Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS
Ensino de Ciências e Matemática (26001012027P9)
ENUNCIADO DE PROBLEMA: um gênero textual.
MARCIA DA SILVA LIMA LUNA
DISSERTAÇÃO
13/12/2013

Os enunciados de problemas matemáticos são utilizados como gênero textual a fim de contribuir para a construção do sentido? Partindo desse questionamento, foram pesquisados, neste estudo de caso, a leitura e a escrita de enunciados de problemas matemáticos nos anos iniciais do ensino fundamental com foco no trabalho realizado por professores em aulas de Matemática que tratavam da resolução de problemas. A fim de compreender o enunciado de problema como um gênero textual; identificar a concepção de resolução de problemas dos professores; analisar os tipos de problemas trabalhados em sala e a contribuição desses para a construção do sentido e ampliação do conhecimento matemático, o objetivo central deste estudo foi compreender a importância do enunciado de problema matemático enquanto gênero textual para a construção de seu sentido. Observações de aulas, rodas de conversa e análise documental foram utilizados na análise, tendo como referenciais o método analítico e a análise de conteúdo. Através do corpus depreenderam-se as categorias de análise: concepção de resolução de problemas que os professores possuem; o tipo de problema trabalhado em sala; forma de abordagem da leitura e da escrita dos enunciados de problema e a ênfase no uso de palavras-chave. Essas categorias foram analisadas à luz da concepção de problemas da Didática da Matemática e, de modo mais específico, dos escritos de Moreno (2006) que apontam as diferentes concepções que embasam o trabalho com a resolução de problema e a definição do significado desse procedimento para cada uma delas, de Polya (2006) por analisar a estrutura de problema e dos estudos Dante (1989; 2009), Ponte (1992), Stancanelli (2001) e Carvalho (2010) por especificarem e diferenciarem os tipos de problemas. Na área de leitura e escrita de enunciados, Carrasco (2003), Carvalho (2010), Klüsener (2003), Schiliemann (1998), entre outros, constituíram o referencial teórico, juntamente com as obras de Marcuschi (2002; 2006; 2008), Koch; Elias; (2012), no que se refere a gênero textual e construção de sentido, bem como Charlot (2000; 2013;) especificamente nesse último aspecto. Entre os principais resultados, destacam-se as professoras não compreenderem o enunciado de problema como um gênero textual o que implica a não realização de atividades voltadas à apreensão das características do gênero e, consequentemente, dificulta a compreensão.

Gêneros textuais. Resolução de problemas. Leitura. Escrita.
The set of mathematical problems are used as a genre in order to contribute to the construction of meaning? Based on this inquiry, were surveyed in this case study, reading and writing of statements of mathematical problems in the early years of elementary school focusing on the work done by teachers in mathematics lessons dealing with the problem solving. In order to understand the statement of the problem as a genre; identify the design problem solving of teachers; analyze the types of problems worked in class and the contribution of these to the construction and expansion of the meaning of mathematical knowledge, the main objective was to understand the importance of the statement of mathematical problem while textual to build your sense genre. Classroom observations, wheels conversation and document analysis were used in the analysis, taking as reference the analytical method and content analysis. Through corpus inferred the categories of analysis: design problem solving that teachers have, the type of problem worked in class, how to approach the reading and writing of statements of problem and the emphasis on the use of keywords. These categories were analyzed in light of the design problems of didactics of mathematics and, more specifically, the writings of Moreno (2006) that link the different conceptions that underlie the work with problem solving and the definition of the meaning of this procedure for each, de Polya (2006) by analyzing the structure of the problem and Dante (1989; 2009), Ponte (1992), Stancanelli (2001) e Carvalho (2010) studies by specifying and differentiating types of problems. In the area of reading and writing statements, Carrasco (2003), Carvalho (2010), Klusener (2003), Schiliemann (1998), among others constituted the theoretical framework, along with the works of Marcuschi (2002, 2006, 2008), Koch, Elias, (2012), regarding the genre and the construction of meaning and Charlot (2000, 2013;) specifically this last aspect. Among the main reultados stand out teachers do not understand the statement of the problem as a genre which implies the non-realization of activities aimed at seizure of gender characteristics and hence difficult to understand.
Text genres. Problem solving. Reading. Writing.
ÚNICO
131
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

ENSINO DE PEDAGOGIA
-
-

Banca Examinadora

EDNA CRISTINA DO PRADO
Não
Nome Categoria
VELEIDA ANAHI DA SILVA Participante Externo
ANAMELEA DE CAMPOS PINTO Docente

Vínculo

Servidor Público
Empresa Pública ou Estatal
Ensino e Pesquisa
Não

Produções Intelectuais Associadas

Não existem produções associadas ao trabalho de conclusão.