Brasil

Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE
Ciências e Biotecnologia (31003010079P0)
EFEITO DE POLISSACARÍDEOS DE ALGAS MARINHAS SOBRE ATIVIDADES TÓXICAS DE VENENOS DE SERPENTES
ANA CLAUDIA RODRIGUES DA SILVA
TESE
07/01/2016

No Brasil, envenenamento ofídico é um importante problema de saúde pública. O envenenamento caracteriza-se por efeitos sistêmicos como: neurotoxicidade, coagulopatias e nefrotoxicidade e efeitos locais (hemorragia, necrose e edema). Para neutralizar estes sintomas, a única terapia disponível é a soroterapia heteróloga. No entanto, tal tratamento não neutraliza o dano tecidual ou quaisquer outros efeitos locais. Portanto, essa baixa eficácia aumentar a gravidade do quadro das vítimas. Desta forma, uma ampla disseminação de pesquisa por produtos naturais vem sendo incentivado e moléculas de origem natural têm sido exaustivamente testado. Assim, o objetivo deste trabalho foi investigar a capacidade de 14 polissacarídeos isolados de algas marinhas do Brasil (Tetraselmis gracilis, TEL; Isochrysis galbana, IAQ; Thalassiosira fluviatilis, TAC; Thalassiosira fluviatilis, EPS-TA; Gayralia oxysperma, G03; Lobopora variegata, LVQ; Lobophora variegata, LAM; Chondrophycus flagelliferus, FHS; Laurencia filiformis, LQS; Aldingensis Laurencia, AQS; Chondra litoralis, CFS; Pterosiphonia pennata, PFS; Ulva fasciata, U1; Hypnea musciformis, CAR e Gigartina skottsbergii, GS) em neutralizar os efeitos tóxicos in vivo, in vitro e ex vivo das causados pelos venenos de L. muta e B. jararaca. Nossos resultados mostraram que esses polissacarídeos foram eficazes em inibir hemorragia, edema, miotóxidade, hemólise, proteólise e coagulação dos venenos. Além disso, a neutralização destes efeitos tóxicos (hemorragia, edema e miotoxiciade) também foi alcançada como pré e pós-tratamento, este efeito foi independente da via da administração(via oral, intravenosa e subcutânea). Os polissacarídeos também inibiram a atividade edematogênica da da fosfolípase A2 isolada do veneno de L. muta. Estes resultados sugerem que os polissacarídeos das algas marinhas da costa brasileira podem ser eficazes contra as atividades tóxicas dos venenos de L. muta e B. jararaca, proporcionando assim um promissor uso no tratamento de envenenamento por estas serpentes, com potencial biotecnológico destes polissacarídeos como antivenenos.

Polissacarídeos;Lachesis muta;Bothrops jararaca;Neutralização;Algas Marinhas.
In Brazil, snakebite is a public health problem and that caused by Lachesis muta are lower when compared to Bothrops genus; but the former has a mortality index three times higher. Envenomation is characterized by systemic (neurotoxicity, bleeding disorders and renal failure) and local effects (hemorrhage, necrosis, pain and edema), and to the treatment is with specific antivenom. However, such treatment does not stop the tissue damage or any other local effects. Therefore, this low efficacy may even increase the severity or morbidity of victims. In this way, a wide spread of alternative research is being encouraged, and molecules from natural sources have been exhaustively tested. In work, we analyzed the inhibitory effect of a polysaccharide, (Tetraselmis gracilis, TEL; Isochrysis galbana, IAQ; Thalassiosira fluviatilis, TAC; Thalassiosira fluviatilis, EPS-TA; Gayralia oxysperma, G03; Lobopora variegata, LVQ; Lobophora variegata, LAM; Chondrophycus flagelliferus, FHS; Laurencia filiformis, LQS; Aldingensis Laurencia, AQS; Chondra litoralis, CFS; Pterosiphonia pennata, PFS; Ulva fasciata, U1; Hypnea musciformis, CAR e Gigartina skottsbergii, GS) isolated from the Brazilian marine alga to neutralize the toxic effects in vivo, in vitro and ex vivo of caused by L. muta and B. jararaca venoms . Our results showed that these polysaccharides were effective in inhibiting bleeding, edema, myotoxic, hemolysis, proteolysis and coagulation of poisons. Moreover, neutralization of these toxic effects (bleeding, edema and myotoxicity) was also achieved even if the polysaccharides was administered before or after the injection of venoms. And, this neutralization efficiency has also been achieved through different administration routes, such as orally, intravenously and subcutaneously. The polysaccharides also inhibited edema activity of a phospholipase A2 isolated from the venom of L. muta. These results suggest that polysaccharides from seaweed coast of Brazil can be effective against the toxic activity L. muta and B. jararaca, thus providing a promising use in the treatment of envenomation by snakes of these, with a biotechnological potential of these polysaccharides as venom.
Polysaccharide;Lachesis muta;Bothorps jararaca;neutralization;seaweed
01
107
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL FLUMINENSE

Contexto

CIÊNCIAS E BIOTECNOLOGIA - INTERAÇÕES MOLECULARES, CELULARES E SISTÊMICAS
A IDENTIFICAÇÃO DE PROTÓTIPOS BIOATIVOS E MOLÉCULAS DE IMPORTÂNCIA EM SISTEMAS BIOLÓGICOS E BIOTECNOLÓGICOS
AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE BIOLÓGICA DE SUBSTÂNCIAS SINTÉTICAS E NATURAIS EXTRAÍDAS DE VENENOS E DE PLANTAS

Banca Examinadora

ANDRE LOPES FULY
Não
Nome Categoria
LUIZ ROBERTO LEAO FERREIRA Docente
LUIZ MORS CABRAL Participante Externo
VALERIA LANEUVILLE TEIXEIRA Docente
FLAVIA SERRA FRATTANI FERREIRA Participante Externo
PAULO ANTONIO DE SOUZA MOURAO Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
CONS NAC DE DESENVOLVIMENTO CIENTIFICO E TECNOLOGICO - Bolsa Produtividade em Pesquisa 36
FUNDACAO CARLOS CHAGAS FILHO DE AMPARO A PESQUISA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO-FAPERJ - Cientista do Nosso Estado 36

Vínculo

Bolsa de Fixação
Instituição de Ensino e Pesquisa
Pesquisa
Sim