Governo Federal

Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
História (33009015078P3)
LENDO HARRIET BEECHER STOWE NO BRASIL: CIRCULAÇÃO E TRADUÇÕES CULTURAIS DO ROMANCE A CABANA DO PAI TOMÁS NA SEGUNDA METADE DO SÉCULO XIX.
ALINE VITOR RIBEIRO
DISSERTAÇÃO
18/02/2016

O objetivo deste projeto é investigar a circulação da obra A Cabana do Pai Tomás no Brasil, na segunda metade do século XIX, em diferentes veículos críticos à escravidão. O romance foi escrito pela estadunidense Harriet Beecher Stowe e publicado nos Estados Unidos entre 1851 e 1852. Este estudo realizará um levantamento, o mais amplo possível, das apropriações do romance, procurando mapear e detectar os grupos de leitores, a amplitude geográfica e temporal da circulação e os diferentes tipos de veículos de disseminação da produção cultural pelos quais o romance circulou. Além desse mapeamento, realizamos uma análise de duas fontes específicas. Trata-se de refletir sobre as apropriações que a escritora Nísia Floresta fez d´A Cabana na crônica Páginas de uma vida obscura, de 1856, e, de analisar a tradução do romance que foi publicada nas páginas de A Redempção, jornal de cunho abolicionista radical, entre 1887 e 1888. Dessa forma, esta Dissertação busca compreender como condições temporais e sociais implicaram em formas particulares de tradução cultural que se processaram na leitura d´A Cabana do Pai Tomás feita no Brasil durante a segunda metade do século XIX.

Escravidão, abolição, tradução cultural, história do livro, história da leitura
The goal of this project is to investigate the movement of the novel “The Uncle Tom's Cabin” in Brazil in the second half of the nineteenth century, in different vehicles critical to slavery. The novel was written by north-american writer Harriet Beecher Stowe and published in the United States between 1851 and 1852. This study want to do a survey, about the appropriation of the novel, trying to map and identify the groups of readers, the geographic and temporal scope of the movement and the different kind of vehicles for the dissemination of cultural production by which the novel circulated. In addition to this mapping, we will analysis two specific cases. The first one is the book “Pages of an obscure life” written by the brazilian Nisia Floresta, and published in 1856. This novel is a appropriation of the Stowe’s book. The second case is a translation of the american novel. This translation was published in 1887 and 1888, by a radical abolicionist newspaper call “A Redempção”. Thus, this Dissertation want to understand how social and temporal conditions resulted in particular forms of cultural translation about the reading of “The Uncle Tom's Cabin” in Brazil during the second half of the nineteenth century.
Slavery, abolition, cultural translation, history of book, history of reading
01
200
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO

Contexto

HISTÓRIA E HISTORIOGRAFIA
PODER, CULTURA E SABERES
-

Banca Examinadora

STELLA MARIS SCATENA FRANCO VILARDAGA
Não
Nome Categoria
MARY ANNE JUNQUEIRA Participante Externo
MARIANA MARTINS VILLACA Docente

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Apoio à Pós-Graduação 13

Vínculo

Colaborador
Outros
Outros
Não