Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
MEDICINA (NEFROLOGIA) (33009015016P8)
Pesquisa de mutações genéticas em glomeruloesclerose segmentar e focal
MICHELLE TIVERON PASSOS RIGUETTI
TESE
31/12/2016

Introdução A glomeruloesclerose segmentar e focal (GESF) e a síndrome nefrótica esteroide resistente (SNER) podem ser causadas por mutações em diversos genes que codificam proteínas fundamentais para garantir a integridade e funções dos podócitos. Mutações no gene NPHS2 causam SNER autossômica recessiva com apresentação dos sintomas sobretudo na infância, enquanto que os genes ACTN4, INF2 e TRPC6 estão relacionados com a forma autossômica dominante da doença com início frequentemente na adolescência ou começo da idade adulta. Objetivos Este estudo teve por objetivos implantar a metodologia e realizar a pesquisa de mutações nos genes NPHS2, ACTN4, INF2 e TRPC6 em pacientes com GESF familiar ou SNER em nosso Serviço. Material e Métodos Foram incluídos neste estudo seis pacientes-índice e seus familiares, totalizando 15 indivíduos. Os pacientes-índice tinham diagnóstico de GESF à biópsia renal ou SNER (3 eram do sexo masculino e 3, feminino, com idades médias de 30,7 ± 16,7 anos e por ocasião do diagnóstico de 17 ± 14,9 anos). Todos foram esteroide resistentes. O DNA genômico foi isolado de linfócitos de sangue periférico usando DNAzol® (Invitrogen). A amplificação de todos os éxons dos genes ACTN4, INF2, NPHS2 e TRPC6 x foi realizada através da reação de polimerase em cadeia (PCR), usando Taq polimerase e primers de oligonucleotídeos previamente desenhados. Os produtos da PCR foram purificados e o DNA foi sequenciado usando o kit BigDye Terminator v3.1 Cycle Sequencing (Applied Biosystems). Resultados Foram encontradas mutações em cinco dos seis pacientes-índice e em seus familiares. O polimorfismo R229Q no gene NPHS2 foi encontrado junto à mutação S313L no gene NPHS2, às mutações P316S no gene NPHS2 e G894S no gene ACTN4, e à mutação R291W também no gene NPHS2. Também foi detectado isoladamente o polimorfismo A404V no gene TRPC6 nos três membros de uma família. O polimorfismo rs10133301 do gene INF2 foi encontrado em cinco dos seis pacientes-índice. Conclusões Foi possível implantar em nosso Serviço a metodologia para pesquisa de mutações nos genes NPHS2, ACTN4, TRPC6 e INF2 relacionados com GESF familiar e SNER, padronizar a metodologia e aplicá-la no estudo de 15 indivíduos integrantes de seis famílias com tais doenças. As mutações no gene NPHS2 foram mais comuns, assim como a presença do polimorfismo R229Q (que associado a uma mutação leva à maior gravidade e progressão para doença renal crônica terminal) nesse grupo de pacientes. Duas das mutações encontradas no gene NPHS2 (S313L e P316S) não haviam sido descritas anteriormente.

GESF familiar 2. Síndrome nefrótica 3. Mutações 4. TRPC6 5. INF2 6. ACTN4 7. NPHS2
Introduction Focal segmental glomerulosclerosis (FSGS) and the steroid-resistant nephrotic syndrome (SRNS) can be caused by mutations in the genes encoding proteins that are essential for normal podocyte structure and/or function. Mutations in the podocin gene cause a recessive form of SRNS. Affected patients were characterized by early-onset disease whereas mutation in ACTN4, INF2 and TRPC6 genes cause a dominant form of familial FSGS presenting in adolescence or early adulthood. Objectives We aimed to implement and carry out the research of mutations in the genes NPHS2, ACTN4, INF2 and TRPC6 in patients with familial FSGS or SRNS in our service. Material and Methods This study was performed in six Brazilian index-patients and their families, totalizing fifteen individuals. The index-patients had SRNS or biopsy-proven FSGS (3 males and 3 females, mean ages of 30.7 ± 16.7, and at the time of diagnosis 17 ± 14.9 years). All patients were steroid-resistant. Genomic DNA was isolated from peripheral blood lymphocytes using DNAzol®. Amplification of all exons of the ACTN4, INF2, NPHS2 and TRPC6 genes was carried out by polymerase chain reaction (PCR) using Taq polymerase and the oligonucleotide xii primers were previously designed. The products of PCR were purified and the DNA was sequenced directly by use of the BigDye Terminator v3.1 Cycle Sequencing. Results We have found mutations in five of the six index-patients and their families. R229Q has been identified as a polymorphism in association with the deleterious mutations S313L, P316S and R291W in the NPHS2 gene and with G894S in the ACTN4 gene. It was also detected only the polymorphism A404V in the TRPC6 gene in three members of a family. The polymorphism rs10133301 in the INF2 gene was found in five of the six patients index. Conclusions It was possible to establish in our service the methodology for mutations research in NPHS2, ACTN4, TRPC6 and INF2 genes related to SRNS and familial FSGS, as well as to standardize the methodology and apply it to the study of 15 members of six families with such diseases. Mutations in the NPHS2 gene were the most frequent, as well as the presence of the R229Q polymorphism (which associated with a mutation leads to greater severity and progression to end stage renal disease) in this group of patients. Two of the mutations found in the NPHS2 gene (S313L and P316S) had not been described previously.
Mutation screening in patients with familial focal segmental glomerulosclerosis or steroid resistant nephrotic syndrome
0
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
O trabalho não possui divulgação autorizada

Contexto

GLOMERULOPATIAS
GLOMERULOPATIA CLÍNICA E EXPERIMENTAL
AVALIAÇÃO CLÍNICA E GENÉTICA DE GLOMERULOPATIAS FAMILIARES

Banca Examinadora

GIANNA MASTROIANNI KIRSZTAJN
Sim
Nome Categoria
CLEVIA DOS SANTOS PASSOS Participante Externo
MARIA GORETTI POLITO Participante Externo
MARCELO ANDERY NAVES Participante Externo
JENNER CRUZ Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
CONS NAC DE DESENVOLVIMENTO CIENTIFICO E TECNOLOGICO - Bolsa de Mestrado GM e Doutorado GD 48

Vínculo

Bolsa de Fixação
Empresa Pública ou Estatal
Ensino e Pesquisa
Sim