Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
PSIQUIATRIA E PSICOLOGIA MÉDICA (33009015032P3)
EXPRESSÃO DO NPY E DO ΔFOSB DURANTE A ABSTINÊNCIA EM CAMUNDONGOS SUSCEPTÍVEIS E RESISTENTES À SENSIBILIZAÇÃO LOCOMOTORA INDUZIDA PELO ETANOL
RICARDO FONTAO DE PAULI
DISSERTAÇÃO
30/01/2013

além da dependência de droga, o NPY está envolvido em comportamentos relacionados com a ansiedade, enquanto que o FosB/ΔFosB desempenha um papel na resiliência ao estresse e os efeitos de recompensa da droga. Vários estudos em dependência de drogas têm-se centrado sobre os mecanismos associados ao estado emocional negativo que emerge da retirada. Investigamos como a variabilidade comportamental para desenvolvimento da sensibilização locomotora induzida por etanol poderia mudar NPY e FosB/ΔFosB durante o período de retirada. Método: camundongos suíços outbreed foram tratados diariamente com etanol ou uma solução salina durante 21 dias. De acordo com a atividade locomotora após a última injecção de etanol, os camundongos foram classificados como sensibilizado (SENS) ou não-sensibilizados (NSENS). Depois de 18 horas ou 5 dias, seus cérebros foram processados para NPY e FosB/ΔFosB imuno-histoquímica. Resultados: houve aumento de FosB/ΔFosB durante a abstinência no córtex órbito-frontal, estriado e núcleos mesencefálicos dopaminérgicos, embora nestes dois últimos os aumentos foram maiores nos NSENS. Por outro lado, o aumento de FosB/ΔFosB no córtex motor foi observado apenas nos SENS. Quanto ao NPY, houve aumentos durante a abstinência de etanol apenas nos SENS, no estriado, hipocampo, motor e córtex piriforme. Curiosamente, na camada granular do giro denteado, o aumento de NPY nos SENS foi visto apenas após 5 dias de abstinência. Em contraste, no grupo NSENS, houve um aumento inicial após 18 h de abstinência, seguido por uma diminuição ao longo de abstinência. Conclusão: o NPY pode contribuir para os estados emocionais negativos da abstinência (dada a expressão proeminente apenas nos SENS). Por outro lado, o acúmulo de FosB/ΔFosB pode representar um mecanismo compensatório para evitar estes estados negativos (dado este maior acúmulo em NSENS em comparação os SENS).

Sensibilização locomotora 2. Etanol 3. Abstinência 4. Neuropeptídeo Y 5. FosB
besides drug addiction, NPY is involved in anxiety-related behaviors, while FosB/ΔFosB plays a role in the resilience to stress and in the rewarding effects of drugs. Several studies in drug addiction have focused on the mechanisms associated with negative emotional state which emerges from withdrawal. We investigate how behavioral variability to develop ethanol-induced locomotor sensitization could change NPY and FosB/ΔFosB during withdrawal period. Methods: outbreed Swiss mice were daily treated with ethanol or saline for 21 days. According to the locomotor activity after the last ethanol injection, mice were classified as Sensitized (EtOH_High) or non-sensitized (EtOH_Low). After 18 hours or 5 days, their brains were processed for NPY and FosB/ΔFosB immunohistochemistry. Results: there were FosB/ΔFosB increases throughout withdrawal in the orbitofrontal cortex, striatum and dopaminergic mesencephalic nuclei, although in these two last the increases were higher in EtOH_Low. In contrast, increase on FosB/ΔFosB in the motor cortex was seen only in the EtOH_High. Regarding NPY, there were increases during ethanol withdrawal only in EtOH_High, and in the striatum, hippocampus, motor and piriform cortices. Interestingly, in the granular layer of dentate gyrus, increase in EtOH_High was seen only at 5 days of withdrawal. In contrast, in EtOH_Low group, there was an initial increase at 18 h of withdrawal, followed by decrease throughout withdrawal. Conclusion: NPY could contribute to the negative emotional states of withdrawal (given this prominent expression only in EtOH_High). In contrast, accumulation of FosB/ΔFosB could represent a compensatory mechanism to avoid these negative states (given this highest accumulation in EtOH_Low than EtOH_High).
-
0
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
O trabalho não possui divulgação autorizada

Contexto

PSIQUIATRIA
PSICOPATOLOGIA E PSIQUIATRIA CLÍNICA
NEUROPSIQUIATRIA E USO DE SUBSTÂNCIAS PSICOATIVAS

Banca Examinadora

DARTIU XAVIER DA SILVEIRA FILHO
Sim
Nome Categoria
BEATRIZ DE OLIVEIRA MONTEIRO Participante Externo

Vínculo

-
-
-
Não