Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
CIÊNCIAS SOCIAIS EM DESENVOLVIMENTO, AGRICULTURA E SOCIEDADE (31002013007P9)
OS FINLANDESES DE PENEDO: UMA VIAGEM UTÓPICA EM DIREÇÃO AOS TRÓPICOS
LILA ALMENDRA PRACA DE CARVALHO
DISSERTAÇÃO
04/04/2014

A pesquisa tem como foco a trajetória de vida e o processo de construção da identidade finlandesa dos migrantes estabelecidos em Penedo, no sul do Estado do Rio de Janeiro, na primeira metade do século XX. Através do olhar sobre suas narrativas e discursos, pretendeuse problematizar a configuração da identidade finlandesa nos trópicos, tanto durante como após a dissolução do projeto coletivo de colonização. Em fins do século XIX e início do XX houve na Finlândia uma onda de emigrações relacionadas a ideais nacionalistas, socialistas e anarquistas, dentre ideologias convergentes. O contexto da imigração utópica para Penedo, em 1929, integra esse fenômeno – chamado de “febre dos trópicos” por alguns autores – cujos inúmeros estabelecimentos baseavam-se em ideais de novas sociedades. Constituída por imigrantes dotados de expectativas específicas em relação à construção de um modo de vida mais saudável nos trópicos, os ideais do projeto da colônia penedense – personificados por seu líder Toivo Uuskallio – visavam estabelecer uma comunidade harmônica, livre da lógica capitalista e próxima à natureza.

Utopia, Identidade, Finlandeses
The study seeks to focus on the trajectory of life and the process of reconformation of Finnish identity among migrants of Penedo in the southern part of the state of Rio de Janeiro during the first half of the 20th century. Through the perspective of their trajectories and discourses, the goal was to problematize Finnish identity in the tropics, during and following the dissolvement of the collective colonization project. Towards the end of the 19th century and in the beginning of the 20h Finland underwent a large wave of migration that was connected to nationalist, socialist and anarchist ideas, as well as converging ideologies. The context of the utopian migration to Penedo in 1929, integrates this phenomenon – referred to as the "tropic fever" by some authors – where numerous establishments were based on conceptions of new societies. Composed of immigrants who carried specific expectations in relation to a new, healthier way of life in the tropics, the ideal behind the Penedo colonial project – personified by their leader Toivo Uuskallio -–, sought to establish a harmonic community, free of capitalist logic and close to nature.
Immigration, Utopia, Identity , Finns
1
114
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

DESENVOLVIMENTO, AGRICULTURA E SOCIEDADE
ESTUDOS DE CULTURA E MUNDO RURAL
SENSIBILIZAÇÃO E PROMOÇÃO DE PRÁTICAS SUSTENTÁVEIS COM BASE NA AGRICULTURA FAMILIAR NA REGIÃO SERRANA DO RIO DE JANEIRO.

Banca Examinadora

JORGE OSVALDO ROMANO
DOCENTE - COLABORADOR
Sim
Nome Categoria
MIRIAN ALVES DE SOUZA Participante Externo
JORGE OSVALDO ROMANO Docente - COLABORADOR
CLAUDIA JOB SCHMITT Docente - PERMANENTE

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
CONS NAC DE DESENVOLVIMENTO CIENTIFICO E TECNOLOGICO - Bolsa de Mestrado no País GM 24

Vínculo

Servidor Público
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Sim