Governo Federal

Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
GESTÃO E INFORMÁTICA EM SAÚDE (33009015077P7)
CARACTERIZAÇÃO EVOLUTIVA DO ROTAVÍRUS DO GRUPO A
JACKSON CORDEIRO LIMA
TESE
01/07/2015

Objetivo: Caracterizar filogeneticamente os genes do Rotavírus Métodos: As sequências dos genes do Rotavírus foram obtidas em busca realizada no NCBI, em que um dos critérios de inclusão seria a presença do ano de coleta da amostra. Para cada gene foi construído um dataset que foi submetido a alinhamento no programa MAFFT, com o algoritmo G-INS-i. Após, foi determinado o melhor modelo de substituição de nucleotídeos para cada dataset através do programa jModelTest2. Com os resultados da etapa anterior procedeu a inferência filogenética por máxima verossimilhança com software PhyML e análise bayesiana por meio do Mr. Bayes. Para a inferência das taxas evolutivas dos segmentos e cálculo do relógio molecular usou o BEAST. O processo de obtenção do teste de seleção aos quais estão submetidos os códons foi com HYPHY com as metodologias SLAC e FEL. Resultados: Os segmentos de rotavírus estão sob seleção negativa, com exceção dos segmentos NSP1 e NSP5 que estão sob seleção neutra. As taxas de evolução dos genes variam de 3,59x10-3 a 1,7x10-2 substituições/nucleotídeo/ano.O tempo até o ancestral comum mais recente variou de 62 até 126 anos. O atual sistema de classificação do Rotavírus apresenta algumas inconsistências que poderiam ser sanadas com a adoção de mais critérios para construção da classificação. Conclusões: Os cálculos das taxas de mutações e do relógio molecular podem ajudar a entender melhor o processo de evolução do rotavírus, bem como melhorar a compreensão de como os segmentos evoluem.

1. Rotavírus. 2. Caracterização evolutiva. 3. Recombinação. 4. Seleção Positiva/Negativa. 5. Relógio Molecular.
Objective: Characterize phylogenetically the Rotavirus genes Methods: The sequences of rotavirus genes were obtained in the search performed in the NCBI, wherein one of the inclusion criteria would be the presence of the sample collection year. For each gene was constructed a dataset that has been subjected to alignment in MAFFT program with L-INS-i algorithm. After it was determined the best nucleotide substitution model for each dataset by jModelTest2 program. With the results of the previous stage held by maximum likelihood phylogenetic inference with PhyML software and Bayesian analysis using Mr. Bayes. For the inference of evolutionary rates of the segments and calculating the molecular clock used the BEAST. The process of getting the screening test to which they are subjected codons was with HYPHY with SLAC and FEL methodologies. Results: The rotavirus segments are under negative selection, except for NSP1 and nsP5 segments that are under neutral selection. The gene evolution rates vary 3,59x10-3 to 1,7x10-2 replacements / nucleotide / year.The time to the most recent common ancestor ranged from 62 to 126 years. The current classification system Rotavirus has some inconsistencies that could be remedied by adopting more criteria for classification construction. Conclusions: The calculations of rates of mutations and the molecular clock can help you better understand the process of evolution of rotavirus, as well as improve understanding of how the segments evolve.
-
1
119
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO

Contexto

GESTÃO E INFORMÁTICA EM SAÚDE
TECNOLOGIAS DA INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO NA SAÚDE, NO ENSINO E EM TELESSAÚDE
PROCESSAMENTO E ANÁLISE DE IMAGENS MÉDICAS E DADOS BIOLÓGICOS

Banca Examinadora

PAULO BANDIERA PAIVA
Sim
Nome Categoria
MARCELO NASCIMENTO BURATTINI Participante Externo
JOANA D ARC PEREIRA MASCARENHAS Participante Externo
ISABEL MARIA VICENTE GUEDES DE CARVALHO Participante Externo
LUIZ MARIO RAMOS JANINI Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Programa de Demanda Social 12

Vínculo

Colaborador
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Não