Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANA
RECURSOS PESQUEIROS E ENGENHARIA DE PESCA (40015017011P2)
“Eletrosensibilidade em peixes: fundamentos para o desenvolvimento de uma alternativa para repulsão de peixes no tubo de sucção de turbinas de Usinas Hidrelétricas”.
JOSIAS BATISTA NEVES
DISSERTAÇÃO
07/07/2016

Os represamentos exercem impactos consideráveis sobre as populações de espécies de peixes nativas e, particularmente das espécies migradoras. Entre as grandes causas de impactos sobre a ictiofauna estão os procedimentos rotineiros de operação a jusante da barragem de usinas hidrelétricas, quando o fluxo de água pelas turbinas é reduzido, e então quantidade significativa de peixes avança pelo canal de fuga, adentrando o tubo de sucção onde podem se ferir gravemente por choques com os componentes da turbina ou devido as reduzidas concentrações de oxigênio. O uso de sistemas de repulsão e direcionamento de peixes é uma alternativa para minimizar os impactos das barragens sobre as populações de peixes. Dentre tais sistemas as barreiras comportamentais são estratégias muito promissoras, pois são construídas no intuito de alterar o comportamento de certas espécies, fazendo-as evitar áreas de risco. Para tanto luz estroboscópica, infrasom, cortina de bolhas e campo elétrico tem sido considerados como alternativas para a repulsão. Entre essas alternativas a formação de campo elétrico. Esse trabalho buscou avaliar as respostas eletrocomportamentais em adultos de Prochilodus lineatus, Brycon cephalus e Leporinus macrocephalus com intuito de se conhecer os níveis de eletrosensibilidade de cada espécie e possíveis diferenças nesses níveis dentro da espécie e entre as espécies estudadas. Os valores de eletrosensibilidade foram avaliados através de um teste de Ancova, onde foi possível observar que não houve relação significativa entre os comprimentos e pesos dos indivíduos testados e as suas eletrosensibilidades, sendo que curimba foi mais sensível aos campos elétricos e se mostrou significativamente diferente de matrinxã e piauçú para os limiares de sensibilidade, agitação e paralisia. Apesar dos tempos de recuperação não apresentarem diferenças estatísticas entre as espécies, piauçú se mostrou mais tolerante as correntes elétricas, pois apresentou os menores tempos de recuperação entre as espécies. Resultados esses fundamentais para o entendimento das reações dos peixes frente à aplicação de campos elétricos e para a fundamentação de futuros projetos de construção de barreiras comportamentais elétricas.

Eletrocomportamental;Barreira comportamental;Migração;Reofílicas;Eletrosensibilidade
The impoundments have considerable impacts on populations of native fish species, particularly migratory species. One of the major causes of impacts on ichthyofauna are routine operating procedures downstream of the dam of hydroelectric power plants, when the flow of water through the turbines is reduced, and then significant amount of fish advances the tailrace entering the pipe where they can be seriously injured by clashes with the components of the turbine or due to low concentrations of oxygen. The use of repulsion and targeting fish systems is an alternative to minimize the impacts of dams on fish populations. Among these systems, behavioral barriers are very promising strategies, as they are built in order to change the behavior of certain species, causing them to avoid risk areas. Therefore strobe light, infrasound, bubble curtains and electric field are used. Thus, since the fish are sensitive to electric fields, this study aimed to evaluate the electrobehavioral responses in adult Prochilodus lineatus, Brycon cephalus and Leporinus macrocephalus in order to get to know the electrosensitivity levels of each species and possible differences in these levels within the species and between species. The results of electrosensitivity tests were evaluated through an ANCOVA test, where it was observed that there was no significant relationship between the lengths and weights of the tested individuals and their electrosensitivities, and curimba was more sensitive to electric fields and was significantly unlike matrinxã and piauçu to the sensitivity, agitation and paralysis thresholds. In spite of the fact that the recovery times do not show statistical differences between species, piauçu showed itself more tolerant to electric currents, as it had the lowest recovery times between species. Such results were fundamental to the understanding of fish reactions involving the application of electric fields and for future projects on the construction of electrical behavioral barriers.
Electrobehavioral;Behavioral barrier;Migration;Rheophilic;Electrosensitivity
01
31
PORTUGUES
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO OESTE DO PARANA
O trabalho não possui divulgação autorizada

Contexto

RECURSOS PESQUEIROS E ENGENHARIA DE PESCA
MANEJO E CONSERVAÇÃO DE RECURSOS PESQUEIROS DE ÁGUAS INTERIORES
-

Banca Examinadora

GILMAR BAUMGARTNER
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
LUCIANO CAETANO DE OLIVEIRA Participante Externo
JAIR ANTONIO CRUZ SIQUEIRA Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Programa de Demanda Social 24

Vínculo

-
-
-
Sim