Brasil

Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO
SOCIOLOGIA (25001019012P9)
Fruição como elemento da política na arte: Entre Bourdieu e Rancière
TAINA RAMOS LEAL DE SOUZA
DISSERTAÇÃO
24/02/2016

Esta dissertação tem como objeto o estudo da experiência estética a partir da dimensão da política na arte. Buscou-se pôr em evidência os processos sociais que circundam a formação do gosto, do aprazível, e assim, por consequência, da formação do repertório da experiência estética em si. Entendendo que arte e política são esferas do mundo social interdependentes e que os repertórios comunicativos do espectador constroem-se a partir da realização deste indivíduo na vida cotidiana. Para tanto, buscou-se na Sociologia filosófica de Bourdieu e na Filosofia sociológica de Rancière, possíveis encontros e desencontros, tanto quanto, a localização de uma crítica à teoria do gosto kantiana, capaz de entender a experiência estética tão somente em sua transcendentalidade. O interesse da pesquisa é o de localizar entre uma teoria geral da dominação bourdieusiana e um método educacional emancipatório rancieriano, o espaço para da experiência estética e as possibilidades emancipatórias na arte

dominação, emancipação, Bourdieu, Rancière, Experiência estética
-
-
1
88
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE PERNAMBUCO

Contexto

MUDANÇA SOCIAL
CULTURA POLÍTICA, IDENTIDADES COLETIVAS, REPRESENTAÇÕES SOCIAIS
-

Banca Examinadora

PAULO MARCONDES FERREIRA SOARES
Não
Nome Categoria
JOANA D ARC SOUSA LIMA Participante Externo
JOSIMAR JORGE VENTURA DE MORAIS Docente

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Apoio à Pós-Graduação 24

Vínculo

-
-
-
Sim