Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
CIÊNCIAS SOCIAIS EM DESENVOLVIMENTO, AGRICULTURA E SOCIEDADE (31002013007P9)
Redes sociais, organizações e políticas públicas: interfaces na agricultura do município de Araponga, Zona da Mata de Minas Gerais
ANA PAULA TEIXEIRA DE CAMPOS
TESE
26/09/2014

Este trabalho busca compreender as interfaces construídas no plano local, nas diversas interações que se estabelecem entre os camponeses, suas redes de relações sociais, as organizações sociais e as políticas públicas, em um pequeno município do interior da Zona da Mata mineira chamado Araponga. Em um primeiro plano, reconstruímos a trajetória histórica das redes e organizações de agricultores existentes no município, a intermediação exercida pelas organizações de agricultores na implementação das políticas públicas, tomando como ponto de referência as formas de ação coletiva constituídas a partir de uma experiência singular de compra de terras pelos agricultores, por eles denominada Conquista de Terras em Conjunto. Em um segundo momento, reconstruímos a trajetória de vida de algumas famílias de agricultores e sua relação com as políticas públicas. A reconstituição destas trajetórias teve por base trabalho de campo desenvolvido em diferentes comunidades do município: Praia D‘anta (estendida a São Joaquim), Salazar e Estouros. A pesquisa buscou compreender o modo como processos de organização construídos no plano local influenciam as interações estabelecidas pelas famílias de agricultores com as políticas públicas, atentando especialmente para as que buscam promover o desenvolvimento rural e o fortalecimento da agricultura familiar. Os resultados da pesquisa sugerem que as traduções que os agricultores fazem das políticas públicas estão estreitamente relacionadas às suas trajetórias de vida e às distintas estratégias de reprodução implementadas pelas famílias. As estratégias de reprodução e as trajetórias, por sua vez, são influenciadas por uma série de dimensões constitutivas do universo social destes agricultores, incluindo: as formas diferenciadas de relação com a terra; as relações de trabalho, ou seja, quem exerce trabalho fora da propriedade, quem está na condição de meeiro ou de pequeno proprietário; as relações com a comunidade e/ou córrego em que vivem; o modo como manejam seus sistemas produtivos; a relação com o mercado; as redes de relações pessoais e institucionais em que estão inseridos. Este estudo mostra, a partir do que acontece no plano local, a complexidade dos processos que envolvem o acesso a diferentes políticas públicas, que são, em princípio, universalizantes, voltadas à promoção de diferentes categorias de agricultores familiares, mas que acabam produzindo efeitos diferenciados em sua implementação no plano local.

Redes Sociais, Organizações Sociais, Políticas Públicas, Campesinato, Agricultura Familiar.
The aim of this work is to understand the interfaces constructed at local level by peasants who live in the village of Araponga, situated at the Zona da Mata region, in the interior of Minas Gerais State, and their network of social relations, social organizations and public policies. Initially, the historical trajectory of farmers` organizations and networks in the municipality had been reconstructed, as well their role in the processes regarding public policies implementation, taking as reference the forms of collective action born from a particular experience of land acquisition by farmers, named by them as Joint Land Conquest. In a second moment, the life histories of some of the peasants have been reconstructed relating them to the public policies. The reconstitution of these trajectories was based on field work in different communities of the municipality: Praia D'anta, São Joaquim, Salazar and Estouros. The research aimed to understand how organizational processes constructed locally, influence the interactions established by the peasants and their families with public policies, with special attention to those policies that seek to promote rural development and the strengthening of family farming. The results suggest that the translations that farmers make of public policies are closely related to their life trajectories and to the various reproductive strategies implemented by their families. These reproductive strategies and trajectories, in turn, have been influenced by various constitutive dimensions of the social universe of these farmers including: the different forms of relationship with the land; the labor relations, i.e, work activities carried out outside the property, sharecropper or small owner relations; relations with the community and / or the environment where they live; the way their production systems are handled; the relation with the market, personal networks and local institutions. This study shows us, from a local level standpoint, the complexity of the processes engaged to access different public policies, which are, in principle, universalized, target to different categories of family farmers, but that end up producing differentiated effects in their implementation at a local level.
Social Networks, Social Organizations, Public Policy, Peasantry, Family Farming.
1
195
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

DESENVOLVIMENTO, AGRICULTURA E SOCIEDADE
POLÍTICAS PÚBLICAS, ESTADO E ATORES SOCIAIS
Agroecologia, políticas públicas e transições sociotécnicas: ampliação de escala de redes territoriais voltadas à promoção de uma agricultura de base ecológica

Banca Examinadora

CLAUDIA JOB SCHMITT
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
CLAUDIA JOB SCHMITT Docente - PERMANENTE
LEONILDE SERVOLO DE MEDEIROS Docente - PERMANENTE
MARCELO KUNRATH SILVA Participante Externo
FABIO FARIA MENDES Participante Externo
JOHN CUNHA COMERFORD Participante Externo
MARIA JOSE TEIXEIRA CARNEIRO Docente - PERMANENTE

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Programa de Demanda Social 48

Vínculo

Bolsa de Fixação
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Sim