Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE
Geografia (40014010005P6)
CONFLITOS TERRITORIAIS E R-EXISTÊNCIAS NO FAXINAL DOS RIBEIROS – PINHÃO/PARANÁ
REGINALDO DE LIMA CORREIA
DISSERTAÇÃO
27/02/2015

O processo de modernização da agricultura, juntamente com as políticas de povoamento do Paraná, provocou uma série de transformações e conflitos socioambientais no campo. Nas áreas de floresta, o processo de ocupação, justificou por vezes o desmatamento, e deixou o Paraná com poucos remanescentes, muitos destes, ocupados por comunidades tradicionais, que resistem aos processos de desmatamento e substituição da floresta. Os remanescentes de Floresta com Araucária no Paraná, via de regra, são ocupados por uma população tradicional que desenvolveu o seu modo de ser e estar no território, por meio do Sistema Faxinal, presente no primeiro, segundo e terceiro Planalto do Paraná, com destaque nas mesorregiões Centro-Sul e Sudeste do Estado. O Sistema Faxinal, é uma organização produtiva, social, cultural e ambiental que integra de forma muito particular os povos e as Florestas com Araucárias, através do uso das terras tradicionalmente ocupadas, onde são desenvolvidas atividades agrossilvipastoris como a criação de animais soltos (de pequeno e grande porte), o extrativismo vegetal (erva-mate e pinhão) e a agricultura de subsistência, com base na mão de obra familiar e envolvem uma cultura própria, caracterizada pelas atividades econômicas, religiosas e pelos laços de compadrio e solidariedade. Porém, nos últimos anos esse sistema passou por um intenso processo de transformação modificando algumas de suas características e sua singular relação entre sociedade e natureza. Nesse sentido, nossa pesquisa tem a atenção voltada para o Faxinal dos Ribeiros, situado no Município do Pinhão, onde evidenciamos as características contemporânea e realizamos outras reflexões, buscando identificar quais são os fatores que constituem o modo de ser e estar no território, e que tem dado especificidades a esta comunidade, vinculada ao Sistema Faxinal, pelas suas particularidade, processos de expropriação e r-existência os quais têm configurado suas territorialidades, seja pela manutenção da sua cultura e das relações com o ambiente no contexto do Sistema Faxinal. Para isso utilizaremos da metodologia qualitativa por meio de diferentes formas de coleta de dados, como a observação participante, entrevistas, e questionários.

Conflitos, faxinais, geografias, r-existências, territorialidades.
The process of agriculture modernization, along with the Paraná settlement policies led to a series of transformations and environmental conflicts in the countryside. In forest areas, the process of occupation, justified at times the deforestation, and left the Paraná with few remaining, many of these occupied by traditional communities that resist to the processes of deforestation and forest replacement. The remaining of Forest with Araucaria in Paraná, as a rule, are occupied by a traditional population that developed its modes of being and living in territory, through the Faxinal System, present in the first, second and third Plateau of Paraná, especially in mesoregions South Central and Southeast of the State. The Faxinal System, is an organization, productive, social, cultural and environmental that integrates of a very special way, the peoples and Forests with Araucarias, through the use of lands traditionally occupied, where are developed agroforestry and livestock activities like free animals creation (small size and large size), the vegetal extraction (yerba mate and pine nuts) and subsistence agriculture based on family labor and involve a very particular culture, characterized by economic activities, religious and the crony and solidarity ties. However, in recent years this system has undergone an intense process of transformation by modifying some of their characteristics and their singular relation between society and nature. In that sense, our research has focused attention to the Faxinal dos Ribeiros, located in the city of Pinhão, where we highlight the contemporary features and we realize other reflections, trying to identify what are the factors that constitute the mode of being in the territory, and that has given specificities to this community, this community, linked to Faxinal System, its particularity, expropriation proceedings and r-existência which have configured their territoriality, is by keeping its culture and relations with the ambiance in the context of Faxinal System. For this we use the qualitative methodology by different forms of data collection, such as participant observation, interviews, and questionnaires.
Conflict, faxinais, geographies, r-existência, territoriality.
1
124
PORTUGUES
UNIVERSIDADE ESTADUAL DO CENTRO-OESTE

Contexto

DINÂMICA DA PAISAGEM E DOS ESPAÇOS RURAIS E URBANOS
DINÂMICA DOS ESPAÇOS RURAIS E URBANOS
-

Banca Examinadora

MARQUIANA DE FREITAS VILAS BOAS GOMES
Sim
Nome Categoria
JORGE LUIZ FAVARO Participante Externo
BERNARDO MANCANO FERNANDES Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Apoio à Pós-Graduação 11

Vínculo

Servidor Público
Empresa Pública ou Estatal
Ensino e Pesquisa
Sim