from Pernambuco, from 1968 to 2016. 168 works were documented and more than 50 animators were interviewed. So, based on that database, it was possible to create an overview of the animated cinema in Pernambuco. Observing issues such as the influence of technology, cultural context, professionalization, market, governamental funding, festivals, events, academic iniciatives and, finally, their aesthetics results. Due to the peripheral context of this production, and its attitude thoughout the ortodox cinema from Hollywood, authors from Pernambuco tend to use in their works cultural identity icons. Therefore, scholars from cultural area were called to dialogue with authors who deal with aesthetic questions, especially the concepts of orthodox and experimental animation from Paul Wells (1998). Thus, this thesis proposes that: a peripheral production, such as the animated cinema from Pernambuco, which does not obey the rules and standards of an industry, ultimately, generates other anxieties, assumptions and, consequently, other dichotomies in relation to the industrial and commercial production.
1. Animation cinema;2. Animation from Pernambuco;3. Cinema from Pernambuco;4. Animation History.
01
367
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO

Contexto

COMUNICAÇÃO
ESTÉTICA E CULTURAS DA IMAGEM E DO SOM
Processos criativos no Cinema

Banca Examinadora

PAULO CARNEIRO DA CUNHA FILHO
Sim
Nome Categoria
SERGIO NESTERIUK GALLO Participante Externo
AMANDA MANSUR CUSTODIO NOGUEIRA Participante Externo
RODRIGO OCTAVIO D AZEVEDO CARREIRO Docente
AMILCAR ALMEIDA BEZERRA Participante Externo

Vínculo

Servidor Público
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Sim