Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE
LETRAS (23002018004P7)
Análise dialógica do discurso citado na encíclica Lumen Fidei do Papa Francisco
JOSE RONALDO RIBEIRO DA SILVA
DISSERTAÇÃO
29/02/2016

Essa pesquisa analisa as formas marcadas de heterogeneidade mostrada através dos mecanismos de citação da palavra alheia no discurso religioso católico contemporâneo, materializado na Encíclica Lumen Fidei. O objetivo geral é caracterizar essa heterogeneidade em termos de mecanismos utilizados para a convocação da fala do outro e a identificação desse outro enquanto sujeito que se filia a diferentes esferas discursivas. Através desse objetivo, o problema da pesquisa ficou assim formulado: como ocorre a presença do outro na teia discursiva da Encíclica Lumen Fidei? E, em consequência deste primeiro questionamento, buscase perscrutar quem é esse outro responsável pela heterogeneidade do texto e porque a voz alheia é convocada. O corpus da pesquisa é um documento único, publicado em junho de 2013, primeiro ano do papado de Francisco. Trata-se da Encíclica Lumen Fidei – A Luz da Fé –, escrita a quatro mãos pelo Papa Bento XVI e pelo próprio Papa Francisco e assinada apenas pelo pontífice argentino. A pesquisa caracteriza-se como qualitativa e quantitativa, pois seguiu passos de identificação, descrição, classificação e interpretação de ocorrências de discursos citados. O embasamento teórico é a abordagem dialógica da linguagem de Bakhtin (2010, 2011, 2014), com contribuições de Authier-Revuz (1990, 1998, 2004) que aborda questões sobre heterogeneidade discursiva e Maingueneau (1996, 1997, 2002), cujo trabalho possui uma intersecção com o pensamento de Authier-Revuz, principalmente em torno de aspectos da heterogeneidade. No texto, os pontífices convocam inúmeras vozes de variadas fontes para colaborar com sua teia argumentativa. A maior fonte de citações da encíclica é a Bíblia Sagrada, com maciça contribuição de vozes de livros do Antigo e do Novo Testamento. Outras vozes convocadas vieram do campo da filosofia, da literatura e dos cânones da Igreja Católica, como santos e “antecessores de Pedro”. Foram detectadas 192 citações no texto de oitenta e seis páginas, o que demonstra a presença marcante do outro na constituição discursiva do documento. Com relação às formas de citação, observou-se uma elevada recorrência de discursos diretos (DD), discursos indiretos (DI) e Ilhotas Citacionais (IC), além de ocorrências menos expressivas de outras formas. Os resultados da análise demonstram que, na argumentação sobre o papel da fé, os autores precisaram convocar uma grande variedade de vozes de diferentes fontes, trazidas à cena enunciativa da Encíclica Lumen Fidei com variadas nuances: aceitação, rejeição, complementação etc. A análise demonstrou também que o outro que perpassa a Encíclica Lumen Fidei é, na maioria das vezes, um outro próximo, que fala a partir da própria esfera discursiva religiosa, restando pouco espaço para um outro distante, que fala de lugares discursivos diferentes.

Abordagem Dialógica da Linguagem;Discurso Citado;Encíclica Lumen Fidei;Discurso Religioso Católico
This research analyzes the marked forms of shown heterogeneity expressed by the quotation mechanisms of the others’ words in the contemporary Catholic religious discourse, materialized in the encyclical Lumen Fidei. The general objective is to characterize this heterogeneity in terms of mechanisms used to call the speech of the other and the identification of that other as a subject that is affiliated to different discursive spheres. Through this objective, the research problem was formulated as follows: how does the presence of the other occur in the discursive web of the encyclical Lumen Fidei? And, as a consequence of this first question, we seek to know who is this other responsible for the heterogeneity of the text and why the other’s voice is summoned up. The corpus of the research is a single document, published in June 2013, the first year of Francisco’s papacy. It is the encyclical Lumen Fidei - The Light of Faith – written by the four hands of Pope Benedict XVI and the Pope Francis himself and signed only by the Argentine pontiff. The research is characterized as qualitative and quantitative, because it follows steps of identification, description, classification and interpretation of cited speeches occurrences. The theoretical basis is the dialogic language approach of Bakhtin (2010, 2011, 2014), with contributions from Authier-Revuz (1990, 1998, 2004), which addresses issues of discursive heterogeneity and Maingueneau (1996, 1997, 2002), whose work has an intersection with the thought of Authier-Revuz, particularly about aspects of heterogeneity. In the text, the pontiffs call upon many voices from various sources to cooperate with their argumentative web. The biggest source of the encyclical quotations is the Holy Bible, with massive contribution of the Ancient Testament and the New Testament. Other convened voices came from the field of philosophy, literature and the canons of the Catholic Church as saints and "predecessors of Peter." We detected 192 citations in the text of eighty-six pages, what is evidence of the strong presence of the other in the discursive constitution of the document. Regarding the forms of citation, there was a high recurrence of direct speech, indirect speech and citacional (textual) islands, as well as less significant occurrences of other forms. The results show that, in arguing about the role of faith, the authors had to convene a wide variety of voices from different sources, brought to expository scene of the encyclical Lumen Fidei with varied nuances: acceptance, rejection, complementation etc. The analysis also showed that the other other present in the encyclical Lumen Fidei is, most often, a well-known other, who speaks from the very religious discursive sphere, leaving little room for far others, who speak of different discursive spaces.
Dialogic Language Approch;Quoted Speech;Encyclical Lumen Fidei;Catholic Religious Discourse
Único
115
PORTUGUES
UNIVERSIDADE DO ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

ESTUDOS DO DISCURSO E DO TEXTO
TEXTO E CONSTRUCAO DE SENTIDOS
A produção e o ensino de texto em perspectivas interacionistas: questões de dialogismo e construção de sentidos

Banca Examinadora

MARIA DO SOCORRO MAIA FERNANDES BARBOSA
Sim
Nome Categoria
EDSON SOARES MARTINS Participante Externo
ROSANGELA ALVES DOS SANTOS BERNARDINO Participante Externo

Vínculo

Servidor Público
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Sim