Brasil

Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE DE TAUBATÉ
Ciências Ambientais (33021015012P5)
USO DO ARARIBÁ (Centrolobium tomentosum) COMO ALTERNATIVA NATURAL E SUSTENTÁVEL NO CONTROLE DE NEMATOSES EM OVINOS
ROBERTO CARLOS DE SA SILVA
DISSERTAÇÃO
21/06/2013

Atualmente tem ocorrido uma mudança de hábito alimentar da sociedade brasileira, com aumento da procura por produtos mais saudáveis e livres de resíduos químicos ou biológicos, os chamados orgânicos. Neste contexto a pecuária orgânica é uma alternativa ao sistema convencional de produção, através de práticas sustentáveis de manejo, como a procura por métodos naturais de tratamento veterinário, visando à preservação ambiental. O uso indiscriminado de anti-helmínticos no tratamento das nematoses em ovinos tem ocasionado aumento da resistência dos parasitos. Como alternativa ao tratamento químico das endoparasitoses, vários métodos naturais têm sido avaliados, dentre eles a fitoterapia com plantas ricas em taninos. Nesse contexto, objetivou-se com este trabalho avaliar o potencial do araribá (Centrolobium tomentosum), uma leguminosa da família Fabaceae, como uma alternativa natural e sustentável no controle de nematoses em ovinos. Para tanto, após coleta do material vegetal no campus do Departamento de Ciências Agrárias da Universidade de Taubaté, quantificou-se os fenóis totais das folhas (5,9 g.kg-1), da casca (3,0 g.kg-1) e do lenho (2,6 g.kg-1), e também taninos totais das folhas (3,2 g.kg-1), da casca (1,7 g.kg-1) e do lenho (1,3 g.kg-1). Adicionalmente avaliou-se a toxicidade do araribá frente à Artemia salina, com valores estimados de CL50 para o extrato das folhas (537 μg.ml-1), da casca (416 μg.ml-1) e do lenho (826 μg.ml-1). O teste in vitro do extrato etanólico das folhas, na concentração de 10 mg.ml-1, resultou em inibição da eclodibilidade dos ovos de nematódeos e no desenvolvimento larval, com eficácia de 86,6% e 81,8%, respectivamente. O tratamento dos ovinos com extrato etanólico da casca do araribá, na dose única de 0,9 ml.kg-1 do animal, não resultou em efeito significativo na redução de OPG e no ganho de peso dos ovinos. As análises bioquímicas revelaram que o extrato etanólico da casca não produziu efeito hepatotóxico, nem alterações nos parâmetros hematimétricos. Do mesmo modo, não houve efeito significativo sobre a concentração de proteínas totais e frações.

Fitoterápicos. Antiparasitários. Nematoses. Taninos
Currently there has been a change in eating habits of Brazilian society, with increased demand for healthier products and free of chemical or biological residues, called organic. In this context, organic livestock is an alternative to the conventional production through sustainable agricultural management practices, such as the search for natural methods of veterinary treatment, aimed at environmental preservation. The indiscriminate use of anthelmintics in the treatment of gastrointestinal nematodes in sheep has caused an increase in parasite resistance. As an alternative to chemical treatment internal worms several natural methods have been evaluated, including herbal medicine with plants rich in tannins. In this context, the aim of this work was to evaluate the potential of araribá (Centrolobium tomentosum), a legume of the Fabaceae family, as a sustainable and natural alternative for control of nematoses in sheep. After collecting of the plant material in the Agricultural Sciences Department, Taubaté University, were quantified the total phenols from leaves (5.9 g.kg-1), from bark (3.0 g.kg-1), from wood (2.6 g.kg-1) and also tannins from leaves (3.2 g.kg-1), from bark (1.7 g.kg-1) and from wood (1.3 g.kg-1). Additionally, the ethanolic extracts were evaluated for toxicity using brine Shrimp test (Artemia salina) and showed biological activity with values estimated of lethal concentration 50 (LC50) for the leaves ethanolic extract (537 μg.ml-1), bark (416 μg.ml-1 ) and wood (826 μg.ml-1). The in vitro test with ethanolic extract from leaves, at a concentration 10 mg.ml-1 resulted in inhibition of eggs hatchability and of the nematode larvae development with efficacy 86.6% and 81.8%, respectively. Treatment of sheep with ethanolic extract from bark of araribá single dose of 0.9 ml.kg-1 animal resulted in no significant effect on the reduction of number of parasite eggs per gram (EPG) and weight gain of sheep. Biochemical analysis revealed that the ethanolic extract from bark produced no hepatotoxic effect, or changes in hematological parameters. Similarly, there was no significant effect on the concentration of total protein and fractions
Phytotherapeutic Drugs. Anthelmintics. Parasitic Diseases. Tannins.
único
68
PORTUGUES
UNIVERSIDADE DE TAUBATÉ

Contexto

CIÊNCIAS AMBIENTAIS
COMPOSIÇÃO E PROCESSOS ESTRUTURANTES DE BACIAS HIDROGRÁFICAS
REPOSIÇÃO FLORESTAL E EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA BACIA HIDROGRÁFICA DO RIO UNA - VALE DO PARAÍBA - SP - CBH-PS/FEHIDRO

Banca Examinadora

ANA APARECIDA DA SILVA
Sim
Nome Categoria
LUIZ FERNANDO COSTA NASCIMENTO Docente
MATHEUS DINIZ GONCALVES COELHO Participante Externo

Vínculo

Servidor Público
Empresa Pública ou Estatal
Ensino e Pesquisa
Sim