Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
MEDICINA (NEFROLOGIA) (33009015016P8)
Estudo do condicionamento nefrotóxico no mecanismo reparador parácrino de células estromais mesenquimais
JESSICA SULLER GARCIA
TESE
31/08/2016

Novas estratégias de tratamento e prevenção são necessárias para a Lesão Renal Aguda (LRA), entre elas estão as células estromais mesenquimais (MSC). Estudos mostram que as MSC atenuam os danos e/ou aceleram o reparo por processos parácrinos, ao liberarem fatores de crescimento proteícos e RNAs para o meio externo, esses últimos também estão presentes nas vesículas extracelulares (VE). Assim, o efeito do meio condicionado (MC) das MSC e de seus variantes foram avaliados em células tubulares proximais renais humanas (HK2), as quais foram expostas a dois tipos de insultos envolvidos na LRA. Células HK2 foram submetidas à Gentamicina (2 mM) e LPS (100 μg/ml) de 24 a 96 h. Foram avaliadas necrose e apoptose por acridina orange/brometo de etídeo e HOECHST 33342, respectivamente, e proliferação celular por MTT. A lesão ao DNA foi determinada por imunofluorescência para histona γ-H2Ax e as VE foram quantificadas através do NanoSight. Os resultados demonstraram que o MC diminuiu a morte celular e estimulou a proliferação das células HK2 expostas ao LPS, mas não à Gentamicina, que propiciou maior lesão ao DNA. Com os variantes do MC verificamos que RNAs e proteínas são importantes para a proteção das HK2 expostas aos agentes nefrotóxicos (AN). Não verificamos diferença no tamanho das VE entre o MC e seus variantes, mas os MCs estimulados com os AN apresentam menor quantidade de VE. O MC ou uma fração desse pode ser uma alternativa ao uso das MSC na prevenção/tratamento da LRA.

Células estromais mesenquimais, meio condicionado e efeito parácrino.
New strategies for treatment and prevention are needed for Acute Kidney Injury (AKI), including mesenchymal stromal cells (MSC). Studies have shown that MSC mitigate the damage and/or accelerate the repairing paracrine process, by releasing protein growth factors and RNAs to the external environment, the latter are also present in the extracellular vesicles (EV). Therefore, the effect of conditioned medium (CM) of the MSC and its variants were evaluated in human renal proximal tubular cells (HK2), which were exposed to two types of insults involved in AKI. HK2 cells were subjected to Gentamicin (2 mM) and LPS (100 μg/ml) from 24 up to 96 h. Necrosis and apoptosis were evaluated by acridine orange/ethidium bromide and HOECHST 33342, respectively, and cell proliferation by MTT. The damage to DNA was determined by immunofluorescence for histone γ-H2Ax and EV were quantified with NanoSight. The results demonstrate that CM decreased cell death and stimulated the proliferation of HK2 exposed to LPS, but not to Gentamicin, which provided greater damage to DNA. With variants of the CM found that RNAs and proteins are important for the protection of exposed HK2 to nephrotoxic agents (NA). There was no difference in the size of EV between the MC and its variants, but the MCs stimulated with NA have a lower amount of EV. The CM or a fraction of that may be an alternative to the use of MSC in preventing/treating AKI.
mesenchymal stromal cells, conditioned medium and paracrine effect.
0
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
O trabalho não possui divulgação autorizada

Contexto

NEFROLOGIA EXPERIMENTAL
BIOQUÍMICA, FISIOLOGIA E FISIOPATOLOGIA EXPERIMENTAL
AVALIAÇÃO DA REPARAÇÃO COM CÉLULAS TRONCO MESENQUIMAIS NA LESÃO RENAL AGUDA INDUZIDA POR IRRADIAÇÃO EM RATOS

Banca Examinadora

FERNANDA TEIXEIRA BORGES
DOCENTE - COLABORADOR
Sim
Nome Categoria
MIRIAN APARECIDA BOIM Docente - PERMANENTE
MARIA DE FATIMA FERNANDES VATTIMO Participante Externo
WALDEMAR SILVA ALMEIDA Participante Externo
PATRICIA SEMEDO KURIKI Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
CONS NAC DE DESENVOLVIMENTO CIENTIFICO E TECNOLOGICO - Bolsa de Mestrado GM e Doutorado GD 48

Vínculo

Servidor Público
Empresa Pública ou Estatal
Outros
Não