Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
CIÊNCIAS SOCIAIS EM DESENVOLVIMENTO, AGRICULTURA E SOCIEDADE (31002013007P9)
DE VOLTA À TERRA? DESENVOLVIMENTO E REVITALIZAÇÃO RURAL – UM ESTUDO DE CASO NO SUL DE PORTUGAL
CECILIA ISABEL JUSTINO FONSECA
DISSERTAÇÃO
24/09/2014

O rural contemporâneo é objeto de leituras variadas no que concerne à sua essencia e dinâmica. Em Portugal, os estudos rurais retratam sobretudo um percurso de declínio e de desaparecimento, na sequencia da desvinculacao entre espaco, atividade produtiva e populacao. Apesar de nao assumirem relevância estatística, vao surgindo idéias e iniciativas de pessoas, grupos e/ou associacões que advogam um regresso ao rural. Interessámo-nos nesse trabalho pelas iniciativas que apresentam conteúdo, metodologia e intencionalidade relativamente definidos, e que tem como foco a revitalizacao e o desenvolvimento de espacos que elas classificam como em risco de 'desertificacao humana'. Procurámos compreender os principais elementos que subjazem à concretizacao dessas propostas e explicitar as relacões que se tecem entre os atores envolvidos, na trama das principais narrativas presentes na sociedade; dos processos socioeconômicos e das políticas públicas ligados aos espacos rurais. Para tanto, tentámos, primeiro, destrincar alguns dos discursos e das acões relacionados com o principal problema apontado ao rural portugues (a desertificacao) e com as solucões preconizadas para o resolver (que englobamos na nocao polissemica de desenvolvimento). De seguida, procurámos compreender como essas narrativas se articulam na concretizacao de um projeto de revitalizacao rural, através da realizacao de um estudo de caso. O caso analisado foi o Projecto Querenca: uma iniciativa implementada numa localidade na regiao mais a sul de Portugal (Algarve), entre 2010 e 2012. O Projecto propôs-se testar uma nova abordagem de desenvolvimento rural, no sentido da resolucao simultânea dos problemas enfrentados pelos espacos rurais e da diminuicao de oportunidades de trabalho para jovens diplomados. A iniciativa ofereceu um estágio profissional a nove jovens para que, a partir dos seus conhecimentos academicos, elaborassem projetos empresariais assentes no uso sustentável e inovador dos recursos naturais e culturais locais. E que, desse modo, contribuíssem para a “empresarializacao” da localidade. A análise do Projecto Querenca na optica das “redes rurais” e o cruzamento entre discurso, representacões e acões, permitiu-nos compreender que, por um lado, a iniciativa formou uma rede de atores com visões identicas de desenvolvimento rural: mais gente e mais trabalho. Porém, nesse encontro, os atores nao dispõem de capacidade de agencia semelhante, nem o que está dentro e o que vem de fora assumem igual valor. Questões que encontram paralelo, num plano superior, nas abordagens de desenvolvimento surgidas e aplicadas nas políticas européias e nacionais. A coincidencia entre as políticas e iniciativas como o Projecto Querenca é patente igualmente nos valores e objetivos que expressam: a dimensao econômica enquanto motor de desenvolvimento, o empreendedorismo, a especializacao territorial, a inovacao e a eficiencia, sao algumas das nocões sublinhadas nesses dois campos. No contexto das mudancas no mundo do trabalho e do apelo à diminuicao da intervencao estatal, as propostas de transformacao do espaco rural de espaco de consumo, ou de abandono, em espaco de vida e de trabalho, parecem assim fundar-se na migracao de populacao urbana “empreendedora” que, a partir de recursos locais “inertes”, criará o seu proprio trabalho, preferencialmente sem se socorrer de apoios públicos, e se converterá em ator do desenvolvimento rural.

Desenvolvimento rural;Revitalizacao rural;Projetos;Políticas Públicas;Portugal.
Contemporary rurality is a field of multiple readings in what regards its essence and dynamics. In Portugal, rural sciences depict the countryside mainly as being declining and disappearing due to the decoupling of space, production and population. Despite its statistical irrelevance there are ideas and initiatives coming from individuals, groups and/or associations that advocate for a return to the rural space. We are here particularly interested in those initiatives that have defined a specific intervention methodology and contents aiming at the revitalisation and the development of spaces that they qualify as at risk of 'human desertification', that is, depopulation. We sought to understand the key elements underlying the implementation of such initiatives and to explain the relationships between the actors involved weaved in the main narratives flowing in society, in the socioeconomic processes and in the public policies concerning rural areas. To do so, we tried first to disentangle some of the discourses and actions related to the main problem point out to the Portuguese rurality (the depopulation) and to the solutions implemented to solve it (framed in the polysemic notion of development). Next, we sought to understand how these narratives are articulated in a project of rural revitalization through a case study exercise. We have analysed the Projecto Querenca, an initiative that took place in Querenca, a parish in the Portuguese southern region (Algarve), between 2010 and 2012. The project aimed at testing a new approach to rural development, i.e., to sort out the problems faced by rural areas and at the same time the decreasing job opportunities for young graduates. The initiative offered an internship to nine young people in order them to draw up business projects based on their academic background and on the sustainable and innovative use of local natural and cultural resources. Thus, contributing to the “corporatisation” of the locality. The analysis of the Project in the perspective of “rural webs” and the intersection between discourse, representation and action, favoured the understanding of that initiative as a network of actors sharing some identical points of view on development: more people and more work. Yet, we have also realised that actors do not have the same agency in such crisscross nor what is inside and what comes from the outside have equal value. Such issues are parallel, on a higher level, to the development approaches emerged and applied in the European and in the national policies. The match between policies and projects such as Projecto Querenca is evident also in the values and objectives they express: the economic dimension as the driving force of development, entrepreneurship, territorial specialisation, innovation and efficiency are some concepts outlined in both fields. In the context of the dismantlement of the labour condition and of the welfare State ideas calling for a rural restructuring, changing from a space of consumption or abandonment to a space of life and work, imply the migration of “entrepreneurial” urban population, which will create its own job based on “inert” resources, preferably without State support, and are than converted into actors of rural development.
Rural development;rural revitalisation;projects;public policies;Portugal.
1
190
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DO RIO DE JANEIRO
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

DESENVOLVIMENTO, AGRICULTURA E SOCIEDADE
INSTITUIÇÕES, MERCADO E REGULAÇÃO
Eixo de Análise Comparativa de Referenciais de Ruralidades e de Tipologias do Rural em países selecionados da A. Latina e da Europa

Banca Examinadora

NELSON GIORDANO DELGADO
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
ARMANDO FORNAZIER Participante Externo
CATIA GRISA Participante Externo
NELSON GIORDANO DELGADO Docente - PERMANENTE

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
CONS NAC DE DESENVOLVIMENTO CIENTIFICO E TECNOLOGICO - Bolsa de Mestrado no País GM 24

Vínculo

Colaborador
Instituição de Ensino e Pesquisa
Ensino e Pesquisa
Não