Governo Federal

Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA
ARTES CÊNICAS (28001010035P0)
Vou aprender a ler pra ensinar minhas camaradas: O teatro do Movimento Sem Terra e o Teatro do Oprimido de Augusto Boal
MAIRA SILVA GUEDES
DISSERTAÇÃO
12/01/2015

Inscrita no âmbito das Artes Cênicas, a presente dissertação utiliza o procedimento metodológico comparativo, investigando o Teatro do Oprimido da Brigada Nacional de Teatro Patativa do Assaré, do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), surgida em 2001 no Brasil; e o auge das experiências do Teatro assumidamente Político do início do século XX na antiga União Soviética (URSS) e Alemanha, sendo estes; o Teatro de Agitação e Propaganda russo, o Teatro Político e o Teatro Épico, ambos alemães. Tendo como aporte teórico o método materialista histórico dialético de Marx e Engels, os autores Augusto Boal, Paulo Freire, Erwin Piscator, Bertold Brecht, Anne Ubersfeld, e as pesquisas sobre teatro político realizadas pelas autoras brasileiras, Silvana Garcia e Iná Camargo Costa, o presente estudo identifica a formação de um sistema interno teatral do MST, que se expressa na conformação da Estética do Oprimido Sem Terra, e pretende contribuir com a pouca pesquisa acadêmica realizada sobre as práticas teatrais dos movimentos sociais na América Latina a partir do estudo do teatro feito por trabalhadores rurais organizados no Brasil.

Teatro Político;Teatro do Oprimido;Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra;Brigada Nacional de Teatro Patativa do Assaré
Placed on the scope of the Performing Arts, this dissertation investigates through comparative methodology the “Theatre of the Opressed” of the Patativa do Assaré national performing brigade, linked to the Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), having it’s origins in Brazil on 2001; and the height of early 20th century explicitly political theatre in the USSR and Germany, namely; Russian Agitprop theatre and German epic and polical theatre.Using as the theoretical approach Marx and Engels’s historical materialist dialectical method, the authors Augusto Boal, Paulo Freire, Erwin Piscator, Bertold Brecht, Anne Ubersfeld and the research about political theater made by the brazilian authors Silvana Garcia and Iná Camargo Costa, this dissertation proposes the formation of an internal theatrical system of MST, expressed on the construction of the Estética do Oprimido Sem Terra, and intends to add to the incipient academic research about the social movements’s theatrical activities in America Latina starting from the research of the theatre made by organized rural workers in Brazil.
Political Theatre;Theatre of Opressed;Movimento dos Trabalhadores Rurais sem Terra (MST);Patativa do Assaré National Performing Brigade
1
106
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DA BAHIA

Contexto

ARTES CÊNICAS
DRAMATURGIA, HISTÓRIA E RECEPÇÃO
Dramaturgia, dramaturgismo e memória: "histórias de vida" como "modelos de ação"

Banca Examinadora

ANTONIA PEREIRA BEZERRA
Não
Nome Categoria
DANIEL MARQUES DA SILVA Docente
CILENE NASCIMENTO CANDA Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
CONS NAC DE DESENVOLVIMENTO CIENTIFICO E TECNOLOGICO - Bolsa de Mestrado GM e Doutorado GD 12

Vínculo

-
-
-
Não