Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS
RECURSOS HIDRICOS E SANEAMENTO (26001012019P6)
Avaliação Qualitativa das Águas no Sistema da Macrodrenagem da Bacia do Tabuleiro do Martins
JOSE ADRIANO ROCHA DE SA FILHO
DISSERTAÇÃO
09/02/2010

Os problemas de infra-estrutura existentes na cidade de Maceió, resultaram em freqüentes enchentes, principalmente na área mais baixa da bacia do Tabuleiro do Martins, causando impactos negativos, sobretudo os decorrentes da carga poluidora carreada pelo escoamento superficial. Em razão disso, nesta região foi posto em prática o projeto da Macrodrenagem composta por três lagoas de detenção, das quais as lagoas 1 e 2 eram interligadas por canais a lagoa 3, e esta ao rio Jacarecica. Objetivando conhecer as características limnológicas do sistema que compõe a Macrodrenagem da bacia do Tabuleiro do Martins, para posterior avaliação dos impactos negativos, foi feito o diagnóstico básico sobre os aspectos físico-químicos: temperatura da água e do ar, cor verdadeira, turbidez, sólidos dissolvidos totais, sólidos suspensos totais, fixos e voláteis, pH, condutividade elétrica, oxigênio dissolvido, DBO5, DQO, nitrogênio amoniacal, nitrito, fósforo total e cloreto; e biológicos: coliformes totais e termotolerantes. Para isso, foram realizadas coletas no período de junho a novembro de 2007, em sete pontos de amostragem, dos quais três se localizavam na Lagoa 1; um nas Lagoas 2 e 3; outro no curso d’água formado pelos excedentes de águas acumuladas nas referidas lagoas; além da descarga da empresa Coca-cola na lagoa 1. Ainda, foi feita uma caracterização geral da bacia, enfatizando os aspectos climáticos e de uso e ocupação do solo. Essas variáveis foram analisadas estatisticamente e correlacionadas com os limites estabelecidos pelas Resoluções CONAMA 274/2000 e 357/2005, e pelo Decreto 6200/1985. Os estudos realizados demonstraram que as águas pluviais também serviam para o escoamento de esgotos, indicando que as lagoas de detenção estavam ambientalmente ameaçadas, com muitos dos seus parâmetros limnológicos fora dos padrões estabelecidos pela legislação analisada. Os usos múltiplos dos corpos hídricos estudados foram inviabilizados pelos altos índices de coliformes termotolerantes, DBO5 e fósforo total, e baixos de oxigênio dissolvido, enquanto a descarga da fábrica de refrigerante Coca-cola apresentou todas as concentrações de DQO elevadas, superiores ao valor máximo estabelecido para emissão dos efluentes líquidos industriais no Estado de Alagoas.

Macrodrenagem do Tabuleiro, lagoas de detenção, poluição em lagoas
-
-
1
162
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

RECURSOS HIDRICOS E SANEAMENTO
PLANEJAMENTO E GESTÃO AMBIENTAL
Definição de critérios para elaboração de plano de gestão ambiental integrada de bacias urbanas

Banca Examinadora

ROSANGELA SAMPAIO REIS
DOCENTE - PERMANENTE
Sim
Nome Categoria
IVETE VASCONCELOS LOPES FERREIRA Docente - COLABORADOR
JAIME JOAQUIM DA SILVA PEREIRA CABRAL Participante Externo

Vínculo

-
-
-
Sim