Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE
Geografia (40014010005P6)
Um Aconchego para Chamar de Seu: Conflitos Identitários entre Brasileiros e Brasiguaios no Bairro Jardim Santa Felicidade, Cascavel - PR
SERGIO RICARDO AURELIO PINTO
DISSERTAÇÃO
09/03/2016

Esta dissertação discute as implicações do processo imigratório de retorno dos brasiguaios nas dinâmicas socioculturais, responsáveis pela construção da identidade e da territorialidade destes sujeitos no Bairro Jardim Santa Felicidade, Cascavel-PR. Tomando esta base como recorte espacial da pesquisa, a escala temporal (1975-2015) foi determinada a partir do período migratório identificado nas 66 famílias brasiguaias, residentes neste bairro. A partir desses dados temos como o objetivo principal analisar a gênese dos conflitos identitários sofridos por estes sujeitos em seu retorno do Paraguai para este bairro. Analisamos a hipótese de que os conflitos identitários sofridos pelos brasiguaios não esteja relacionada só no processo de territorialização e de negociação dos elementos simbólico-socioculturais, evento considerado processual no âmbito daqueles que experimentam o processo migratório. Por isso, nos objetivos específicos, averiguarmos as implicações desse processo na territorialização e da identidade, em conjunção aos processos multidimensionais-escalar-temporal. Nossos referenciais teóricos e os procedimentos metodológicos estão envolto da justificativa de analisarmos a gênese do sentimento de superioridade do brasileiro em relação ao Paraguai e, assim, àqueles que lá vivem, ou viveram, bem como, entendemos de que modo os brasileiros realizam ações de subalternização, de dominação e de legitimação a esses sujeitos, impedindo-os de materializarem sua territorialidade e demonstrarem suas referências identitárias. Para isto, realizamos trabalhos de campos de análises socioespaciais, nos quais coletamos dados primários e secundários, adquiridas através das aplicações de questionários/entrevistas. Além disso, realizamos análises iconográficas das pinturas romancistas a fim de se verificar os elementos necessários para a pesquisa. Através das entrevistas e dos questionários percebemos que a imigração de retorno desses sujeitos trouxe-lhes implicações, como construção de redes sociais entre diferentes sujeitos e territorialidades. Outra implicação é a junção do modo de vida diferente daquele que levaram consigo na emigração daquela que assimilaram em suas experiências vividas na realidade histórico-geográfica do Paraguai e que trazem consigo em seu retorno. Ou seja, a identidade brasiguaia é resultado dessa miscelânea. Compreendemos que os processos responsáveis pelo surgimento desse grupo, estão relacionados às políticas bilaterais entre Brasil e Paraguai em um plano de modernização capitalista agrário de ambos os países, que os fizeram emigrar para o Paraguai e, agora, os forçam a retornar. No entanto, em seu retorno, sofrem manifestações de aversão pela sua procedência: o Paraguai. Os conflitos que os brasiguaios sofrem, não são apenas aqueles resultantes do que o processo migratório traz em sua natureza, ou seja, estão relacionados ao sentimento de superioridade presente na legitimação da identidade nacional, a "brasilidade". Mesmo diante de atitudes de legitimação e subalternização, os mesmos se fortalecem através das redes sociais em um processo multidimensional-escalar e temporal, reconstruindo sua territorialidade, mesmo que imaterial, mantendo sua identidade por meio da resistência àqueles que intentam subalternizá-los. É mediante a estes processos que os brasiguaios se opõem à "morte matada" e refugiam-se nos sentimentos de pertencimento que os elementos simbólicos socioculturais lhes proporcionam: o "conforto da alma" e um "aconchego" para chamar de seu.

Brasiguaios;identidade;territorialidade
This thesis discusses the implications of the immigration process of return of “brasiguaios” (term used to define those who are related to Brazil and Paraguay simultaneously) on sociocultural dynamics, responsible for their identity construction and territoriality in the Neighborhood of Jardim Santa Felicidade, Cascavel-PR. Taking this base as spatial area of research, the timescale (1975-2015) was determined since the migratory period identified in the 66 “brasiguaias” families, who live in this neighborhood. Considering these data the base about “brasiguaios”, the main target is analyzing the the genesis of identity conflicts suffered by them in their return from Paraguay to this neighborhood. We have analyzed the hypothesis that identity conflicts suffered by brasiguaios are not related only in the process of territorial and trading of symbolic and sociocultural elements, considered procedural event in the context of those who experience the migration process. Therefore, in the specific objectives, we ascertain the implications thist process in the territorial and identity process, in conjunction with multidimensional scaling-temporal processes. Our theoretical framework and methodological procedures are enveloped of the justification of reviewing the genesis of the Brazilian sense of superiority in relation to Paraguay, and thus those who live there, or lived, as well as understand how the Brazilian perform actions of subordination, domination and legitimation to these subjects, preventing them from materializing its territory and show their identity references. To do this, we perform works of socio-spatial analysis fields in which we collect primary and secondary data obtained from applications questionnaires/interviews. We also perform analysis of iconographic paintings novelists in order to verify the elements needed for research. Through interviews and questionnaires we realized that the return migration of these subjects brought them implications, such as building social networks between different subjects and territoriality. Another implication is the linking of different life modes, one that led him into the migration and who have assimilated into their experiences in historical and geographical reality of Paraguay that they bring in their return. That is, the “brasiguaia” identity is result of miscellaneous. We understand the processes responsible for the emergence of this group are related to bilateral policies between Brazil and Paraguay in an agrarian capitalist modernization in both countries that, what the does emigrate to Paraguay and, now, the force return. However, if they were experiencing situations of violent agribusiness invested in Paraguay, mainly practiced by the "Brazilians in Paraguay," now, on his return, suffer the manifestations of aversion for its origin: Paraguay. Conflicts that “brasiguaios” suffer, aren’t only those resulting from what the migration process brings in its nature, that is, they are related of the sense of superiority gift in the legitimacy of national identity, the "Brazilianness". Even before attitudes, legitimacy and subordination, they are strengthened through social in the multi-dimensional time-scale, re-building their territoriality, even immaterial, maintaining their identity through resistance against those who try to subaltern them. It is through these processes that brasiguaios oppose to the "Killed death" and take refuge in feelings of belonging that sociocultural symbolic elements provide them: the "comfort of the soul" and "warmth" to call your own.
Brasiguaios;identity;and territoriality
1
266
PORTUGUES
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE

Contexto

DINÂMICA DA PAISAGEM E DOS ESPAÇOS RURAIS E URBANOS
DINÂMICA DOS ESPAÇOS RURAIS E URBANOS
-

Banca Examinadora

KARLA ROSARIO BRUMES
Sim
Nome Categoria
ELISA PINHEIRO DE FREITAS Participante Externo
MARCIA DA SILVA Docente

Vínculo

Servidor Público
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Sim