Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS
RECURSOS HIDRICOS E SANEAMENTO (26001012019P6)
Mapeamento de Inundações no Município de Rio Largo
BENICIO EMANOEL OMENA MONTE
DISSERTAÇÃO
18/07/2013

As inundações têm gerado ao redor do mundo prejuízos tanto econômicos como sociais devido à falta de um correto planejamento fundamentado em informação fidedigna. Este estudo apresenta um mapeamento de áreas inundáveis no município de Rio Largo (AL) através do acoplamento de modelos hidrológico/hidráulico. O município de Rio Largo está situado na Bacia Hidrográfica do rio Mundaú que historicamente vem sofrendo sucessivos eventos de inundação rápida. Para a estimativa de chuvas máximas foi utilizada a distribuição de frequência de Valor Extremo Generalizado (GEV), a qual foi validada pelo teste de aderência de Kolmogorov-Smirnov. Para a transformação chuva-vazão foi utilizado o modelo hidrológico distribuído MGB-IPH, o qual foi acoplado de modo "off-line" com o modelo hidráulico HEC-GeoRAS 4.1 para estimativa dos níveis de cheia e, consequentemente, das manchas de inundação para diferentes tempos de retorno. O modelo hidrológico foi calibrado e validado em uma estação fluviométrica a montante da cidade de Rio Largo. O modelo hidráulico foi calibrado satisfatoriamente através da comparação da macha de inundação estimada com as marcas de cheia de junho de 2010 levantadas em campo. Esta metodologia se mostrou adequada para um local que apresenta pouca informação disponível e limitação de instrumentação de monitoramento hidrológico. Os resultados se mostraram promissores do ponto de vista de aplicação, podendo subsidiar gestores para o planejamento urbano na cidade de Rio Largo, que se encontra em situação de risco de inundação, pois a ocupação urbana pode ser afetada dependendo do nível da água alcançado, mesmo sabendo que existe um erro inerente às estimativas do mapeamento em função das incertezas dos dados de entrada, da estrutura e dos parâmetros dos modelos. Nestes casos, medidas para o controle da inundação, de origem estrutural ou não estrutural (preferencialmente), podem ser tomadas.

Distribuição de Valor Extremo Generalziado, Modelo de Grandes Bacias, Hydrologic Engineering Center – Modelo Hidráulico
-
-
1
67
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

RECURSOS HIDRICOS E SANEAMENTO
MODELAGEM DE SISTEMAS AMBIENTAIS
Calibração de um Modelo Hidráulico para Zoneamento de Manchas de Inundação no Município de Rio Largo/AL (Edital PIBIC 2012-2013)

Banca Examinadora

CARLOS RUBERTO FRAGOSO JUNIOR
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
CLEUDA CUSTODIO FREIRE Docente - PERMANENTE
MARLLUS GUSTAVO FERREIRA PASSOS DAS NEVES Docente - PERMANENTE
ALFREDO RIBEIRO NETO Participante Externo

Vínculo

-
-
-
Sim