Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
ENFERMAGEM (33009015035P2)
EDUCAÇÃO PARA O AUTOCUIDADO EM DIABETES MELLITUS NA ESTRATÉGIA DE SAÚDE DA FAMÍLIA
JULIANNA LETICIA GIMENES COTRICK GOMES
DISSERTAÇÃO
26/11/2014

A atenção primária à saúde (APS) é uma estratégia caracterizada por ser a principal forma de entrada no sistema de saúde público brasileiro e a garantia de atenção de enfrentamento das doenças crônicas não transmissíveis, em especial o controle do Diabetes Mellitus (DM). Um dos aspectos fundamental para o tratamento do diabetes é a educação em saúde. OBJETIVO: Avaliar as atividades e ações para o autocuidado em DM antes e após um programa de educação. MÉTODO: Este é um estudo descritivo correlacional de avaliação observacional da educação em saúde na área do DM, realizado em uma Unidade Básica com ESF no município de Guarulhos, em 2014, com sujeitos com diagnóstico de DM tipo 2, que se submeteram a um programa educativo de oito semanas (ATENDIA), com base na pedagogia problematizadora, analisando variáveis: sócio demográfica, clinicas, atividades de autocuidado com DM pelo QAD, validado por Michels e cols, e variáveis de acesso. A análise estatística foi pela comparação pré e pós intervenção feita por meio do teste pareado de Wilcoxon, o teste de McNemar e a confiabilidade pelo alpha de Cronbach. As correlações entre as variáveis clínicas e os escores do questionário QAD foram avaliadas pelo coeficiente de correlação não paramétrico de Spearman. RESULTADOS: A população estudada foi de 20 sujeitos, maior parte do sexo feminino (70%), brancos (65%); tinham idade média de 59,6 ±9,9anos; 60% com DM há menos de 10 anos, tinham menos de quatro anos de escolaridade, renda inferior a três salários mínimos e maioria aposentados (30%). Observou-se redução significativa nos níveis de HbA1c após o final do ATENDIA (p=0,008), porém não houveram diferenças significativas nas variáveis pressão arterial, IMC, perfil lipídico e microalbuminúria. Os resultados obtidos a partir da aplicação do QAD mostraram que houve diferença significativa nas ações de autocuidado das seguintes dimensões: alimentação geral, alimentação específica, atividade física, monitorização glicêmica, cuidados com os pés e uso das medicações. Houve correlação significativa entre o aumento de consumo de frutas e vegetais e diminuição do LDL após o final do programa (p=0,03), bem como a diminuição do consumo de doces e a diminuição da glicemia em jejum (p=0,01). CONCLUSÃO: Os resultados mostraram-se satisfatórios e provaram mudança de comportamento em relação ao autocuidado com DM em curto prazo.

diabetes mellitus, educação em saúde, saúde coletiva
The primary health care (PHC) is a strategy characterized by being the main way of entry into the Brazilian public health system and ensuring attention to cope with chronic diseases, particularly the control of Diabetes Mellitus (DM). One of the fundamental for the diabetes treatment issues is health education. OBJECTIVE: To evaluate the activitiesand actions for self-care in DM before and after an educational program. METHOD: This is a descriptive correlational study of observational evaluation of health education in the DM area, performed in a Health basic unit with Family Health Strategy in Guarulhos, in 2014, with subjects diagnosed with type 2 diabetes who underwent a program educational eight weeks (attended), based on problematizing pedagogy, analyzing variables: sociodemographic, clinical, self-care activities with DM by scale validated by Michels et al, and variable access. Statistical analysis was by comparing pre and post intervention made by the paired Wilcoxon, McNemar test and reliability by Cronbach's alpha. Correlations between clinical variables and the questionnaire scores were assessed by QAD coefficient nonparametric Spearman correlation. RESULTS: The study population consisted of 20 patients, mostly female (70%), whites (65%); a mean age of 59.6 ± 9,9 years old; 60% with DM less than 10 years, had less than four years of education, income below three minimum wages and retirees majority (30%). A significant reduction in HbA1c levels after the end of the met (p = 0.008), but there were no significant differences in arterial pressure, BMI, lipid profile and microalbuminuria. The results obtained from the application of QAD showed a significant difference in self-care actions of the following dimensions: general diet, specific diet, physical activity, blood glucose monitoring, foot care and use of medications. There was a significant correlation between increased consumption of fruits and vegetables and decreased LDL after the end of the program (p = 0.03), as well as reducing the consumption of sweets and a decrease in fasting blood glucose (p = 0.01 ). CONCLUSION: The results were satisfactory and proved behavior change in relation to self-care with DM in the short term.
diabetes mellitus, health education, public health.
1
109
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE SÃO PAULO
O trabalho não possui divulgação autorizada

Contexto

ENFERMAGEM, CUIDADO E SAÚDE
CUIDADO EM ENFERMAGEM E SAÚDE NA DIMENSÃO COLETIVA
DIABETES MELLITUS

Banca Examinadora

MONICA ANTAR GAMBA
DOCENTE - PERMANENTE
Não
Nome Categoria
MARIA APARECIDA DE OLIVEIRA FREITAS Participante Externo
SUZEL REGINA RIBEIRO CHAVAGLIA Participante Externo
ROSELY ERLACH GOLDMAN Participante Externo

Vínculo

Servidor Público
Outros
Outros
Não