Brasil

Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE
Ciências e Biotecnologia (31003010079P0)
AVALIAÇÃO DO POTENCIAL ANTIVIRAL DE SUBSTÂNCIAS DERIVADAS DE QUINOLONAS CONTRA O Vírus da Imunodeficiência Humana Tipo 1 (HIV-1)
LEONARDO DOS SANTOS CORREA AMORIM
DISSERTAÇÃO
22/06/2015

Tendo em vista o grande aumento no número de infecções pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV), assim como o grande número de pacientes resistentes aos medicamentos existentes além de grande parte dos fármacos utilizados hoje no tratamento do HIV gerarem efeitos adversos, faz-se necessário o estudo de novas substâncias com potencial anti-HIV. Neste trabalho se propôs avaliar a citotoxicidade de algumas substâncias sintéticas derivados quinolônicos e sua ação anti-HIV, para que possíveis novos fármacos sejam agregados ao tratamento e prevenção do HIV. Desta forma, contribuindo também para a redução dos gastos governamentais com internações resultantes de complicações relacionadas à doença. As metodologias utilizadas para o desenvolvimento deste trabalho foram: avaliação da atividade citotóxica, avaliação do potencial antiviral, avaliação da capacidade virucida, avaliação da inibição do ciclo replicativo viral através do ensaio de Time of Addition. Todas mensuradas através do Ensaio de MTT (brometo de 3-(4,5-dimetil-tiazol-2-il)- 2,5 difeniltetrazólio) que consiste na avaliação da lesão mitocondrial causada pela ação das substâncias sobre as células MT-2 (Células de Linhagem Linfocitária) além da atividade anti-HIV. A avaliação da inibição da atividade enzimática da Transcriptase reversa foi mensurada através do kit comercial PicoGreen®. Os resultados obtidos evidenciam que o grupo de substâncias testadas apresentam baixa citotoxicidade, assim como elevada ação inibitória sobre o HIV-1. Os estudos de atividade biológica presente nos derivados quinolônicos a substância PDFS25 mostrou ter um excelente potencial virucida, expressando valores de inibição viral de 88,06%, além de mostrar um excelente perfil inibitório em diversas fases do ciclo replicado do HIV-1. A análise da inibição da enzima transcriptase reversa deixou claro que este não é o melhor mecanismo de ação desta substância devido à discrepância em relação à droga controle AZT. Finalmente, o presente estudo revela que diante do cenário atual, novos antirretrovirais derivados de substâncias sintéticas, exibem uma excepcional atividade biológica, algumas vezes apresentando apenas um único mecanismo de ação. Suplementarmente, com o aumento da multi-resistência à drogras existentes, faz-se imprescindível o estudo de inibidores com novos modos de ação. O derivado quinolônico PDFS25 revelou ser um candidato a fármaco fortemente eficaz tendo em vista os resultados obtidos nos ensaios realizados no presente estudo, apresentando valores de citotoxicidade reduzido, potencial antiviral elevado, assim como elevada taxa virucida. Este composto demonstrou-se eficaz no controle da replicação viral, mais precisamente nas fases pré-infecciosas e fases iniciais do ciclo replicativo que devem ser melhor elucidadas, abrindo assim a possibilidade para outros estudos voltados à avaliação do seu efeito inibitório, bem como para o surgimento de outros novos compostos capazes de inibir a replicação do HIV-1

HIV-1, Antirretrovirais, Transcriptase Reversa, Derivados Quinolônicos.
As there´s been a large increase in the number of infections by Human Immunodeficiency Virus (HIV), as well as the large number of patients resistant to existing drugs, in addition to the large part of the drugs used today in the treatment of HIV generate side effects, it is necessary the study of new substances with anti-HIV potential..This study aims to evaluate the cytotoxicity of some synthetic substances Quinolone derivatives and their anti-HIV action, so that potential new drugs are added to the treatment and prevention of HIV. And, therefore, also contributing to the reduction of government expenses on hospital admissions as a result of complications related to the disease. The methodologies used for the development of this work were: evaluation of the cytotoxic activity, evaluation of the antiviral potential, assessment of virucidal capacity, assessment of inhibition of viral replicative cycle through Time of Addition test. All measured by MTT assay (3- (4,5-dimethyl-thiazol-2-yl) -2,5 diphenyl tetrazolium bromide), which consists in the assessment of mitochondrial DNA damage caused by the action of the substance on the MT-2 cells ( Lineage Lymphocyte cells) in addition to the anti-HIV activity. The evaluation of the inhibition of the enzymatic activity of reverse transcriptase was measured using a commercial kit PicoGreen®. The results show that the group of tested substances presents low cytotoxicity, as well as high inhibitory effect on HIV-1. Biological activity studies on Quinolone derivatives show that the PDFS25 substance proved to have an excellent virucidal potential, expressing viral inhibition values of 88.06%, and show an excellent inhibitory profile at various stages of the replicated cycle of HIV-1. The analysis of the inhibition of the enzyme reverse transcriptase made it clear that this is not the best action mechanism of this substance due to the discrepancy in relation to the control drug AZT. Finally, this study shows that, given the current scenario, new antiretroviral drugs derived from synthetic substances exhibit exceptional biological activity, sometimes presenting only a single mechanism of action. Additionally, with the increase of multi-resistance to existing drugs, it is made necessary the study of inhibitors with new modes of action. The quinolone derivative PDFS25 proved to be a highly effective drug candidate in view of the results obtained during the tests performed in this study, showing reduced cytotoxicity values, higher antiviral potential, as well as high virucidal rate. This compound has been shown to be effective in controlling viral replication, more precisely in the pre-infection phase and initial phases of the replicative cycle which should be better understood, thereby opening the possibility for further studies aimed at the evaluation of their inhibitory effect, as well as for emergence of other new compounds capable of inhibiting HIV-1 replication.
HIV-1, Antiretrovirals, Reverse Transcriptase, Quinolone Derivatives. 15
01
58
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE

Contexto

CIÊNCIAS E BIOTECNOLOGIA - INTERAÇÕES MOLECULARES, CELULARES E SISTÊMICAS
-
-

Banca Examinadora

IZABEL CHRISTINA NUNES DE PALMER PAIXAO
Sim
Nome Categoria
ANA MARIA VIANA PINTO Participante Externo
DIOGO GOMES GARCIA Participante Externo
CLAUDIO CESAR CIRNE DOS SANTOS Participante Externo
PATRICIA BURTH Docente

Vínculo

-
-
-
Não