Governo Federal

Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
MICROBIOLOGIA E IMUNOLOGIA (33009015003P3)
O papel das integrinas de células epiteliais na secreção de citocinas induzida por Paracoccidioides brasiliensis
BIANCA CARLA SILVA CAMPITELLI DE BARROS
DISSERTAÇÃO
31/07/2015

Paracoccidioides brasiliensis é um dos agentes etiológicos da paracoccidioidomicose (PCM), micose humana sistêmica mais prevalente na América Latina. Uma vez nos pulmões, P. brasiliensis interage com células epiteliais, ocasionando a ativação de vias de sinalização que culminam na modulação da resposta imune inata do hospedeiro, ao promover a secreção de citocinas. Nesta dissertação, investigamos o envolvimento de integrinas na secreção das citocinas IL-6 e IL-8 por células epiteliais pulmonares humanas A549 na presença de leveduras de P. brasiliensis. Além disso, analisamos se durante a interação A549-P. brasiliensis ocorre o recrutamento destes receptores para “membrane rafts” e se estes domínios de membranas celulares são importantes para a secreção de IL-6 e IL-8 por estas células epiteliais. Demonstramos que P. brasiliensis induziu aumento na expressão de integrinas α3, α5 e β1 em células A549 e que estas integrinas foram capazes de se ligar a leveduras deste fungo. Utilizando RNA de interferência, observamos que o silenciamento de integrinas α3 e α5 em células A549 promoveu redução nos níveis de IL-6 e IL-8 nos sobrenadantes de cultura durante interação com P. brasiliensis, o que sugere o envolvimento destes receptores na secreção de citocinas por células A549. A partir do isolamento de membranas resistentes a detergente (DRMs), que contêm “membrane rafts”, demonstramos que este fungo promove o recrutamento de integrinas α3, α5 e β1 para estes domínios de membranas celulares. Utilizando metil-β-ciclodextrina, mostramos que o recrutamento de integrinas para “membrane rafts” foi dependente de colesterol. Além disso, verificamos que a nistatina (composto que desorganiza “membrane rafts”) reduziu a secreção de IL-6 e IL-8 por células A549 infectadas com P. brasiliensis, indicando que “membrane rafts” estão envolvidos na secreção destas citocinas. Deste modo, demonstramos o envolvimento de integrinas e “membrane rafts” na secreção de IL-6 e IL-8 por células epiteliais A549 infectadas com leveduras de P. brasiliensis.

paracoccidioidomicose, Paracoccidioides brasiliensis
-
-
1
115
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO

Contexto

BIOLOGIA CELULAR
ESTUDOS DE BIOLOGIA CELULAR, SINALIZAÇÃO, MECANISMOS DE PATOGENICIDADE E FATORES DE VIRULÊNCIA EM PATÓGENOS HUMANOS (VÍRUS, BACTÉRIAS, FUNGOS E TRIPANOSOMATÍDEOS) E NO CANCER
ESTRUTURA E IMUNOQUÍMICA DE GLICOCONJUGADOS. Mecanismos de adesão em fungos patogênicos

Banca Examinadora

ERIKA SUZUKI DE TOLEDO
Sim
Nome Categoria
MIRIAM GALVONAS JASIULIONIS LEON Docente
MARIMELIA PORCIONATTO Participante Externo
MAURO JAVIER CORTEZ VELIZ Participante Externo

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Programa de Excelência Acadêmica 24

Vínculo

Bolsa de Fixação
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Sim