Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE
LETRAS (23002018004P7)
Análise de produções textuais de alunos do 9º ano sob a perspectiva do plano discursivo figura e fundo: abordagem funcionalista
ANA DALETE DA SILVA
DISSERTAÇÃO
19/04/2016

Ancorando-nos na ideia de que a língua é um instrumento de interação social, de natureza essencialmente dinâmica, materializada a partir dos usos linguísticos que contingenciam as diferentes formas de configuração do discurso, buscamos, nesta pesquisa, compreender como se dá a articulação discursiva dos alunos investigados na produção dos seus textos. Com isso, detemo-nos as dimensões de plano discursivo, com ênfase nas noções de figura e fundo. Para esse empreendimento, adotamos os pressupostos teóricos que caracterizam a ambiência da Linguística Funcional Centrada no Uso, referenciando-nos em estudiosos como Givón (2001; 2011); Hopper & Thompson (1979; 1980), Furtado da Cunha, Costa e Cezario (2003); Martelotta (1998; 2003; 2008; 2011); Neves (1997; 1999; 2006; 2011), entre outros. Também, serviram-nos de subsídio as contribuições bakhtinianas (1995; 2000; 2003; 2005) em torno dos gêneros discursivos. Para constituir o corpus da pesquisa, coletamos produções textuais de alunos pertencentes ao 9º ano do Ensino Fundamental, advindos de uma escola pública estadual. Trata-se de vinte textos, sendo dez do gênero carta argumentativa e dez do gênero crônica. O estudo assume uma metodologia de caráter descritivo-interpretativo, na qual lançamos um olhar qualitativo sobre os dados. As análises efetivadas elucidaram o nível textual discursivo e os aspectos semânticos-pragmáticos na construção dos textos. A partir disso, visamos analisar como se dá a organização das ideias primárias e secundárias propagadas e veiculadas na produção escrita dos alunos, bem como são arquitetadas no plano discursivo. Desse modo, como a Linguística Funcional Centrada no Uso se direciona para o estudo da língua em seu uso efetivo, o plano discursivo foi escolhido como unidade de análise, tendo em vista que se constitui um campo profícuo no que tange a reflexão dos possíveis diálogos que podem ser estabelecidos nos estudos que tomam a linguagem como objeto de pesquisa. Discussões desta natureza podem trazer contribuições para o ensino de língua, já que vislumbram questões relativas a compreensão e produção textual. Os resultados obtidos, nesta pesquisa, evidenciam que os alunos investigados revelam dificuldades com a escrita, à disposição das informações enunciadas nos textos, em alguns casos, estão articuladas de maneira precária o que ocasiona prejuízos ao plano discursivo. Constatamos ainda incidências de muito relato, o que consiste em um indicativo que demonstra a objeção em argumentar os temas propostos.

Linguística Funcional Centrada no Uso;Planos discursivos Figura e Fundo;Produção textual
Anchoring us in the idea that language is an instrument of social interaction, essentially dynamic nature, materialized from the linguistic uses that contingency the different forms of discourse configuration, we seek, in this research, to understand how is the discursive articulation of students investigated in the production of their texts. With this, we focus the discursive plan dimensions, with emphasis on the notions of foregrounding and background. For this enterprise, we adopted the theoretical presuppositions that characterize the ambience of Usage-based Linguistic Functional, referencing us in researchers such as Givón (2001; 2011); Hopper and Thompson (1979; 1980), Furtado da Cunha, Costa and ezario (2003); Martelotta (1998; 2003; 2008; 2011); Neves (1997; 1999; 2006; 2011), among others. And Bakhtin´s contributions (1995; 2000; 2003; 2005) around the discourse genres is also adopted.To form the corpus of the research, we collected textual productions of students belonging to the ninth year of elementary school, coming from a state public school. It is twenty texts, ten genre letter argumentative e and ten chronic genre. The study assumes a descriptive and interpretative character methodology, which we launched a qualitative look at the data. The analyzes have elucidated the textual level discursive and semantic-pragmatic aspects in the construction of the texts. From this, we will analyze how it is the organization of primary and secondary ideas propagated and disseminated in the written production of the students, as well as are architected in the discursive plan. That way, as the Usage-based Linguistic Functional is directed to the study of language in its effective use, the discursive plan has been chosen as the unit of analysis, having in mind that it is a fruitful field regarding the reflection of possible dialogues that may be established in studies that take the language as object of research. Discussions of this nature can bring contributions to language teaching, as it glimpsed questions concerning the understanding and the textual production. The results obtained, in this research, provide evidence that the students investigated have difficulties with writing, the availability the information set out in the texts, in some cases, are articulated in a precarious manner thus causing damage to the discursive plan. We verified still incidences of much report, what consists of an indicator that demonstrate the objection to argue the proposed themes.
Usage-based Linguistic Functional;Discursive plans foregrounding and background;Textual production
01
119
PORTUGUES
UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

ESTUDOS DO DISCURSO E DO TEXTO
TEXTO E CONSTRUCAO DE SENTIDOS
A produção e o ensino de texto em perspectiva interacionalista: questões de heterogeneidade, argumentação e funcionalidade da linguagem

Banca Examinadora

ROSANGELA MARIA BESSA VIDAL
Sim
Nome Categoria
MARIA EDILEUZA DA COSTA Docente
MARIA DO SOCORRO MAIA FERNANDES BARBOSA Docente
VALDECY DE OLIVEIRA PONTES Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Programa de Demanda Social 24

Vínculo

Servidor Público
Empresa Pública ou Estatal
Ensino e Pesquisa
Não