Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA
ARQUITETURA E URBANISMO (53001010042P8)
Ressignificação Histórico-Social da Praça na Cidade Média Brasileira: Análise das Praças de Formosa de Goiás
MARIA DA ASSUNCAO PEREIRA RODRIGUES
TESE
29/04/2016

Esta tese investiga a praça, espaço livre público urbano, destinado ao lazer e ao convívio da população, a partir da análise de praças da cidade de Formosa, estado de Goiás. Devido ao crescimento das cidades, especialmente a partir do século XX, a praça vem sofrendo transformações e adquirindo outros significados como espaço público. Isso vem ocorrendo não apenas em grandes metrópoles, mas, também, nas cidades médias, fato que norteia a hipótese do presente estudo – as praças ainda são importantes espaços de lazer para a população na cidade média brasileira. Para comprovar essa hipótese, buscou-se compreender o papel da praça como espaço polarizador das manifestações públicas, das suas origens ao cenário contemporâneo. Como modo de se averiguar tanto as mudanças que a praça vem sofrendo ao longo do tempo quanto a manutenção do seu potencial como importante espaço público para a dinâmica urbana, a presente pesquisa se deteve a duas formas de abordagem: a primeira trata de uma investigação das características físico-ambientais das praças – para se entender a relação de uso e apropriação com a morfologia do espaço livre; a segunda trata das narrativas – de base empírica, tanto as registradas na literatura como as realizadas em levantamentos e entrevistas in loco. Dessa maneira, espera-se contribuir para o preenchimento de uma lacuna relativa à pesquisa e ao conhecimento sobre praças em cidades brasileiras de médio porte. Com o intuito de desdobrar-se em um foro de discussão sobre o tema, capaz de colaborar na formação profissional e acadêmica em seus diversos níveis. Os resultados encontrados mostram que as praças, em geral, são malcuidadas pelo poder público, mas que, dependendo da localização na cidade, da diversidade de atividades no seu entorno, da qualidade de seus equipamentos e das atividades de entretenimento desenvolvidas nelas, podem ser ressignificadas para uso potencial pela população. Sendo assim, as narrativas foram importantes parâmetros para se comprovar a hipótese, de ressignificação da praça em cidades médias, pois, verificou-se que, ainda, conservam a atmosfera propiciadora de sentimentos de pertencimento a uma comunidade, além da função efetiva de local de referência para a cidade. As praças são espaços públicos resilientes e sempre estarão presentes no imaginário da população, pela constante possibilidade de se renovarem. Assim, a praça agoniza, mas não morre...

Cidade média;Praças;Ressignificação;Narrativas
This thesis investigates the public square, which are urban spaces with free circulation of people and destined for interaction and recreation. This document parts from the analysis of the public squares of Formosa, a city in the state of Goiás, Brazil. Public squares are changing and gaining other uses as public spaces, especially due to the city growth after the twentieth century. This is happening not only in large metropolitan areas but also in medium-sized towns, which culminates the hypothesis of the present study. The public squares are still an important place for the leisure of the population of Brazilian medium-sized cities. To prove this hypothesis, the efforts are to understand the role of public squares as spaces of polarization of public manifestations, and also to consider these spaces from its origins to its current situation. This research aims to investigate the changes in public squares that have been happening through time concerning its potential as an important public space for urban dynamic. The study dwelled upon two approaches: the first one is an investigation of physical and environmental features of public squares aiming to understand the relationship between the use and the appropriation with the free space morphology. The second approach has an empirical starting-point because it has narratives which are registered in others literatures, as well as conducted surveys and interviews in loco. By these perspectives, it is expected to contribute in filling the gap regarding the knowledge and the research about public squares in the Brazilian medium-sized cities. The purpose of unfolding a discussion forum is trying to collaborate with professional and academic backgrounds in different levels. The results show that in general the authorities barely take care of public spaces. However, depending on the location of the square in the city and the range of activities in the surroundings of the public square, as well as its facilities and the entertaining activities that are ran in the place, it can be reframed by the possible use which the population will make of it. Thereby, the statements were key parameters to prove the hypothesis of the new meaning of public squares in mid-sized cities. It was also verified that public squares still conserve an atmosphere of a belonging feeling to a community, as well as a city reference point. The public squares are resilient spaces that will always be present in people´s imaginary because of the continuing possibility of renewal. Therefore, public squares agonize, but do not die…
Medium-sized cities;Public squares;new meaning;Narratives
1
275
PORTUGUES
UNIVERSIDADE DE BRASÍLIA
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

PROJETO E PLANEJAMENTO
PROJETO E PLANEJAMENTO EDILÍCIO
PROJETO, PROTÓTIPO E ENSINO DE ARQUITETURA E URBANISMO

Banca Examinadora

JAIME GONCALVES DE ALMEIDA
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
BENNY SCHVARSBERG Docente - PERMANENTE
JOSE COSTA D ASSUNCAO BARROS Participante Externo
JUNIA MARQUES CALDEIRA Participante Externo
NEIO LUCIO DE OLIVEIRA CAMPOS Participante Externo

Vínculo

Servidor Público
Empresa Pública ou Estatal
Ensino e Pesquisa
Sim