Dados do Trabalhos de Conclusão

UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS
RECURSOS HIDRICOS E SANEAMENTO (26001012019P6)
Avaliação do tratamento de efluentes líquidos contendo chumbo, cobre e cádmio por adsorção em carvão ativado
ALLANI CHRISTINE MONTEIRO ALVES DA ROCHA
DISSERTAÇÃO
22/06/2007

O desenvolvimento industrial das últimas décadas, tem sido um dos principais responsáveis pela contaminação do meio ambiente, seja devido à negligência no tratamento dos seus efluentes ou mesmo por acidentes cada vez mais freqüentes, que propiciam o lançamento de muitos poluentes no meio ambiente. Dentre os vários tipos de poluentes, os metais pesados têm recebido atenção especial, uma vez que alguns são extremamente tóxicos, para uma grande variedade de organismos, mesmo em concentrações muito baixas. Metais pesados são elementos químicos metálicos, de peso atômico relativamente alto, que são encontradas na natureza na forma de diversos minérios. Dentre os métodos clássicos de tratamento de efluentes, a adsorção apresenta algumas vantagens sobre os demais, tais como baixa geração de resíduos, fácil recuperação dos metais pesados e a possibilidade de reutilização do adsorvente. Assim, dentro desse contexto, esse método de tratamento foi alvo de estudo neste trabalho, através de sua utilização no tratamento de efluentes líquidos sintéticos contaminados por íons cobre (concentração inicial de 10, 25 e 60 mg/L, com limites permissíveis de 1,0 mg/L pelo CONAMA) e chumbo (15, 25 e 35 mg/L, limite permissível de 0,5 mg/L), com o objetivo de estudar a viabilidade do uso deste tipo de tratamento como alternativa que permita uma redução da concentração destes poluentes nos efluentes gerados por diversos processos industriais. O carvão ativado em pregado de casca de coco possuía uma área de 600 m²/g, pH de 7,6 e diâmetro entre 0,71 e 1,71 mm. Os ensaios cinéticos em batelada foram realizados com 20 g/L de carvão. Os resultados obtidos mostram que a concentração do metal e pH do efluente têm influência na capacidade de adsorção destes metais pelo carvão ativado. Os resultados mostram também, que o modelo cinético e de isoterma de adsorção que melhor descreve os resultados obtidos são o pseudo-segunda ordem e Langmuir respectivamente. Quanto a avaliação da adsorção como técnica de tratamento, as eficiências obtidas para remoção de cobre e chumbo, com valores acima de 90%, indica que esta técnica é adequada para o tratamento destes metais nas condições estudadas.

efluentes líquidos, tratamento
-
-
1
69
PORTUGUES
UNIVERSIDADE FEDERAL DE ALAGOAS
O trabalho possui divulgação autorizada

Contexto

RECURSOS HIDRICOS E SANEAMENTO
TECNOLOGIAS APLICADAS AO MEIO AMBIENTE
Remoção de metal pesado presente em efluente líquido por adsorção em carvão ativado

Banca Examinadora

CHRISTIANO CANTARELLI RODRIGUES
DOCENTE - COLABORADOR
Sim
Nome Categoria
DEOVALDO DE MORAES JUNIOR Participante Externo
IVETE VASCONCELOS LOPES FERREIRA Docente - COLABORADOR

Financiadores

Financiador - Programa Fomento Número de Meses
FUND COORD DE APERFEICOAMENTO DE PESSOAL DE NIVEL SUP - Programa de Demanda Social 24

Vínculo

-
-
-
Sim