Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
CIÊNCIAS SOCIAIS EM DESENVOLVIMENTO, AGRICULTURA E SOCIEDADE (31002013007P9)
Mulheres e Meninas em Situação de Violência no Estado do Rio de Janeiro
BARBARA SALVATERRA MIRANDA
DISSERTAÇÃO
28/04/2016

SALVATERRA, Bárbara. Mulheres e Meninas em Situação de Violência no Estado do Rio de Janeiro: notificação em saúde e recorrência, RJ. 2016. 118p. Dissertação (Mestrado de Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade). Programa de Pós-Graduação de Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, 2016. Esta dissertação é um estudo exploratório sobre as violências notificadas no Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN), contra meninas e mulheres no Estado do Rio de Janeiro, de 2009 a 2014. Recentes políticas e legislações de enfrentamento à violência contra meninas e mulheres têm propiciado debate e análise sobre o tema, porém, existem ainda muitas lacunas de conhecimento, em especial quanto aos possíveis fatores de risco, vulnerabilidades, especificidades locais associadas e recorrências. Como fonte de informação, a gradual melhoria na padronização e formulação dos dados de atendimento, através do SINAN, pode auxiliar-nos na compreensão das características que conformam o fenômeno da violência contra meninas e mulheres, e consequentes avanços para o planejamento e monitoramento das ações de enfrentamento. Assim, utilizando o banco de dados do SINAN, selecionamos as notificações de violências contra meninas e mulheres, e tivemos como objetivos: I) produzir análise descritiva do perfil das meninas e mulheres atendidas, de características de seus agressores, das violências notificadas e encaminhamentos intersetoriais; e II) analisar os fatores de risco associados à probabilidade de recorrência de qualquer tipo de violência. Nossos resultados revelaram que são maiores as chances de se repetir qualquer forma de violência se a vítima já é parceira íntima do autor da violência, se é idosa, se está separada, se o local da agressão é residencial e, divergentemente da literatura, se o agressor não fazia uso de álcool. Essa foi uma análise exploratória, pois havia enorme percentual de perda de informação entre as variáveis, selecionadas a partir da literatura. Em nossas considerações finais ressaltamos a necessidade de investimentos em formação profissional e capacitação técnica para a melhoria da qualidade dos dados. Adicionalmente, recomendamos a criação de observatório intersetorial e multidisciplinar de vigilância da violência contra mulher, que discuta, proponha respostas e facilite caminhos de execução para a melhoria da qualidade dos dados, monitoramento, análise e avaliação das políticas e serviços públicos de enfrentamento à violência contra meninas e mulheres.

Violência contra as mulheres;–Violência – SINAN – Política Pública - Recorrência
SALVATERRA , Barbara. Women and girls in Situations of Violence in the State of Rio de Janeiro: notification in health ande recurrence, RJ . 2016. 118p. Dissertation (Master in Social Sciences). Programa de Pós-Graduação de Ciências Sociais em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, 2016. This is an exploratory study on violence reported against girls and women in the State of Rio de Janeiro, from 2009 to 2014. Recent policies and legislation, addressing the situation of violence that girls and women experience, have led some studies and placement data alarming on the subject. The gradual improvement in standardization and formulation of attendance data, through the System for Notifiable Diseases Information System (SINAN), has the potential to offer advances in the understanding of violence against girls and women, recurrence and consequent improvements to the planning and monitoring of coping actions. Thus, using the SINAN database, selected reports of violence against girls and women, and had the following objectives: I) produce descriptive profile analysis of girls and women seen, characteristics of their attackers, the reported violence and cross-referrals ; and II) to analyze the risk factors associated with the likelihood of a victim suffering recurrence of any violence. Our results revealed that are more likely to reoffend any form of violence, if the victim is already intimate partner of the author of violence, whether she is old, she is separated, if the site of aggression is residential and, divergently to the literature, if the aggressor did not use alcohol. This was an exploratory analysis, because there was huge percentage of lost information, between the variables selected from the literature. In our concluding remarks, we highlight the need for investment in professional and technical training to improve the quality of data. In addition, we recommend the creation of intersectoral and multidisciplinary observatory of monitoring violence against women, to discuss, propose responses and facilitates execution paths to improve the quality of data, monitoring, analysis and evaluation of public policies and coping services to violence against girls and women.
Violence against women Violence SINAN Public Policy;Recurrence
0
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

DESENVOLVIMENTO, AGRICULTURA E SOCIEDADE
CONFLITOS, MOVIMENTOS SOCIAIS E REPRESENTAÇÃO POLÍTICA
Gênero, políticas públicas e movimentos sociais do campo

Banca Examinadora

DEBORA FRANCO LERRER
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
LUDMILA FONTENELE CAVALCANTI Participante Externo
EDUARDO RIBEIRO DA SILVA Participante Externo
DEBORA FRANCO LERRER Docente - PERMANENTE
JOSE IGNACIO CANO GESTOSO Participante Externo

Vínculo

Colaborador
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Não