Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
MEDICINA (RADIOLOGIA CLÍNICA) (33009015029P2)
IMPACTO DA DENSIDADE DE PSA DA ZONA DE TRANSIÇÃO EM REDUZIR O NÚMERO DE BIÓPSIAS DESNECESSÁRIAS EM PACIENTES COM NÍVEIS DE PSA ENTRE 2,6 E 10,0 NG/ML Tese apresentada à Universidade Federal de São Paulo, para obtenção do Título de Doutor em Ciências Radio
HUGO ALEXANDRE SOCRATES DE CASTRO
TESE
19/11/2015

Objetivo: Avaliar a efetividade da densidade de PSA ajustada para o volume da zona de transição como teste auxiliar na detecção do câncer de próstata. Método: Foram incluídos no estudo 656 pacientes que procuraram Setor de Intervenção do Departamento de Diagnóstico por Imagem da UNIFESP para realização de biópsia de próstata e que apresentavam PSA total entre 2,6 e 10 ng/ml, e que dispunham dos dados laboratoriais de PSA total e livre. As densidades do PSA para o volume total da glândula (PSAD) e para o volume da zona de transição (PSATZ) foram calculados, bem como a relação entre o PSA livre e o PSA total (F/T) e a análise estatística com comparações entre as biópsias positivas para câncer e negativas (benignas) foram realizadas. Resultados: Dos 656 pacientes, 172 (26,3%) tiveram biópsia positiva (câncer) e 484 (73,7%) tiveram resultado benigno. A média do PSA, PSATZ, PSAD e relação F/T foram 7,5 ng/ml, 0,68 ng/ml/cc, 0,25 ng/ml/cc e 0,14 nos pacientes com câncer de próstata e 6,29 ng/ml, 0,30 ng/ml/cc, 0,16 ng/ml/cc e 0,22 em pacientes com biopsias negativas, respectivamente. A analise das curvas ROC demonstraram que a PSATZ tinha uma maior área sob a curva (0,838) do que a relação F/T (0,806) (P<0.001). Com um ponto de corte de 0,22 ng/ml/cc, a PSATZ apresentou 100% de sensibilidade e poderia prevenir 24% de biopsias desnecessárias. Conclusão: A densidade do PSA ajustada para o volume da zona de transição pode ser uma ferramenta útil na avaliação global do paciente com PSA intermediário entre 2,6 – 10,0 ng/ml, utilizada como teste secundário de rastreamento e diminuindo o número de biópsias desnecessárias.

1. Próstata. 2. Biópsia de próstata. 3. Câncer de próstata. 4.PSA 5.PSA da zona de transição
Purpose: To assess the accuracy of prostate-specific antigen (PSA) adjusted for the transition zone volume (PSATZ) in predicting prostate cancer by comparing the ability of several PSA parameters in predicting prostate cancer in men with intermediate PSA levels of 2.6 – 10.0 ng/ml and its ability to reduce unnecessary biopsies. Materials and Methods: This study included 656 patients referred for prostate biopsy who had a serum PSA of 2.6 – 10.0 ng/ml. Total prostate and transition zone volumes were measured by transrectal ultrasound using the prolate ellipsoid method. The clinical values of PSA, free-to-total (F/T) ratio, PSA density (PSAD) and PSATZ for the detection of prostate cancer were calculated and statistical comparisons between biopsy-positive (cancer) and biopsy-negative (benign) were conducted. Results: Cancer was detected in 172 patients (26.2%). Mean PSA, PSATZ, PSAD and F/T ratio were 7.5 ng/ml, 0.68 ng/ml/cc. 0.25 ng/ml/cc and 0.14 in patients with prostate cancer and 6.29 ng/ml, 0.30 ng/ml/cc, 0.16 ng/ml/cc and 0.22 in patients with benign biopsies, respectively. ROC curves analysis demonstrated that PSATZ had a higher area under curve (0,838) than F/T ratio (0,806) (P<0.001) and PSAD (0,806) (P<0.001). With a cut-off value of 0.22 ng/ml/cc, PSATZ had 100% of sensitivity and could have prevented 24% of unnecessary biopsies. Conclusions: PSATZ may be useful in enhancing the specificity of serum PSA. Compared to other PSA related parameters, it was better in differentiating between prostate cancer and benign prostatic enlargement. Also, PSATZ could reduce a significant number of unnecessary biopsies.
-
0
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
O trabalho não possui divulgação autorizada

Contexto

DIAGNÓSTICO POR IMAGEM
DIAGNÓSTICO POR IMAGEM E TERAPIA EM MEDICINA INTERNA
Diagnóstico por imagem e terapia do sistema geniturinário

Banca Examinadora

SERGIO ARON AJZEN
Não
Nome Categoria
JOSE EDUARDO MOURAO SANTOS Participante Externo
VALDAIR FRANCISCO MUGLIA Participante Externo
AUGUSTO CASTELLI VON ATZINGEN Participante Externo
DAVID CARLOS SHIGUEOKA Participante Externo
HARLEY DE NICOLA Participante Externo
SUZAN MENASCE GOLDMAN Docente

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
CONS NAC DE DESENVOLVIMENTO CIENTIFICO E TECNOLOGICO - Bolsa pós-graduação 48

Vínculo

Servidor Público
Empresa Pública ou Estatal
Ensino e Pesquisa
Sim